Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Enkontra.com
PUBLICIDADE

LARGO DA ORDEM

Manifestantes fazem protesto no casamento da deputada Maria Victoria

Ao todo, foram cerca de quatro horas de mobilização que causaram tumulto durante evento

  • Da Redação, com informações de Durval Ramos
  • Atualizado em às
Manifestantes criticam casamento da deputada, filha do ministro da Saúde, Ricardo Barros | Giuliano Gomes/Gazeta do Povo
Manifestantes criticam casamento da deputada, filha do ministro da Saúde, Ricardo Barros Giuliano Gomes/Gazeta do Povo
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Mais de 200 pessoas participaram de um protesto na noite desta sexta-feira (14), em frente à Igreja do Rosário, no Largo da Ordem, em Curitiba. No local, aconteceu o casamento da deputada estadual Maria Victoria Borghetti Barros (PP), filha da vice-governadora do estado, Cida Borghetti, e do ministro da Saúde, Ricardo Barros, com o advogado Diego da Silva Campos. A recepção aos convidados ocorreu no Palácio Garibaldi. Ao todo, foram cerca de quatro horas de mobilização contrária às reformas trabalhista e da Previdência e ao governo Beto Richa, que causaram tumulto durante o evento.

GALERIA: Veja fotos do protesto durante o casamento a deputada Maria Victória

Vídeo: Veja o protesto em frente à Igreja do Rosário

Foi necessária uma van para retirar os noivos e alguns convidados da igreja, isolada por policiais da Tropa de Choque já no início da noite. Policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) também se juntaram a 14 viaturas da Polícia Militar para conter a manifestação. O trânsito nas ruas Trajano Reis e Jaime Reis chegou a ficar bloqueado e uma ambulância do Samu precisou ser acionada para atender um convidado que torceu o pé dentro da igreja.

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/07/15/Curitiba/Imagens/Vivo/WhatsApp Image 2017-07-14 at 19.03.14 (1).jpeg
Deputada Maria Victoria chega à Igreja do Rosário em meio a manifestantesGiuliano Gomes/Gazeta do Povo

Além dos noivos, os convidados do casamento também foram vaiados. Os seguranças particulares do evento usaram guarda-chuvas para evitar que ovos e outros objetos jogados pelos manifestantes atingissem os convidados.

Leia também: Lagosta, trufas e coxinha gourmet: veja o cardápio da festa de casamento de Maria Victoria

Leia também:Palácio Garibaldi é multado por alterações para casamento da deputada Maria Victoria

Os policiais, ao final da cerimônia, recolheram ovos que estavam com os manifestantes, mas eles, mesmo assim, voltaram a arremessar objetos contra quem cruzava a área. O restante dos convidados seguiu à pé até o Palácio Garibaldi, sob escolta da PM, pela Rua Jaime Reis. Eles caminharam em meio a xingamentos e arremessos de lixo, ovos e garrafas de cerveja. Houve uso de força policial em alguns momentos.

Pelo menos um dos manifestantes ficou ferido. Ele foi atingido no rosto quando os últimos convidados deixaram a igreja e a PM respondeu com bomba de efeito moral e disparos de borracha aos arremessos de objetos no público.

Protesto durante casamento da deputada Maria Victoria

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Curitiba

PUBLICIDADE