Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Caro usuário, por favor clique aqui e refaça seu login para aproveitar uma navegação ainda melhor em nosso portal. FECHAR
PUBLICIDADE

manifestação

Metalúrgicos paranaenses fazem paralisações e fecham vias em protesto pró-Lula

  • Gazeta do Povo
  • Atualizado em às
 | Reprodução/SMC
Reprodução/SMC
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Os metalúrgicos de Curitiba fizeram, na tarde desta sexta-feira (6), um protesto nas principais fábricas da cidade, o que também afeta o trânsito nas regiões próximas às unidades. O ato acabou às 16h15. A categoria encerrou o protesto na rodovia e iriam para a manifestação pró-Lula na Praça Santos Andrade, no Centro de Curitiba.

Na BR-277, que liga a capital paranaense ao litoral do estado, o trânsito chegou a ficar parcialmente bloqueado na altura do quilômetro 69 em um protesto de funcionários da Renault. Os trabalhadores bloquearam totalmente a via em dois momentos, mas depois de negociação com agentes da Polícia Rodoviária Federal decidiram liberar uma das faixas. Às 15h30, havia 3,5 km de congestionamento na via segundo informações da polícia Rodoviária Federal (PRF).

Por causa disso, a fila na rodovia bloqueava uma das alças de acesso ao Contorno Leste. Segundo a PRF, são 10 quilômetros de congestionamento na BR-116 — do quilômetro 92 ao 102.

Na região da Avenida Juscelino Kubitschek (CIC), os funcionários da Bosch bloqueiam uma via marginal. O Parque Industrial Volkswagen também tem paralisação de acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos de Curitiba.

O protestos foram motivados pela ordem de prisão emitida pelo juiz Sergio Moro ao ex-presidente Lula. Condenado no âmbito da Lava Jato, Lula deve ser preso ainda nesta sexta-feira.

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Curitiba

PUBLICIDADE