Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Enkontra.com
PUBLICIDADE

Ainda em 2017

Vale a pena esperar? Confira os lançamentos que vêm por aí

Boa parte das novidades chegará às lojas no segundo semestre, mas teremos modelos inéditos já em junho, como o Fiat Argo e o Renault Kwid

  • Renyere Trovão
O Renault Kwid é uma das atrações para o mercado brasileiro em 2017. Modelo será apresentando no Salão de Buenos Aires, em junho. | Renyere Trovão/Gazeta do Povo
O Renault Kwid é uma das atrações para o mercado brasileiro em 2017. Modelo será apresentando no Salão de Buenos Aires, em junho. Renyere Trovão/Gazeta do Povo
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Com o mercado dando sinais de que pode retomar o crescimento nas vendas, as fabricantes automotivas pisam mais fundo no acelerador e programam uma avalanche de novidades para os próximos meses. Os lançamentos são para qualquer tipo de gosto e de bolso.

Caso esteja pensando em comprar um zero km, quem sabe vale a pena esperar um pouco antes de fechar o negócio. Até o fim de 2017 não faltarão opções para escolher aquele modelo que mais se encaixa as suas preferências. Por isso, dê uma olhada na lista abaixo e veja se seu próximo veículo está ali.

Fiat Argo

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/03/Automoveis/Imagens/Vivo/Fiat Argo projecao_João Kleber Amaral-816.jpg
Projeção baseada no Tipo europeu.João Kleber Amaral/Projeção

O novo hatch que irá substituir de uma só vez Punto e Bravo, e as versões mais caras do Palio, chega ao mercado na passagem de maior para junho.

Inspirado no Tipo europeu, o Fiat Argo trará algumas detalhes da picape Toro, como a luz diurna em led fina sobre os faróis, e interior inspirado no Jeep Renegade.

Os motores serão o 1.0 FireFly 3-cilindros, de 77 cv, na versão de entrada; o 1.3 FireFly , de 4 cilindros, ajustado para render até 109 cv; e o 1.8 E.torQ Evo, possivelmente de 132 cv e não de 139 cv como no Renegade. (Leia mais)

Ford EcoSport

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/03/Automoveis/Imagens/Vivo/Ford EcoSport 4_Renyere Trovão.jpg

Na virada do semestre é a vez do novo EcoSport dar as caras. A Ford deve fatiar o lançamento do modelo, assim como fez com o novo Ford Ka. O primeiro a estrear seria a versão 2.0, possivelmente equipada com o motor do Focus, com injeção direta de combustível, capaz de render 178 cv no etanol.

Logo depois surgiria a versão com o inédito motor 1.5 Dragon, de três cilindros, que assume o lugar do atual 1.6 Sigma, de quatro cilindros. Ele deve gerar algo perto de 130 cv, ou seja, 15 cv a mais que o atual 1.6. Promete ser o propulsor mais eficiente da categoria.

E numa terceira fase estreará o novo EcoSport 2.0 4WD associado à transmissão manual de seis marchas. O estepe continuará pendurado na tampa do porta-malas. (Leia mais)

Chevrolet Equinox

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/03/Automoveis/Imagens/Vivo/Chevrolet Equinox.jpg

A Chevrolet confirmou a vinda do Equinox para o lugar do Captiva no segundo semestre. O modelo chegará para brigar no segmento dos SUVs médio-compactos, hoje disputado por Hyundai ix35, Jeep Compass e Kia Sportage.

Produzido no México, é provável que desembarque com o motor 1.5 turbo a gasolina, de 173 cv, o que o deixaria com um preço mais acessível, porém, bem acima dos R$ 95 mil cobrados pelo Captiva e também do seu motor 2.4, de 183 cv.(Leia mais)

Volkswagen Tiguan AllSpace

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/03/Automoveis/Imagens/Vivo/Volkswagen-Tiguan_Allspace-2018-1280-01.jpg

A configuração alongada do novo Tiguan europeu já foi flagrada rodando no Brasil. O AllSpace tem capacidade para sete lugares.

É provável que ele seja a estrela da Volkswagen no Salão de Buenos Aires, em junho, com a chegada às lojas logo em seguida.

Como irá figurar num patamar superior em porte e preço, é de se esperar que o Tiguan atual (da geração antiga, na verdade) permaneça no mercado brasileiro por um tempo até o desembarque do modelo atualizado entre 2018 e 2019. (Leia mais)

Renault Kwid

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/03/Automoveis/Imagens/Vivo/Renault Kwid.jpg

O subcompacto começa a sair da fábrica de São José dos Pinhais entre junho e julho. O substituto do Clio tem jeitão de SUV em tamanho reduzido e ficará numa faixa de preço abaixo do Sandero.

Terá como destaque a presença de airbags laterais em todas as versões. Sob o capô, o novo motor 1.0 3-cilindros, recém-estreado pelo Sandero e Logan.

