*

Enkontra.com
Blog Caixa Zero
Blog Caixa Zero

Presos põem no YouTube vídeos que mostram caos em celas do Paraná

Um grupo de detentos da cadeia de Cambé, na região de Londrina, conseguiram fazer dois vídeos e colocar no YouTube. A ideia é mostrar do lado de dentro a situação das celas para presos provisórios, superlotadas e sem condições de ressocializar ninguém.

Num primeiro vídeo, o detento mostra as condições em que os detentos dormem, sem espaço para que todos usem colchões ao mesmo tempo. O vídeo teria sido filmado às sete da manhã, quando a cela vai acordando.

O segundo, mais longo, mostra os presos apinhados na cela e reclamando da superlotação e de outros problemas: gente doente, com sarna, colchões molhados e, principalmente, a situação de quem já deveria ter saído para o semiaberto e continua trancado.

A Folha de Londrina procurou o Departamento Penitenciário do Paraná, que emitiu nota admitindo o problema de superlotação. No texto, o Depen diz que o problema diminuiu (eram 14 mil presos provisórios em 2011, hoje seriam 9,5 mil) e que a solução depende do fim de obras de novas penitenciárias

Nos últimos dias, o Paraná vem vivendo uma série de fugas, rebeliões e denúncias de superlotação em cadeias de delegacias do estado. Em Cascavel, um preso morreu decapitado em uma rebelião. No Portão, em Curitiba, dois morreram numa tentativa de fuga.

No 11.º Distrito Policial, no CIC, em Curitiba, onde há 170 pessoas num espaço para 41, uma inspeção mostrou que os presidiários vivem em condições desumanas.

Siga o blog no Twitter.

Curta a página do Caixa Zero no Facebook.