PUBLICIDADE
  1. Home
  2. Pecuária
  3. Aves
  4. Brasil não avança na retomada das exportações de frango para Europa
reunião

Brasil não avança na retomada das exportações de frango para Europa

No próximo dia 18 haverá uma votação na Comissão Europeia para decidir sobre possíveis restrições às exportações brasileiras de aves da empresa BRF e outras para o bloco europeu

Hugo Harada/Gazeta do Povo Maggi disse que, após a publicação da decisão do bloco, “serão tomadas as providências que forem consideradas necessárias para restabelecer o fluxo comercial”. | Hugo Harada/Gazeta do Povo

Maggi disse que, após a publicação da decisão do bloco, “serão tomadas as providências que forem consideradas necessárias para restabelecer o fluxo comercial”.

  • Da Redação

Após reuniões com representantes da União Europeia (UE) em Bruxelas, na Bélgica, nesta terça-feira (12), o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, disse que houve pouco progresso nas tratativas sobre as exportações de carnes de aves do Brasil para a UE.

“Houve poucos avanços, mas há alguma expectativa para minimizar os impactos negativos para as exportações de carnes de aves do Brasil para o bloco europeu”, comentou o ministro.

Ele informou que no próximo dia 18 haverá uma votação na Comissão Europeia para decidir sobre possíveis restrições às exportações brasileiras de carne de aves da empresa BRF e outras para o bloco europeu.

Maggi disse que, após a publicação da decisão do bloco, “serão tomadas as providências que forem consideradas necessárias para restabelecer o fluxo comercial”.

A UE adotou restrições ao ingresso de carnes de frango e peru na região, após a deflagração, pela Polícia Federal, da terceira fase da Operação Carne Fraca. Foi descoberto um esquema fraudulento em que laboratórios privados concediam laudos falsos que atestavam a ausência de salmonela nos produtos exportados.

Siga o Agronegócio Gazeta do Povo

Assista agora

VOLTAR AO TOPO

NOTÍCIAS POR CULTURA