Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Enkontra.com
PUBLICIDADE

livros

Coletânea de grandes pesquisadores propõe pensar a democracia

Obras lançadas pelo Instituto Atuação buscam debater tema num contexto de conflitos no Oriente Médio, crise de refugiados e escândalos de corrupção

  • Gisele Eberspächer, especial para a Gazeta do Povo
Coletânea lançada pelo Instituto Atuação: quatro obras para pensar sobre a democracia no contexto atual | Divulgação
Coletânea lançada pelo Instituto Atuação: quatro obras para pensar sobre a democracia no contexto atual Divulgação
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

“Definir a democracia é importante porque estabelece o que esperamos dela. Se definirmos a democracia de forma ‘irreal’ nunca encontraremos ‘realidades democráticas’. E quando declaramos, vez ou outra, ‘isso é democracia’, ou não é, fica claro que o juízo depende da definição, ou pelo menos da nossa ideia do que ela seja, deva ou possa ser”.

É assim que o professor italiano Giovanni Sartori começa seu livro “O que é democracia?”: convidando o leitor a questionar, pensar e definir esse conceito, tão mencionado em debates atuais sobre política. 

O livro faz parte da Coletânea da Democracia, um box com quatro publicações que se propõem a pensar a questão da democracia em um contexto atual. A publicação é resultado de uma ação do Instituto Atuação, uma ONG que trabalha para o desenvolvimento da democracia brasileira, com foco em participação social, transparência pública e cultura política. 

Para o Instituto, é essencial pensar a democracia em face dos acontecimentos recentes - como os conflitos no Oriente Médio, a crise de refugiados e escândalos de corrupção. Assim, publicar as obras da coletânea é uma forma de contribuir no desafio de defesa à democracia. 

O box traz quatro obras inéditas para o português. Conheça mais sobre eles a seguir: 

O que é Democracia? - Giovanni Sartori 

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/09/04/Ideias/Imagens/Cortadas/Links RA Giovanni Sartori-ID000002-1200x800@GP-Web.png
Sartori discorre sobre conflito de valores entre Ocidente e IslãDivulgação

Publicado originalmente na Itália em 1993, o livro O que é Democracia? ajuda o leitor a compreender com maior clareza esse conceito e suas origens. Para isso, o cientista político Giovanni Sartori passa por diversos momentos da história, identificando e analisando as formas que a democracia atingiu ao longo do tempo. 

Entre temas mais recentes, Sartori se ocupa, por exemplo, em discorrer sobre o conflito de valores entre Ocidente e Islã ou a relação entre democracia e desenvolvimento sustentável

“Como já começamos a perceber, definir democracia é tudo, menos simples ou fácil. ‘Democracia’ é uma palavra que se presta a grandes discursos, e no desenvolvimento desse discurso devemos nos proteger de toda e qualquer armadilha”, escreve o autor. 

Para entender a Democracia - Larry Diamond

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/09/04/Ideias/Imagens/Cortadas/Links RA Larry Diamond-ID000002-1200x800@GP-Web.png
Larry Diamond: pessoas querem uma democracia profunda e de qualidadeDivulgação

Pesquisador sênior da Universidade de Stanford, Larry Diamond fornece um panorama dos diferentes desdobramentos e aplicações práticas da democracia. O livro “Para entender a Democracia” é uma seleção inédita de textos, feita em conjunto pelo pesquisador e pelo Instituto Atuação para abordar diferentes aspectos voltados ao fortalecimento do discurso democrático. Entre os temas debatidos estão eleições, liberalismo, regimes híbridos e accountability. 

Diamond avalia que já estamos em um período de recessão democrática desde 2007, causado principalmente pela má-governança. “A lição do nosso tempo é que as pessoas querem uma democracia profunda e de qualidade, o que eu chamo de democracia liberal. E já sabemos, e posso demonstrar empiricamente, que o quanto mais alta for a qualidade da democracia, menos aceitável será reverter isso”, afirmou o pesquisador em uma entrevista concedida em maio de 2017 para a Gazeta do Povo

Mas, mesmo diante desse cenário, Diamond vê sinais de esperança e resiliência: assim como as democracias passam por um período difícil, os regimes autoritários também enfrentam resistência. 

Estado de Direito e Democracia - Ernst Wolfgang Böckenförde 

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/09/04/Ideias/Imagens/Cortadas/Links RA Ernst W. Böckenförde-ID000002-1200x800@GP-Web.png
Ernest Wolfgang Böckenförde discute a democracia a partir da perspectiva do DireitoDivulgação

Mais voltado para explicar e problematizar a democracia a partir da perspectiva do Direito, o livro “Estado de Direito e Democracia”, do professor e pesquisador da Universidade de Heidelberg, Ernst Wolfgang Böckenförde, inaugura a tradução de obras do autor no Brasil. 

A obra traz cinco textos do autor, que apresentam conceitos importantes para o seu pensamento e avaliações críticas sobre conflitos até então pouco estudados entre o império da lei e a participação popular

O Antigolpe - Gene Sharp & Bruce Jenkins

 

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/09/04/Ideias/Imagens/Cortadas/instituto atuação-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg
Gene Sharp e Bruce Jenkins escrevem sobre ambiente de instabilidade e o risco de ditadurasDivulgação

Para os autores do livro “O Antigolpe”, a efetivação de um golpe de Estado ocasionaria um risco à democracia, já que forma um ambiente de instabilidade e abre porta para regimes ditatoriais. Pensando nisso, eles propõem um diagnóstico amplo voltado para evitar essa espécie de movimento. 

Além disso, os autores apresentam medidas que cidadãos, sociedade civil e governos podem tomar para inibir tentativas desse tipo, partindo da premissa que é possível fazer fracassar uma tentativa de golpe. 

“Grandes iniciativas e valores monetários são regularmente voltados à preparação para a resistência contra agressões estrangeiras. Mas, praticamente nada é feito para preparar sociedade para lidar com o problema do golpe de estado, apesar de sua frequência na política global. Já é hora de devotar longas reflexões à defesa antigolpe”, escrevem os autores. 

A coletânea está disponível para venda nas lojas das Livrarias Curitiba ou diretamente com o Instituto, pelo e-mail guilherme@atuacao.org.br, por R$ 159,00. Mais informações no site www.atuacao.org.br.



o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Ideias

PUBLICIDADE