Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Esportes

Fechar
PUBLICIDADE

Série Prata

Milton do Ó comemora fim da "fralda" dos jovens paranistas

Treinador das categorias de base do clube foi chamado para comandar um time de garotos nas duas últimas partidas da Segundona estadual

 
0 0 COMENTE! [0]
TOPO

Mesmo com duas derrotas nas duas partidas em que comandou o time na Série Prata do Estadual - 5 a 2 para o Grêmio Metropolitano na sexta-feira (13) e 1 a 0 para o Serrano neste domingo (15) -, o técnico das categorias de base do Paraná, Milton do Ó, não demonstrou desânimo. Para o treinador, o fato de o Tricolor ter perdido a invencibilidade na Divisão de Acesso é secundário, se considerada a experiência que os meninos adquiriram.

Para o ex-zagueiro paranista, a falta de vivência do grupo na competição foi o principal motivo para o resultado negativo diante do Serrano - o time de Prudentópolis conseguiu a vitória por 1 a 0 com um gol aos 46 minutos do segundo tempo e se livrou do rebaixamento. “Mesmo assim, eu fico contente porque muitos meninos ‘tiraram a fralda’”, brincou o treinador de 33 anos.

A chance de comandar o Paraná à beira do gramado na Série Prata representou para Milton do Ó uma aproximação com o técnico Ricardinho, a quem fez questão de agradecer após o jogo em Prudentópolis. “Ele mudou o trabalho de todos nós e dá muita abertura para que a gente dê a nossa opinião sobre os jogadores”, explicou.

Antes das duas partidas, o treinador da base destacou o volante Henrique Alemão e fez menção honrosa ao atacante Thiago Bispo como promessas quase realizadas no Tricolor. “Nesses dois jogos gostei muito do Thiago [Bispo]. Para já, eu apostaria nele”, avaliou agora.

Siga a Gazeta do Povo e acompanhe mais novidades

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Esportes

PUBLICIDADE
Acompanhe a Gazeta do Povo nas redes sociais