O Kwid exibe traços que lembram os irmãos Duster, na grade integrada ao conjunto óptico, e Sandero, nos faróis e para-choques. A traseira é mais arredondada e com uma pegada também de suvinho. (Leia mais)

Land Rover Discovery

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/03/Automoveis/Imagens/Vivo/Land Rover Discovery.jpg

A pré-venda do novo Land Rover Discovery já começou no Brasil, com entre R$ 363 mil e R$ 469 mil. As unidades encomendadas, porém, começam a ser entregues no fim de junho.

A quinta geração do utilitário é baseada no conceito Discovery Vision, que foi revelado em 2014 e também deu origem às linhas do Discovery Sport. O ‘suvão’ familiar tem um visual muito próximo ao do Evoque.

Os faróis são bem afilados e para-choques enormes e com entradas de ar marcantes. Design que transmite mais agressividade.

Chega com duas opções de motores: a turbodiesel, que rende 258 cv e 60,0 kgfm de torque, e o Si a gasolina, de 340 cv. Ambos com seis cilindros e associados à transmissão automática de nove marchas.

Volkswagen Polo

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/03/Automoveis/Imagens/Vivo/VW novo Polo 1.jpg

Com uma pegada mais premium, a sexta geração do Volkswagen Polo chega em outubro, quase que simultaneamente à Europa, onde fará sua apresentação no Salão de Frankfurt.

O modelo ganhará faróis mais afilados e um filete cromado na grade frontal. Trará também vincos mais pronunciados nas laterais e no porta-malas.

As lanternas terão linhas mais quadrados, semelhantes as do atual Gol, e com elementos tridimensionais. Será oferecido três motorizações: 1.0, de 82cv, 1.6, de 120cv, e 1.0 TSI, de 125cv.

O novo Polo deverá custar cerca de R$ 60 mil na versão mais básica, enquanto a topo de linha, com motor TSI e câmbio Tiptronic de 6 marchas, não sairá por menos de R$ 90 mil. (Leia mais)

Volkswagen Virtus

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/03/Automoveis/Imagens/Vivo/Volks Virtus.jpg

Há rumores de que a versão sedã do Polo pode até chegar na virada do semestre - a previsão era só no início de 2018.

Assim, o Virtus seria o primeiro a utilizar a plataforma MQB-A0 no Brasil (em seguida será o Polo), um projeto derivado do MQB, que serve de base para o Golf e o Audi A3 Sedan.

O três volumes terá espaço de sedã médio a preço de compacto. O alvo é certeiro: o bom de vendas Chevrolet Cobalt, que custa a partir de R$ 63 mil. O Honda City (R$ 60.900) também está na mira. (Leia mais)

Volkswagen Amarok V6

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/03/Automoveis/Imagens/Vivo/Volkswagen-Amarok-2017-1280-03.jpg

A versão mais forte da Amarok já está à venda na Argentina e com previsão de estrear em solo brasileiro no segundo semestre.

O motor 3.0 Turbodiesel rende 224 cv e 56,1 kgfm de torque e está associado ao câmbio automático de 8 velocidades. Números que colocarão a picape média na topo do segmento em força e desempenho.

Honda City

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/03/Automoveis/Imagens/Vivo/Honda City.jpg

O reestilizado Honda City seguirá as mesmas linhas que já estrearam na Ásia no ano passado, dentro da estratégia da marca em trabalhar apenas com carros globais, ou seja, as mudanças serão as mesmas nos diferentes mercados do mundo.

Ele ficou muito parecido com o novo Civic. A grade dianteira, com formato em colmeia, é maior do que a do modelo atual e com a parte cromada igual ao do sedã maior. Os faróis tem novo formato e receberam luzes diurnas em led.

O City deve irá continuar com o motor 1.5, de 116 cv, associado ao câmbio manual de 5 marchas e o automático tipo CVT.

Kia Rio

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/03/Automoveis/Imagens/Cortadas/Kia Rio_Renyere Trovão-kzGD-U201904073099wZ-1024x576@GP-Web.jpg
Renyere Trovão/Gazeta do Povo

O hatch premium chega ao Brasil importado do México no segundo semestre, pelo menos é o que prevê a Kia. O Rio deverá ser equipado com o motor 1.6 flex, de 128 cv, e câmbio manual de cinco marchas, o mesmo conjunto ofertado por Hyundai HB20 e Kia Cerato.

Lá fora, a novidade se posiciona entre o Picanto e o Cerato hatch. Entrará no segmento de hatches compactos premium, brigando com Ford Fiesta, Citroën C3 e Peugeot 208.

O Rio é o modelo mais vendido da Kia ao redor do mundo.

Renault Koleos

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/03/Automoveis/Imagens/Vivo/Renault Koleos.JPG

O utilitário esportivo de luxo com alta tecnologia desembarca até o fim do ano. Em versão única e com motor 2.5 de 170 cavalos, o Koleos terá como concorrentes o Hyundai Santa Fé, Honda CRV e Toyota RAV 4.

O modelo não deve custar menos que R$ 160 mil e se destaca pelo longo capô nervurado e os faróis estreitos de led, cujos contornos são expandidos por uma fileira de luzes de rodagem diurnas (DRL) na borda inferior.

