Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Acidente

Explosão em trem de carga no Canadá deixa pelo menos 5 mortos e 40 desaparecidos

Segundo as autoridades, cerca de 40 pessoas estão desaparecidas. O acidente ocorreu no meio da pequena cidade canadense Lac-Megantic

  • Atualizado em às
Bombeiros trabalham para apagar o incêndio deixado pelo acidente com o trem na pequena cidade de Lac-Mégantic, no Quebec, Canadá |
Bombeiros trabalham para apagar o incêndio deixado pelo acidente com o trem na pequena cidade de Lac-Mégantic, no Quebec, Canadá
 
0 0 COMENTE! [0]
TOPO

A polícia do Canadá informou que o desastre com um trem de carga desgovernado transportando tanques de petróleo matou ao menos cinco pessoas, após descarrilar em alta velocidade e explodir na manhã de sábado.

Segundo as autoridades, cerca de 40 pessoas estão desaparecidas. O acidente ocorreu no meio da pequena cidade canadense Lac-Megantic, de cerca de 6 mil habitantes perto da fronteira com o Maine, nos EUA. Testemunhas disseram que o centro da cidade estava cheio na ocasião.

Quatro dos vagões de tanques pressurizados pegaram fogo e explodiram, formando uma bola de fogo em forma de cogumelo a centenas de metros do solo.

Uma autoridade da Montreal, Maine & Atlantic, a empresa que opera o trem, disse que o veículo estaria estacionado distante da cidade e não tinha ninguém a bordo quando descarrilou.

"Não sabemos ao certo o que aconteceu, mas o engenheiro fez tudo certo. Ele havia estacionado o trem e esperava sua liberação... de alguma forma, o trem se soltou", disse o vice-presidente de marketing, Joseph R. McGonigle, à Reuters.

Os trilhos passam perto de um bar popular entre os jovens. A testemunha ocular do acidente Yvon Rosa disse que tinha acabado de sair do bar quando viu o trem em alta velocidade avançando.

Moradores disseram aos repórteres terem ouvido cinco ou seis grandes explosões. Quase 12 horas após o descarrilamento, um vagão ainda ardia em chamas.

A polícia impôs um cordão de isolamento de 1 km ao redor do local da explosão e evacuou cerca de mil pessoas de suas casas.

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Mundo

PUBLICIDADE
Acompanhe a Gazeta do Povo nas redes sociais