Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Enkontra.com
PUBLICIDADE

Curiosidade

Os símbolos que regem as profissões

  • Jônatas Dias Lima
Algumas famílias mantêm a tradição de presentear os graduandos com anéis de formatura |
Algumas famílias mantêm a tradição de presentear os graduandos com anéis de formatura
 
0 0 COMENTE! [0]
TOPO

Símbolos ajudam a criar um sentimento de pertença em qualquer agrupamento humano. Na universidade, não é diferente. Mas o que cobras, balanças, flechas e letras gregas têm a ver com os cursos? O Vida na Universidade foi atrás de informações que justificam algumas dessas escolhas:

CONTABILIDADE

O cajado com um elmo alado e envolto por duas cobras é conhecido como Caduceu de Mercúrio, ou Hermes. O Conselho Federal de Contabilidade menciona Juan-Eduardo Cirlot, autor de O dicionário dos símbolos, para explicar a origem da figura. A mitologia conta que o deus mensageiro teria lançado o bastão entre duas serpentes que brigavam para que elas se entrelaçassem e assumissem uma atitude mais amistosa. Essa postura de intermediação foi relacionada ao longo da história com o comércio e as relações de troca, fazendo de Mercúrio o deus dos negociantes. Com isso, não foi preciso muito para que o caduceu fosse adotado para representar os cursos de Contabilidade. A semelhança com o símbolo de Medicina faz com que ambos sejam confundidos com frequência.

DIREITO

A Justiça e, consequentemente, os cursos de Direito são simbolizados por uma figura feminina, com os olhos vendados, que carrega nas mãos uma espada e uma balança. Segundo o jurista Tércio Sampaio Ferraz Júnior, citado pelo Supremo Tribunal Federal, a mulher é Diké, ou Iustitia, filha de Zeus e Têmis. A espada e a balança estão vinculadas à punição e à igualdade, elementos essenciais nas teorias jurídicas. Apesar de a imagem ter se tornado padrão, a deusa da Justiça não era representada da mesma forma na Grécia e em Roma. Diké tem uma espada só na versão grega e só está vendada na versão romana.

ADMINISTRAÇÃO

É provavelmente o mais brasileiro dos símbolos acadêmicos. A marca é fruto de um concurso promovido pelo Conselho Federal de Administração, em 1979. Diante de 309 propostas, o projeto vencedor foi desenvolvido pela curitibana Oficina da Criação. O símbolo é cheio de significados. As setas centrais indicam um objetivo comum e a disposição das formas geométricas remete às ações de organizar, direcionar, orientar, coordenar, arbitrar e planejar.

MEDICINA

No logotipo da Organização Mundial da Saúde ou do Conselho Federal de Medicina, lá está a serpente em volta de um cajado rústico – símbolo que representa o Bastão de Asclépio, ou Esculápio, o deus da Medicina. Na versão mitológica citada no artigo Do Bastão de Esculápio ao Caduceu de Mercúrio, do médico Paulo Roberto Prates, Asclépio seria filho de Apolo e teria sido criado pelo centauro Quiron, encarregado de ensinar o menino a curar as pessoas. Em pouco tempo, Asclépio ganhou a habilidade de curar inclusive os mortos. A serpente estaria relacionada a uma crença grega de que as cobras seriam dotadas de grande sabedoria. De acordo com artigo do médico João Bosco Botelho, a capacidade da serpente de mudar a pele teria relacionado o animal à cura.

PSICOLOGIA

Há mais de uma versão para o uso da letra grega “Psi” para simbolizar a Psicologia. Segundo a pesquisa “A letra Psi enquanto símbolo da Psicologia”, do psicólogo Claudio Drews, o uso da letra já esteve relacionado ao tridente de Poseidon, deus grego dos mares, e ao trio de teorias chamadas de comportamentais, fenomenológicas e cognitivas. Drews, no entanto, considera mais crível uma origem mais simples, ligada à etimologia da palavra psique (alma), que no alfabeto grego é expressa pelos sinais ψυχή.

Como a palavra “psicologia” só se popularizou no século 18, é possível que os primeiros estudiosos tenham optado por usar apenas a primeira letra grega como forma de compactação do termo.

Interatividade:

>>> E aí?! Qual o símbolo e a cor do seu curso e o que eles significam? Se não souber, é só pedir que buscamos descobrir para você para uma matéria que será publicada na próxima segunda-feira (15)!

Leia as regras para a participação nas interatividades da Gazeta do Povo.

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Educação

PUBLICIDADE