Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE

Construção

Pó xadrez dá efeito rústico a ambientes

Um dos materiais mais usados no Brasil para a pintura de paredes e coloração de pisos, o pó xadrez – pigmento que pode ser usado na mistura de vários materiais para dar cor – ganhou diferentes formas de aplicação para criar novos efeitos decorativos

  • Fabiane Ziolla Menezes
Conheça, passo a passo, como aplicar a mistura de pó xadrez e cola branca nas paredes |
Conheça, passo a passo, como aplicar a mistura de pó xadrez e cola branca nas paredes
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Usado bastante no Brasil por ser uma opção barata de revestimento (tanto para o piso, no caso da coloração do cimento queimado, como na parede, na pintura feita com cal) e também por dar ao usuário a chance de encontrar exatamente a cor que precisa, o pó xadrez tem se diferenciado cada vez mais de tintas e afins como um produto de efeito decorativo próprio, de aparência rústica e aplicação prática. “Antigamente mais comum em pisos de casas populares, o produto subiu as paredes. Hoje o pó xadrez oferece efeito decorativo único e com ótimo custo benefício”, diz Lothar Schwarz, diretor da unidade de negócios da Lanxess no Brasil, detentora da marca Globo e uma das principais fabricantes do produto.

Com sede na cidade de Leverkusen, na Alemanha, a Lanxess, que produz produtos químicos voltados para diversos segmentos, está presente em 21 países. O óxido de ferro, substância com a qual é feito o pó xadrez para o varejo residencial, também é usado para a fabricação do Bayferrox, pigmento voltado para o segmento industrial para a coloração dos pisos de concreto intertravado usados em calçadas.

Aplicações

Duas novas aplicações do pó xadrez são feitas com a mistura dele com cola branca (que oferecem desenhos belos à pintura) ou ainda com argamassa, ambas passadas com rolo diretamente na parede. “São aplicações que geram um efeito rústico muito bonito e tendem a ser baratas. O uso do pó em texturas brancas também é interessante porque dá ao cliente a chance de encontrar exatamente o tom que procura”, explica a assistente para aplicação técnica da Lanxess, Fernanda Canada.

O produto é vendido em caixinhas nas cores amarelo, vermelho, marrom, azul, verde, preto e o terrassa (tom que fica entre o terra e o alaranjado e é novidade da Lanxess lançada este ano). Fernanda explica que há diferenças de aplicação para cada tom. “Azul e verde são pigmentos de origem orgânica e, por isso, com pouca resistência à intempéries, portanto devem ser usados só em áreas internas da casa. Já as outras cores (amarelo, vermelho, marrom, preto e terrasa) têm alta resistência à chuva e aos raios do sol, por isso podem ser usados em calçadas e varandas.” Para obtenção do tom certo basta seguir a tabela existente na embalagem do produto.

Assim como as tintas especializadas, a pintura do pó xadrez com cal também é uma alternativa para construções do litoral. “A pintura penetra na alvenaria e não é sujeita à formação de bolhas ou rachaduras por umidade tão típica no litoral”, explica Fernanda.

Economia

A fama de barato que o pó xadrez tem se deve ao seu rendimento que, em muitos casos, fica mais em conta que o uso de outros recursos como tinta ou revestimento cerâmico. “No cimento queimado o piso recebe camadas finas. Na pintura a cal, com duas demãos de uma mistura feita com uma caixinha do pó, é possível cobrir uma área de 20 metros quadrados. Na mistura com cola branca, uma caixinha com 500 gramas (que custa cerca de R$ 11 nas lojas de materiais de construção) rende 50 metros quadrados de parede”, exemplifica Fernanda. Outra vantagem é que qualquer defeito ou quebra no piso é fácil de ser refeita, basta guardar a receita da mistura para obter a mesma cor.

Embora o pó xadrez tenha uma fama de “faça você mesmo”, o mais indicado é procurar um pedreiro que já tenha experiência na mistura e na aplicação do produto. Assim, o resultado é garantido.

A jornalista viajou à convite da Lanxess para a Alemanha.

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Imóveis

PUBLICIDADE