Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE

Competição

20 cidades continuam na disputa para receber segunda sede da Amazon

A nova sede receberá investimentos de US$ 5 bilhões e 50 mil empregos qualificados da gigante do varejo

  • Spencer Soper
  • Bloomberg
Logo da Amazon contra a parede. | David Ryder/AFP
Logo da Amazon contra a parede. David Ryder/AFP
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

A Amazon selecionou 20 cidades que seguem na competição para abrigar sua nova sede, com Nova York, Boston, Chicago, Miami e Austin entre os remanescentes da disputa.

A Amazon, com sede em Seattle, solicitou propostas em setembro para a sua segunda sede, um projeto que deverá custar mais de US$ 5 bilhões e criar 50 mil empregos altamente remunerados nos próximos 10 a 15 anos. Políticos de todas as partes dos Estados Unidos e do Canadá expressaram entusiasmo, o que rendeu à empresa propostas de 238 locais, inclusive de mercados menores como Tulsa, Oklahoma e Memphis, no Tennessee. A empresa planeja tomar uma decisão ainda em 2018 e continuará as discussões com os finalistas, disse em um comunicado na quinta-feira (18).

A lista revela pouco em termos de preferências geográficas, com finalistas nas duas costas e no coração dos EUA. A Amazon achou difícil ter que lidar com tantos candidatos e teve que reduzir a lista para passar à próxima fase de avaliação.

“Passar de 238 para 20 foi muito difícil — todas as propostas mostraram tremendo entusiasmo e criatividade”, afirmou Holly Sullivan, do setor de políticas públicas da Amazon, em um comunicado. “Por este processo, aprendemos sobre muitas comunidades novas em toda a América do Norte que consideraremos como locais para futuros investimentos em infraestrutura e criação de empregos”.

Qualquer cidade que seja escolhida será transformada pela Amazon, que já mudou Seattle, gerando uma explosão nos setores da construção civil e no aumento dos aluguéis na cidade. Empregos em tecnologia bem remunerados podem transformar de forma permanente uma região e aumentar as perspectivas políticas do governante que ajudou a selar o acordo.

A Amazon disse que suas preferências para o local incluem uma localização metropolitana com uma população de mais de um milhão, sistema de transporte público, proximidade de um centro de voos internacionais e potencial para reter e atrair talentos técnicos.

As cidades finalistas são: Atlanta; Austin, Texas; Boston; Chicago; Columbus, Ohio; Dallas; Denver; Indianapolis; Los Angeles; Miami; Montgomery County, Maryland; Nashville, Tennessee; Newark, Nova Jersey; Nova York; Virgínia do norte; Filadélfia; Pittsburgh; Raleigh, Carolina do Norte; Toronto; e Washington D.C.

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Economia

PUBLICIDADE