*

Enkontra.com
Blog Palpite de Alice

Se mexer não é exatamente se exercitar!

Fui questionada recentemente se as tarefas domésticas de uma dona de casa são consideradas exercícios físicos?

Pesquisando sobre o assunto, descobri que existe uma grande confusão sobre os conceitos dos termos desta área da educação física.

A atividade Física, o exercício físico e a prática esportiva são termos semelhantes, porém com significados e definições diferentes.

A atividade física é tecnicamente qualquer contração do musculo esquelético que produza movimento corporal ou qualquer gasto energético maior do que em nível de repouso. Um simples movimento de mãos pode ser considerado uma atividade física!

Para ser considerado exercício físico – esta subcategoria da atividade física – por definição deve apresentar algum planejamento, ser estruturado e repetitivo.

A prática esportiva (ou esporte) por sua vez é uma atividade competitiva, institucionalizada e repetitiva que envolve esforço físico intenso – visando atingir desempenho máximo.

Cynthia Duarte em competição de triathlon

Arquivo pessoal de Cynthia Duarte – Competição de triathlon

Considerando as definições acima, podemos dizer então que se uma pessoa está correndo no parque ou andando de bicicleta na rua – sem objetivo de competição – ela está praticando uma atividade física que também se enquadra como exercício físico.

Na verdade, o que importa é se estes movimentos estão relacionados para qualidade de vida ou desempenho esportivo. Por exemplo; no esporte de alto rendimento, não existe uma preocupação prioritária com a saúde ou a qualidade de vida e sim as vitórias e o desempenho máximo. Já o exercício físico tem como objetivo melhorar a qualidade de vida das pessoas.

A OMS – Organização Mundial de Saúde recomenda para adultos de 65 anos ou menos, 150 minutos de exercício físico por semana. Podendo ser – por exemplo – uma caminhada no parque de 45 minutos – três vezes por semana. A realização pode ser de maneira formal ou como lazer, contínua ou acumulada. Com sessões de pelo menos 15 minutos com a intensidade no mínimo moderada. Assim se consegue manter a saúde, prevenindo se de uma grande variedade de doenças crônicas.

Respondendo então a pergunta da minha colega de Pilates sobre, se as atividades domésticas que ela desenvolve diariamente podem ser consideradas exercícios físicos? Penso que não, mas certamente suas aulas de Pilates associadas a um exercicio aeróbico devem contribuir para que você desempenhe seus afazeres domésticos com maior eficácia, facilidade e prevenindo a de lesões.

“Existem diversas maneiras de dizermos nós mesmos ao nosso corpo que ele tem importância, que é amado e respeitado. De fazê-lo sentir seu próprio desejo de viver. O melhor é deixa-lo praticar aquilo para que foi concebido: o movimento e a atividade física.” David Servan Schreiber – Autor do livro “Anticancer”.

 

Sou Cynthia Duarte, fui ciclista profissional por 20 anos e hoje escrevo para informar e incentivar a prática esportiva e o exercício físico para ganho na qualidade de vida dos leitores.

Por Cynthia Duarte