Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Atlético PR

Fechar
PUBLICIDADE

Libertadores

Paulo Autuori valoriza a vitória suada do ‘Patinho Feio’ do grupo da morte

Técnico Paulo Autuori considera o Atlético como Patinho Feio do grupo 4, o grupo da morte da Libertadores. | Albari Rosa – enviado especial/Gazeta do Povo
Técnico Paulo Autuori considera o Atlético como Patinho Feio do grupo 4, o grupo da morte da Libertadores. Albari Rosa – enviado especial/Gazeta do Povo
 
0 0 COMENTE! [0]
TOPO

O técnico Paulo Autuori comemorou muito a vitória sofrida do Atlético por 1 a 0 sobre o San Lorenzo, no Nuevo Gasómetro, na Argentina. O comandante rubro-negro lembrou que o Furacão está no “grupo da morte” e avisou os torcedores que a Libertadores será angustiante para o Rubro-Negro.

“Eu não quero vencer fácil. Eu quero vencer. Facilidade eu não espero em lugar nenhum, ainda mais contra equipes argentinas, equipes que não desistem nunca e são extremamente competitivas. O que nos queremos é crescer coletivamente. Esse grupo foi o eleito o grupo da morte e nós somos o Patinho Feio”, analisa Autuori.

TABELA: Confira a classificação da Libertadores

O gol do meia Lucho González logo aos três minutos garantiu o triunfo. Mas o goleiro Weverton foi o protagonista com grandes defesas. Além da pressão, o San Lorenzo ainda desperdiçou um pênalti no segundo tempo com o atacante Blandi.

Desde que estreou na Libertadores, o Furacão não teve vida fácil. Na primeira fase eliminou o Millonarios, da Colômbia, nos pênaltis. Na fase seguinte, empatou sofrendo gol no último minuto contra o Deportivo Capiatá, na Arena da Baixada, mas venceu no Paraguai. E contra a Universidad Católica, no primeiro jogo da fase de grupos, cedeu novamente o empate no fim mesmo após abrir dois gols de vantagem.

“Nós viemos aqui para recuperar os pontos perdidos. Mas Libertadores é assim. O próprio Atlético, em 2013, sofreu. Com o Corinthians, em 2012, nós também sofremos bastante”, lembrou o zagueiro Paulo André, campeão da competição com os paulistas.

LUIZ AUGUSTO XAVIER: Atlético coloca as contas em ordem

O lateral-direito Jonathan segue a mesma linha de pensamento do companheiro. “Eu acho que o resultado foi justo. O importante é a vitória. Mas sabíamos que poderíamos ter aproveitado melhor os contra-ataques. Todos os jogos são difíceis”, concordou o lateral.

Siga a Gazeta do Povo e acompanhe mais novidades

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Esportes

PUBLICIDADE
Acompanhe a Gazeta do Povo nas redes sociais