PUBLICIDADE
James Magnussen na largada para conquistar a vaga olímpica na prova dos 50 m livre via seletiva australiana |
James Magnussen na largada para conquistar a vaga olímpica na prova dos 50 m livre via seletiva australiana
Natação

James Magnussen se classifica para Londres com melhor tempo do ano nos 50 m livre

Australiano já havia se destacado na segunda-feira ao fazer um tempo apenas 19 centésimos mais lento do que o recorde mundial de Cesar Cielo

James Magnussen conquistou uma "dobradinha" na seletiva australiana para a Olimpíada de Londres ao vencer nesta quarta-feira (21) a prova dos 50 metros livre em Adelaide, melhorando suas perspectivas de conquistar medalhas em julho. Para isso, registrou o melhor tempo do ano na distância, com 21s74.

Magnusssen superou a marca de Cesar Cielo, que registrou 21s85 no Campeonato Sul-Americano, na última sexta-feira. O tempo do australiano, porém, ainda está distante do recorde mundial do brasileiro, obtido em dezembro de 2009, com 20s91, quando ainda era permitido o uso dos maiôs tecnológicos.

A prova dos 50 m livre na seletiva australiana foi de alto nível, com os três primeiros colocados completando a distância em menos de 22 segundos. Medalha de prata nos 100 m livre nos Jogos de Pequim, Eamon Sullivan se garantiu em Londres ao marcar 21s92 e terminar a prova em segundo lugar. Ele foi apenas 2 centésimos mais rápido do que Matthew Abood.

Campeão mundial dos 100 m livre, Magnussen também se classificou para a prova na Olimpíada de Londres ao assombrar o mundo da natação com a vitória obtida segunda-feira na seletiva australiana com o tempo de 47s10, apenas 19 centésimos mais lento que o recorde mundial de Cielo.

Ao contrário de Ian Thorpe, que também voltou a competir, mas não conseguiu a vaga olímpica, Lisbeth Trickett se classificou para Londres. Nesta quarta-feira ela terminou em quinto lugar na prova dos 100 m livre na seletiva australiana, com o tempo de 54s21. Assim, fará parte da equipe do revezamento, formada pelas seis primeiras colocadas, que será oficializada nos próximos dias. Melanie Schlanger e Cate Campbell conquistaram as vagas individuais dos 100 m livre.

Trickett possui seis medalhas olímpicas. Em 2004, em Atenas, ela faturou um ouro, no revezamento 4x100 m livre, e um bronze, nos 50 m livre. Em 2008, em Pequim, a australiana faturou ouros nos 100 m borboleta e no revezamento 4x100 m medley, além de uma prata nos 100 m livre e um bronze no 4x100 m livre. Ela se aposentou em 2009, mas voltou a competir no ano passado.

PUBLICIDADE
    • SELECIONADO PELO EDITOR
    • NOTÍCIAS MAIS COMENTADAS
    • QUEM MAIS COMENTOU
    Assine a Gazeta do Povo
    • A Cobertura Mais Completa
      Gazeta do Povo

      A Cobertura Mais Completa

      Assine o plano completo da Gazeta do Povo e receba as edições impressas todos os dias da semana + acesso ilimitado no celular, computador e tablet. Tenha a cobertura mais completa do Paraná com a opinião e credibilidade dos melhores colunistas!

      Tudo isso por apenas

      12x de
      R$49,90

      Assine agora!
    • Experimente o Digital de Graça
      Gazeta do Povo

      Experimente o Digital de Graça!

      Assine agora o plano digital e tenha acesso ilimitado da Gazeta do Povo no aplicativo tablet, celular e computador. E mais: o primeiro mês é gratuito sem qualquer compromisso de continuidade!

      Após o período teste,
      você paga apenas

      R$29,90
      por mês!

      Quero Experimentar
    VOLTAR AO TOPO