Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Enkontra.com
PUBLICIDADE

Cênicas

UFPR projeta site com recitações de Shakespeare

Vídeos com declamação de trechos de peças servirão de arquivo digital ao Globe Theatre brasileiro, que deve ser inaugurado em 2016 em Minas Gerais

  • Helena Carnieri
Liana Leão, com Bárbara Heliodora e Mauro Maya: parceria |
Liana Leão, com Bárbara Heliodora e Mauro Maya: parceria
 
0 0 COMENTE! [0]
TOPO

Um programa nascido na Universidade Federal do Paraná (UFPR) e apoiado pela televisão daquela entidade irá difundir trechos da obra de Shakespeare para a rede de televisões universitárias do Brasil. O projeto também servirá de arquivo digital ao Instituto Gandarela, que pretende inaugurar em 2016 o Globe Theatre brasileiro na cidade mineira de Rio Acima.

A ideia partiu da professora shakespeareana Liana Leão, que sonha em difundir trechos de obras do bardo aos quatro ventos. O projeto Shakespeare: Texto, Palco e Tela, ainda em produção, permitirá que estudantes, acadêmicos e interessados assistam a programas de 3 a 5 minutos em que atores declamam trechos marcantes de peças como Hamlet, Macbeth e Rei Lear. Antes, um estudioso da área fala sobre a relevância do excerto em questão.

A escolha de textos e explicações virá da pena de ninguém menos que Bárbara Heliodora, carioca que é a sumidade nacional nos estudos do escritor inglês e que se dispôs a dirigir os atores. A também crítica e tradutora deve iniciar as gravações neste mês, com atores como Fernanda Montenegro, Diogo Vilela e Marco Nanini.

Quando, há um mês, Liana apresentou a ideia à UFPR TV, foi recebida de braços abertos. “Temos buscado parceiros que nos tragam conteúdo”, explica o diretor do canal, Carlos Rocha, que prevê o início das transmissões dos mesmos vídeos do site para fevereiro de 2013. As gravações no Rio de Janeiro serão feitas em parceria com o laboratório de vídeo em 3D da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Em Curitiba, serão convidados atores experientes. Em sua passagem por Curitiba com a peça Macbeth, no dia 27 de outubro, os atores Marcello Antony e Claudio Fontana já deram sua contribuição e gravaram falas do espetáculo para uso no projeto.

Globe

O teatro brasileiro que será uma réplica do Shakespeare’s Globe Theatre de Londres deixou empolgados tanto estudiosos quanto intérpretes e diretores interessados na obra do bardo. Essa é a primeira vez que os administradores daquele importante ponto turístico londrino autorizam o uso da marca e o projeto arquitetônico, com sua arena circular, em outro país.

“Vamos receber produções do Globe inglês e as melhores produções brasileiras serão apresentadas lá”, garante o idealizador do projeto, Mauro Maya.

Além das apresentações e de contribuir com vídeos para o site, o teatro estará inserido no circuito cultural Gandarela, que será lançado dia 1º de dezembro. O objetivo amplo é promover, por meio da cultura, o desenvolvimento da região, que fica no quadrilátero ferrífero de Minas Gerais. Ainda neste mês, a professora Aimara Resende, que cooordena o núcleo artístico educativo, deve dar início a aulas sobre Shakespeare para crianças.

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Caderno G

PUBLICIDADE