Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Enkontra.com
PUBLICIDADE

Shows

Público ignora chuva e vibra com o ska do Sublime no Lupaluna

Clássicos que marcaram a década de 90 foram cantados em coro por milhares de pessoas que ficaram na chuva esperando pela banda norte-americana

  • Vitor Geron
  • Atualizado em às
A banda Sublime with Rome em show realizado no festival Lupaluna, em Curitiba, no ano de 2011 |
A banda Sublime with Rome em show realizado no festival Lupaluna, em Curitiba, no ano de 2011
 
0 0 COMENTE! [0]
TOPO

Público ignora chuva e vibra com o ska do Sublime no Lupaluna

A chuva forte que caía no BioParque não diminuiu a euforia do público no momento em que o Sublime with Rome, uma das bandas mais aguardadas desta edição do Lupaluna, subiu ao Lunastage neste sábado (14). Os norte-americanos levaram à loucura os fãs que aguardavam há anos para assistir a um show da banda.

Com Rome Ramirez na guitarra e vocais, o Sublime iniciou a turnê no ano passado após um longo tempo de inatividade. Logo no início do show, o baixista Eric Wilson, agradeceu Matt Ochoa, da banda Dirty Heads, que na última hora foi chamado para substituir Bud Gaugh, ausente no Brasil por problemas familiares.

O primeiro grande momento do show foi quando o grupo tocou Smoke Two Joints, um dos muitos clássicos que fizeram da banda uma das mais influentes nos anos 90. Pouco depois, milhares de pessoas pularam ao som de Date Rape, outra que não poderia ficar de fora.

Além das canções que marcaram os anos 90, os músicos aproveitaram a ocasião para apresentar canções do novo álbum, Yours Truly, que será lançado em julho deste ano. Rome agradeceu ao público que fez questão de acompanhar o segundo show internacional do Lupaluna 2011.

Para fechar a apresentação, Rome chamou um garoto na plateia para cantar Santeria, maior clássico da banda, junto com ele. O vocalista mostrou simpatia e deu o microfone para o menino que parecia não conhecer a letra da música. Não precisava, as milhares de pessoas presentes cantaram enquanto Rome se divertia com a situação curiosa.

Pouca gente conseguiu ficar parada com a levada ska do Sublime. Um show inesquecível para os fãs que há mais de duas décadas ouvem Sublime e também para a banda. Em entrevista, Rome disse que é incrível como os brasileiros sentem o show e garantiu que estava muito feliz com a resposta do público.

Ao ser perguntado sobre o que ele mais gosta no Brasil, Rome deu uma resposta que não surpreendeu: as mulheres. Resta saber se eles terão tempo para aproveitar o que o Brasil tem de melhor (segundo eles), já que a banda tem agenda lotada nesta turnê brasileira.

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Caderno G

PUBLICIDADE