Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Empreender

Fechar
PUBLICIDADE

Liderança criativa

Método holandês ensina a usar a criatividade como alavanca da liderança

Inscrições para a terceira edição brasileira do curso da escola THNK estão abertas. Aulas ocorrerão no próximo mês de abril

THNK: método holandês de liderança criativa realiza curso no Brasil. Saiba como participar na Gazeta do Povo. | Reprodução
THNK: método holandês de liderança criativa realiza curso no Brasil. Saiba como participar na Gazeta do Povo. Reprodução
 
0 0 COMENTE! [0]
TOPO

No feriado de Tiradentes, 30 líderes do Brasil – alguns de fora – vão se reunir em São Paulo para um curso de liderança um pouco diferente. A THNK, escola holandesa de liderança criativa, realiza uma edição Global Creative Leadership Program na cidade de São Paulo, entre 20 e 22 de abril. As inscrições permanecem abertas até a véspera do evento. Restam apenas 15 vagas.

Veja detalhes sobre as inscrições

O curso é voltado para líderes de toda estirpe. Podem ser executivos de grandes empresas, de pequenas organizações inovadores ou de projetos de impacto social. “O que a gente traz são ferramentas de desenvolvimento da criatividade como principal alavanca de liderança”, explica Guilherme Bcheche, CEO da Polifonia, que representa a THNK no Brasil.

Como o método funciona

Criada em 2010, a THNK é fruto de uma confluência entre o mundo criativo, de negócios e o governo holandês. O propósito é utilizar elementos do design thinking (ligado à criatividade) para inspirar as pessoas a liderar e inovar. O curso completo, ofertado em Amsterdã e em Lisboa, dura seis meses, sendo quatro semanas inteiramente presenciais neste interim. O de São Paulo, em três dias, é como uma versão em “pílula”.

A rotina dos “alumni” (como os participantes são chamados) começa com a reunião do grupo em “algum lugar que estimule a criatividade” (os dois anteriores foram em museus paulistas, por exemplo). A sala é montada para evitar a acomodação e incentivar a ação. As cadeiras, por exemplo, não tem encosto. Ninguém fica parado. Desafios são lançados ao grupo, que deve lançar de soluções criativas para chegar a uma solução.

VÍDEO: Confira depoimentos de quem já fez o curso da THNK no Brasil

Facilitadores mediam o debate. E, no momento de reflexão, o reitor da THNK, Berend-Jan Hilberts entra em ação. É dele o papel de amarrar a vivência da dinâmica e dela extrair conceitos. “O momento em que as pessoas vão sentar e refletir sobre é a base para o desenvolvimento do programa. Porque mais importante do que experimentar é refletir sobre a experiência”, argumenta Guilherme Bcheche, que também é Head da THNK no Brasil.

Faz parte do método. Primeiro os próprios líderes se deparam com a necessidade de engrenarem sua criatividade. Mas a magia acontece quando este conhecimento é colocado em prática. A ideia é promover uma mudança de mindset e, ao mesmo tempo, ser uma ferramenta instrumental. Tanto que muitos inscritos acabam replicando a dinâmica com suas equipes, quanto voltam para suas organizações.

LEIA MAIS sobre empreendedorismo e carreira na Gazeta do Povo

Negócios que “mudam o mundo” podem chegar a R$ 50 bilhões até 2020

Saiba como concorrer a uma viagem para o Vale do Silício

Em alguns casos, os alunos saem da escola com novos negócios. Caso de Shammy Jacob, que entrou na primeira turma da THNK como executivo da Nike, e saiu de lá como empreendedor de negócios sociais. Hoje ele gerencia uma agência de sustentabilidade e uma organização não lucrativa (Saaf India) que formula soluções inteligentes para descartar o lixo das poluídas estações de trem indianas.

E aí entra um dos eixos do programa, que é fomentar o contato entre as lideranças inscritas. Tanto que as inscrições, abertas ao público em geral, passam por uma seleção. “A gente precisa manter o nível muito alto. Ter pessoas que, além de tudo, consigam fazer um networking relevante [entre si]. É uma das coisas de valor que o programa deixa.

São Paulo é um dos raros lugares fora da Holanda onde o treinamento é ofertado (há edições em Xangai, na China, e na Universidade de Stanford, nos EUA). A versão brasileira é a única concentrada em três dias, o que atrai olhares de fora. Já estão inscritos para esta edição de abril próximo líderes da Alemanha, do Canadá e da Argentina.

Serviço

Curso: Global Creative Leadership Program

Quando: 20, 21 e 22 de abril

Onde: São Paulo

Inscrições: thnk@polifonia.com.br

Custo: R$ 9.420,00

Mais informações: (11) 3586-4201/ (11) 99574-1816

Confira depoimentos de quem já fez o curso da THNK no Brasil:

Global Creative Leadership Program from NODE on Vimeo.

Siga a Gazeta do Povo e acompanhe mais novidades

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Economia

PUBLICIDADE
Acompanhe a Gazeta do Povo nas redes sociais