Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Enkontra.com
PUBLICIDADE

Brasileirão

Coritiba visita o Galo para acabar com martírio e cravar permanência na Série A

  • Julio Filho
Zagueiro Werley lembrou que é importante o Coritiba se garantir na Série A para já renovar com alguns jogadores e ter uma base para 2018. | albari rosa/gazeta do povo
Zagueiro Werley lembrou que é importante o Coritiba se garantir na Série A para já renovar com alguns jogadores e ter uma base para 2018. albari rosa/gazeta do povo
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Embalado pela sequência de sete jogos sem perder, o Coritiba visita o Atlético-MG, neste domingo (19), às 19 horas, no Independência, com a chance de aniquilar matematicamente qualquer risco de rebaixamento neste Brasileirão e terminar 2017 de maneira mais tranquila. O duelo vale pela 36.ª rodada, a antepenúltima da disputa.

A série de bons resultados (quatro vitórias e três empates) faz o Coxa abrir a rodada na 14.ª posição, com 43 pontos. Para escapar, o time precisa vencer o Galo e torcer por uma derrota de Ponte Preta ou Vitória, ambos com 39 pontos. A Macaca enfrenta o Fluminense, no Maracanã, enquanto os baianos encaram o Cruzeiro, no Barradão.

TABELA : Veja como está a classificação da Série A

O fim do risco de queda para a Série B é importante pois garantiria a tranquilidade no Alto da Glória em uma série de aspectos: foco na eleição presidencial de dezembro, início do planejamento do elenco do ano que vem e negociações contratuais com jogadores e comissão técnica.

“Seria importante definir isso o mais rápido possível, valorizar alguns jogadores que estão terminando contrato, para ficarem aqui ano que vem e ter uma base”, defende o zagueiro Werley, um dos poucos do elenco cujo contrato termina apenas em dezembro de 2018.

“O Coritiba não tem mantido uma base nos últimos anos. Tem se trocado muitos jogadores de um ano para o outro e isso é difícil. Se mantiver essa base, a tendência é ter um sucesso maior no ano que vem”, cobra.

Em situação oposta, o lateral-direito Léo é um dos 22 atletas com contrato se encerrando após o Brasileirão. Ele está emprestado pelo Flamengo. “Isso é complicado. Tenho contrato com o Flamengo ainda e não tenho certeza de nada”, revela. “Não sei volto para lá, se vou para outro lugar, se renovo aqui, meu empresário não passou nada”, completa.

Com um triunfo sobre os mineiros, o Coritiba pode ingressar no G13 que garante vaga na Sul-Americana. Internamente, o passaporte para a competição internacional é tido como crucial para o clube ter um ano melhor em 2018.

De quebra, o duelo contra o Galo pode ajudar o time comandado por Marcelo Oliveira na disputa particular paranaense com o rival Atlético, apenas dois pontos na frente na classificação. Nesta rodada, o Furacão recebe o Vasco, na Baixada, no mesmo horário.

Ficha técnica

Atlético-MG: Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Bremer e Fábio Santos; Adilson, Elias, Valdívia e Otero; Robinho e Fred. Técnico: Oswaldo de Oliveira.

Coritiba: Wilson; Léo, Werley, Marcio e William Matheus; Jonas, Alan Santos, Tiago Real e Dodô (Yan Sasse); Getterson e Henrique Almeida. Técnico: Marcelo Oliveira.

Arbitragem: Sandro Meira Ricci (SC-Fifa), auxiliado por Emerson Augusto de Carvalho (SP-Fifa) e Marcelo Carvalho Van Gasse (SP-Fifa).

Transmissão: Premiere.

Fique de olho

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/11/18/Esportes/Imagens/Cortadas/William Matheus - HM (14)-kdcF-ID000002-1024x341@GP-Web.JPG
Henry Milleo/Gazeta

William Matheus

Titular no início do ano, o lateral perdeu a posição para Thiago Carleto, que se tornou uma das principais peças da equipe no Brasileirão. Com a suspensão de Carleto, Matheus tem a responsabilidade de manter o nível de atuação do companheiro na ala esquerda.

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Esportes

PUBLICIDADE