Blogs

Fechar
PUBLICIDADE

Aviões em foco

Enviado por Gustavo Ribeiro, 29/09/14 9:00:10 AM

Europa libera telefone celular nos aviões; Brasil ainda tem restrições

A Agência Europeia para a Segurança da Aviação (Easa) fez o que muitos passageiros desejavam há muito tempo: permitiu o uso de aparelhos eletrônicos, inclusive telefone celular nos aviões durante todo o voo. Sim, do começo ao fim. E sem restrições. Nada de modo avião. Quem estiver na aeronave poderá fazer e receber ligações à vontade.

A permissão se estende para qualquer tipo de aparelho, como smartphones, tablets, notebooks, e-readers, MP3 players e afins.

Apesar de ter liberado o uso desses dispositivos, a Easa deixa a cargo de cada companhia aérea a aceitação, já que não se trata de uma regra, e sim uma permissão. E para isso, as empresas terão de provar que não haverá interferência alguma nos sistemas dos aviões. Só assim poderão permitir que os passageiros falem ao celular durante todas as fases do voo. As companhias que acharem por bem manter a proibição, poderão assim proceder.

Passageiro usando telefone celular a bordo de um avião comercial

Agência Europeia para a Segurança da Aviação (Easa) permitiu o uso de telefones celulares nos aviões (Foto: Lucas Jackson / Reuters)

Essa novidade da agência europeia tem muito mais a ver com a falta de um estudo que comprove a interferência nos sistemas de comunicação do avião do que uma pesquisa que afaste essa possibilidade.

Tanto é assim que no restante do mundo as restrições prevalecem, mesmo que mais leves que antes. Nos Estados Unidos, por exemplo, a Administração Federal de Aviação (FAA) passou a permitir no ano passado o uso de telefones móveis do começo ao fim do voo, desde que estejam no modo avião. Se a aeronave tiver sistema wifi, pode usar.

No Brasil, a restrição é maior. Segundo normas da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), nada de usar dispositivos eletrônicos, mesmo em modo avião, a partir do momento em que as portas da aeronave sejam fechadas até atingir uma determinada altitude. Depois disso, só modo avião, e até o início do procedimento de descida.

A Anac já acenou que deve, nos próximos meses, ampliar a utilização de celulares para todas as fases do voo, mesmo que no modo avião, assim como acontece nos Estados Unidos. É o caminho natural antes de liberar geral como na Europa. É questão de tempo. Até porque muita gente tem trocado livros, jornais e revistas por versões digitais em tablets. E não poder ler durante todo o voo não faz sentido.

Resta saber se usar telefone celular nos aviões vai ser uma boa. Não é nem em relação à segurança, que parece ser assunto passado, mas às regras de convívio. Afinal de contas, ter muita gente falando ao telefone em um lugar tão fechado como uma aeronave, não parece ser algo muito agradável.

Deixo abaixo um vídeo bem humorado sobre esse “pode, não pode” de aparelhos eletrônicos em aviões.

Este é um espaço público de debate de idéias. A Gazeta do Povo não se responsabiliza pelos artigos e comentários aqui colocados pelos autores e usuários do blog. O conteúdo das mensagens é de única e exclusiva responsabilidade de seus respectivos autores.
Buscar no blog
Acompanhe a Gazeta do Povo nas redes sociais