A grade serve como moldura ao enorme símbolo da Renault. (Leia mais)

Volkswagen Golf

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/03/Automoveis/Imagens/Vivo/VW Golf 1-831.jpg

A sétima geração do Volkswagen Golf foi lançada em 2012 na Europa e no fim do ano seguinte desembarcou no Brasil. E já ganhou a sua primeira reestilização lá fora, que também vira para cá.

Produzido em São José dos Pinhais, as principais mudanças estão nos faróis em led e no novo formato do para-choques. O sistema multimídia também foi atualizado. No ano passado, o hatch médio adotou no Brasil a motorização 1.0 TSI (turbo), de 125 cv. (Leia mais)

Audi A5

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/03/Automoveis/Imagens/Vivo/Audi A5.jpg

A nova geração do cupê de quatro portas da Audi chega na virada do semestre ao Brasil. Apresentado no Salão de Paris 2016, o A5 está maior, com 2,82 m de entre-eixos, e virá equipada com motores 2.0 turbo de 190 cv e 252 cv.

Certamente desembarcará mais caro que a atual geração vendida no país, que variava de R$ 162 mil a R$ 240 mil e já não está mais disponível em estoque nas lojas.

Chery Tiggo 2

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/03/Automoveis/Imagens/Vivo/Chery Tiggo 2_Renyere Trovão.jpg

É o principal lançamento da marca chinesa no ano, previsto para o segundo semestre. O crossover será feito em Jacareí (SP), ao lado do Celer, do qual é baseado, e do New QQ. A Chery o venderá como a segunda geração do atual Tiggo.

Digamos que segue a mesma linha do Honda WR-V, que brigará com as versões de entrada dos SUVs compactos e tentará fisgar que não se contenta em ficar no sedã compacto-médio.

Usará o motor 1,5, de 109 cv, conectado a um câmbio manual de cinco marchas e também com a opção CVT.

Honda CR-V

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/03/Automoveis/Imagens/Vivo/Honda CR-V-822.jpg

A Honda está renovando praticamente todo o portfólio. Depois de Civic e WR-V, outra novidade será a quinta geração do CR-V .

O SUV médio traz visual mais marcante do que o modelo anterior. A dianteira é totalmente nova e traz grade dianteira cromada integrada aos faróis com luzes diurnas em led. Na traseira, as lanternas agora invadem a tampa do porta-malas.

Peugeot 3008

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/03/Automoveis/Imagens/Vivo/Peugeot 3008 5.jpg

O Peugeot 3008 assume o perfil de utilitário esportivo (antes era um crossover) ao exibir uma linha de cintura mais alta, para-choques largos, saias laterais, rodas maiores, barras de teto, entre outros componentes visuais.

A dianteira foi inspirada no hatch médio 308. A grade se destaca e é emoldurada por linhas cromadas. Os faróis são bem recortados e vem acompanhados de luz diurna em led pontilhada.

Virá para o Brasil com o propulsor 1.6 THP, de 165 cv, administrado pelo câmbio automático de seis marchas. Chega no segundo semestre com preço estimado de R$ 140 mil.

Volkswagen Gol GT

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/03/Automoveis/Imagens/Vivo/Gol GT Concept Capa.jpeg

Com a chegada do novo Polo, restará ao Gol lançar a versão limitada GT como a grande novidade do modelo para este ano. A versão se baseará no conceito exibido no Salão de São Paulo em 2016.

Além do visual esportivo, o Volkswagen usará carroceria de duas portas, suspensão mais baixa e rodas aro 17”. A motorização ainda é guardada em segredo, mas bem que poderia usar o propulsor 1.0 TSI 3-cilindros, de 125 cv, que equipa o Golf turbo. A transmissão será manual de 6 marchas. (Leia mais)

Hyundai i30

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/03/Automoveis/Imagens/Vivo/Hyundai i30 frente 1_Newspress.jpg

A terceira geração do hatch médio fez sua estreia mundial no Salão de Paris 2016. Ela absorve de vez o estilo europeu, cada vez mais presente nos carros do grupo Kia-Hyundai desde que o designer alemão Peter Schreyer, ex-Audi, passou a projetar os modelos - hoje ele preside a Hyundai.

A principal mudança no i30 está na linha de motores , que é quase toda turbo para entregar mais força e reduzir o consumo de combustível. Está previsto para o segundo semestre.

JAC T3

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/03/Automoveis/Imagens/Vivo/JAC T3.jpg

É um carro totalmente pensado para o mercado brasileiro, uma espécie de ‘CrossFox’ da JAC. Trata-se da versão aventureira de uma nova linha de compactos que a JAC pretende emplacar no Brasil a partir deste ano.

Chega primeiro importado da China (no segundo semestre) e depois vira nacional quando a marca inaugurar a fábrica na Bahia. O T3, ou S2, como é conhecido na Ásia, irá para brigar com o próprio CrossFox, Renault Sandero Stepway e Hyundai HB20X, além do Honda WR-X, que segue o mesmo estilo.

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Automóveis

PUBLICIDADE