Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE

Mercado de trabalho

4 carreiras em alta no campo que pagam salários de até R$ 25 mil

Empresas do agronegócio estão investindo na contratação de profissionais mais experientes e qualificados para conduzir seus processos de expansão

  • Da Redação
O perfil de profissionais  mais buscado pelas  empresas  do agronegócio no mercado de trabalho  é o  que combina amplo conhecimento técnico com competência em gestão. | Marcelo Andrade
O perfil de profissionais mais buscado pelas empresas do agronegócio no mercado de trabalho é o que combina amplo conhecimento técnico com competência em gestão. Marcelo Andrade
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

As empresas do agronegócio investiram pesado na contratação de profissionais mais experientes e qualificados para conduzir seus processos de expansão em 2017. De acordo com a Michael Page, consultoria de recrutamento executivo de média e alta gestão, houve um aumento de 25% na contratação de profissionais com perfil técnico e de gestão no ano passado em relação a 2016.

LEIA MAIS: Os 10 melhores programas de MBA do mundo em 2018

Os cargos mais demandados no ano passado foram direcionados às áreas de Operações, Finanças e Vendas. Figuram nesta lista, por exemplo, os gestores de fazenda, coordenadores técnicos (Irrigação, Tratos Culturais, Monitoramento de Pragas, Controle de Qualidade), Controller e os Coordenadores e Gerentes Comerciais. As contratações para a área de Operações representaram 50%, seguida por Finanças (30%) e Vendas (20%).

Segundo Marcelo Botelho, gerente da Michael Page para o setor Agro, essa demanda foi impulsionada por companhias que encerram 2017 expandindo seus processos. A tendência é que esse movimento continue em 2018.

“Há um movimento de profissionalização de grandes grupos desse segmento e uma crescente necessidade de contratar gestores para posições estratégicas. Serão essas pessoas as responsáveis pela nova fase que essas empresas estão optando, seja para estruturação de processos, ampliação de mercado ou internacionalização da operação”.

O perfil de profissionais que as empresas mais têm buscado no mercado é o que combina amplo conhecimento técnico com competência em gestão. “Estamos falando de executivos com capacidade de dialogar, de construir um legado, além de uma formação técnica apurada, preferencialmente ancorada em universidades de referência. Um MBA e um segundo idioma também são diferenciais buscados nesses profissionais”, revela Botelho.

Confira quatro carreiras mais demandados pelas empresas do agronegócio:

Gerente de fazenda

Responsável pela gestão direta da fazenda, esse profissional lidera a equipe técnica de campo e tem forte papel no desenvolvimento das pessoas. Recentemente tem assumido um papel ainda mais estratégico, incorporando a gestão financeira e de custos do negócio. Deve ter capacidade de conciliar a expertise técnica com a gestão. Preferencialmente formação em Engenharia Agronômica e com cursos de capacitação como MBAs voltados para o Agronegócio.

Salário: De R$ 10 mil a R$ 25 mil

Coordenadores Técnicos

(Irrigação, Tratos Culturais, Monitoramento de Pragas e Controle da Qualidade)

Os coordenadores técnicos são os transmissores de conhecimento no campo. Considerados a linha de frente do gerente da fazenda nas tratativas diretas com os colaboradores do campo, eles são responsáveis por um aspecto técnico do processo produtivo e trabalharam para garantir elevados padrões de produtividade, qualidade e mitigação de riscos na propriedade. O ideal é que eles tenham um perfil alinhado ao do gerente de fazenda, conciliando competências técnicas e de gestão (embora ainda um pouco mais direcionado para o técnico) e capacidade de motivar e capacitar a sua equipe.

Salário: De R$ 6 mil a R$ 12 mil

Controller

O controller planeja, organiza e desenvolve planos econômico-financeiros, analisa informações contábeis e indicadores de performance para acompanhar as projeções de faturamento do negócio. O profissional deve ter formação em Contabilidade e forte capacidade analítica, além de facilidade de interação com as outras áreas para entender a composição dos custos.

Salário: De R$ 12 mil a R$ 16 mil

Coordenadores e Gerentes Comerciais

São responsáveis por garantir a estratégia comercial dos produtos, fazem o corpo a corpo com os clientes visando entender o diferencial do seu produto e motivando a equipe interna ou de representantes técnicos de vendas para a difusão do produto.Também neste caso, tem sido cada vez maior a demanda por profissionais com formação técnica (Engenharia Agronômica, Zootecnia, Veterinária) com capacidade de falar a mesma língua do cliente, alto perfil relacional e capacidade de traçar estratégias. A necessidade de fluência em idiomas estrangeiros tem aumentado devido ao crescimento das exportações.

Salário: De R$ 7 mil a R$ 12 mil + remuneração variável

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Economia

PUBLICIDADE