*

Enkontra.com
Blog Luta Livre

UFC 213 tem card confirmado com duas lutas de cinturão

O UFC confirmou nesta sexta-feira (19) que a disputa de cinturão peso-galo (até 61 kg) entre Cody Garbrandt e TJ Dillashaw será a principal atração do UFC 213, dia 8 de julho, em Las Vegas.

Ex-companheiros na academia californiana Alpha Male, os americanos hoje são rivais e protagonizam — com direito a briga no backstage — a atual temporada do reality show The Ultimate Fighter.

A realização da luta estava ameaçada por que o campeão Garbrandt sofreu uma lesão nas costas recentemente. O lutador foi mandado para a Alemanha pelo presidente Dana White, onde realizou um tratamento com células-tronco (que aparentemente funcionou).

→LEIA TAMBÉM

Quanto ganha um lutador do UFC?

O que aconteceu com os lutadores do primeiro The Ultimate Fighter Brasil?

No segundo duelo mais importante da noite, a brasileira Amanda Nunes e a ucraniana Valentina Shevchenko lutam pelo cinturão feminino dos galos. Baiana, a Leoa tenta sua segunda defesa de cinturão — em julho do ano passado ela nocauteou a ex-campeã Ronda Rousey.

Além do confrontos de cinco rounds, o evento também terá outras lutas importantes.

Entres os pesos-pesados (até 120 kg), o gaúcho Fabrício Werdum encara o holandês Alistair Overeem pela terceira vez — o confronto está empatado). Já entre os meio-médios (até 77 kg), o ex-campeão Robbie Lawler enfrenta Donald Cerrone.

Pelos leves (até 70 kg), Anthony Pettis mede forças com Jim Miller.

Por causa da crise, treinador de José Aldo aconselha lutadores a deixarem o Brasil

 
 
mais conteúdo após a publicidade