Assinante, conheça a nova Gazeta do Povo.

A partir do dia 1º de junho a Gazeta do Povo vai levar a informação até você de um jeito diferente.

A Gazeta do Povo vai mudar.

Nós entraremos em contato com todos os assinantes para explicar individualmente as mudanças e adequações que serão feitas no plano da assinatura. Se quiser antecipar esse contato, basta clicar aqui e informar o telefone, que ligamos para você!

Essa mudança tem tudo a ver com você.

Entendemos que o seu tempo já não é mais o mesmo, a notícia está acontecendo nesse momento e o nosso compromisso é sempre te manter informado com conteúdo sério e de credibilidade 24 horas por dia.

Por isso, estamos investindo ainda mais em tecnologia e na qualidade do nosso jornalismo, pois tão importante quanto levar a melhor curadoria e opiniões sobre o que está acontecendo, que essa informação esteja ao passo do seu clique.

Uma mudança
para ficar ainda melhor.

Um novo site, com novas ferramentas que vão levar a notícia até você, e um time ainda mais forte de opiniões estão chegando.

icon-novos-ancoras

Novos âncoras de renome compondo o time da Gazeta do Povo

Ricardo Amorim (Manhattan Connection); Teco Medina (CBN); Rodrigo Constantino; Leandro Narloch; Lucio Vaz e muito mais vem por aí.

icon-informacao-o-dia-todo

Informação o dia todo

Com o Gazeta do Povo Bom Dia, Boa Tarde e Boa Noite, você receberá 3 vezes ao dia as notícias mais importantes do momento, seus desdobramentos e análises. Basta um clique para ter uma visão geral do que está acontecendo de mais importante.

icon-videos

Vídeos, podcasts e muito mais

Ferramentas para você se aprofundar no conteúdo através da opinião de nossos âncoras em diferentes formatos, muito mais interativos e dinâmicos. Além disso, você vai ter acesso à rede que interagiu ou que leu cada matéria, enriquecendo a troca de informação com seus contatos.

icon-impresso

Impresso no seu tempo

Já nossas edições impressas vão acompanhar essa evolução, um novo formato semanal vai aprofundar o conteúdo e informações trazendo muito mais prazer ao leitor em seu momento de descanso, aprofundando o que de mais importante aconteceu na semana, mas sem deixar de enriquecer sua qualidade de vida e curiosidade com nossas revistas mensais, que trazem temas gerais como gastronomia, arquitetura e hábitos de vida.

Juntos, vamos acompanhar as transformações
do mundo em primeira mão.

É assinante e ainda não foi contatado?

DÚVIDAS FREQUENTES

  • A Gazeta do Povo acabou e irá fechar?
    • Pelo contrário, está realizando mudanças altamente inovadoras para atender o maior número de leitores que já testemunhou em sua história quase centenária. Essas mudanças permitem que o leitor tenha à mão o conteúdo da Gazeta a toda hora, todos os dias.

  • Por que a Gazeta do Povo optou pelo encerramento da edição impressa da semana?
    • São dois os motivos principais. O primeiro é que o mundo está mais dinâmico do que nunca. A todo instante surge um novo assunto, um novo debate, uma nova grande história, um novo ponto de vista, enfim, uma nova notícia. Esperar o dia seguinte para reunir e embalar toda essa informação perde um pouco do sentido. Na outra ponta, a Gazeta do Povo nunca foi lida por tanta gente em toda a sua história. São pessoas que acessam e assinam nosso conteúdo a partir de todos os cantos do Brasil, e até de fora dele. A nova Gazeta vai concentrar os esforços para atender a todo esse público da melhor forma possível, o que acabará beneficiando também nosso leitor do impresso de segunda a sexta, que terá também acesso a todo esses novos conteúdos, novos produtos e novas ferramentas de informação.

  • Por que a Gazeta mudou?
    • Na era digital, não basta estar nas mãos dos leitores, mas adequar-se àquilo às necessidades deles. Por isso a nova Gazeta do Povo está preparada para entregar a excelência de sempre com mais inovação do que nunca.

  • A economia faz parte do motivo da mudança?
    • Para colocar em prática as mudanças, a Gazeta do Povo está investindo R$ 23 milhões em tecnologia e produção de conteúdo, algo que nenhum outro veículo de comunicação está fazendo hoje. A Gazeta sempre analisou a aplicação de seus recursos com um objetivo claro: oferecer a melhor informação, da melhor forma possível. Em uma realidade na qual mais de 90% dos leitores optam pela experiência digital, é natural que mais recursos sejam aplicados nessa plataforma. O papel continua um canal relevante, por meio da edição impressa semanal, e com um novo propósito: trazer informação, análise e inspiração com um nível de qualidade editorial e gráfica das melhores revistas do mundo.

  • Aonde a Gazeta do Povo quer chegar com essas mudanças?
    • A Gazeta do Povo será mais forte, mais lida e mais relevante do que é hoje. E a força virá não só das novidades tecnológicas – mas também delas, é claro. A equipe da Gazeta do Povo em Brasília está sendo reforçada para trazer o que há de mais importante no noticiário político e econômico da capital federal. No Paraná e em Curitiba, a força também se ampliará, com um olhar muito atento para a política estadual e para tudo o que acontece na capital paranaense. Em suma, a reinvenção acompanha as transformações do mundo e dos hábitos do nosso público, ao mesmo tempo em que mantém firme nosso pilar de formação por meio da informação.

  • O que há de novo?
    • São muitas novidades. Vamos lá:
      BRASÍLIA Com o noticiário de Brasília em ponto de ebulição, a Gazeta do Povo está reforçando a equipe na capital federal com três jornalistas que compõem a elite da cobertura política nacional. Eles oferecerão conteúdo não apenas em textos no nosso site, como também em vídeo, áudio e em relatórios e reportagens espaciais enviadas diretamente ao email dos leitores.
      NOVOS ESPECIALISTAS DE RENOME A mesma lógica de formatos variados se repetirá com os colaboradores altamente gabaritados que irão compor o nosso time, cada um com seu blog: Ricardo Amorim, do Manhattan Connection, para a economia nacional; Teco Medina; para finanças pessoais; Rodrigo Constantino e Leandro Narloch para os temas polêmicos.
      RESUMOS A Gazeta do Povo oferecerá aos leitores três resumos diários. O que isso significa? São edições com o que há de mais importante em três faixas de horário: pela manhã, no início da tarde e no início da noite. Cada resumo diário terá um perfil diferente. O Bom Dia vai trazer aquilo que você precisa saber para começar o dia, a charge do dia e conteúdos com opinião. O Boa Tarde compila as principais notícias que surgiram até o meio-dia; e o Boa Noite, aquilo que foi mais quente no dia, já com uma boa dose de análise. Nos domingos, um outro resumo vai buscar o principal da semana e um mix de notícias mais leves com conteúdos mais densos, em que o leitor possa mergulhar.
      NOTIFICAÇÕES Tudo isso será notificado. E as notificações são outra frente de novidades. Tudo aquilo que for essencial para você saber no momento exato da notícia chegará direto ao seu celular.
      GEORREFERENCIAMENTO Como estamos ampliando o alcance de muitos dos nossos conteúdos sem abrir mão da cobertura local, o site da Gazeta identificará a origem do leitor. Em Curitiba, ganha destaque o que está acontecendo na cidade, bem como o desempenho de Coritiba, Atlético e Paraná, nosso trio de ferro no futebol. No interior do Paraná, os assuntos que ditam o rumo do estado. Acessado de outras localidades, o site oferecerá os grandes temas nacionais – e universais.
      EXPERIÊNCIA SOCIAL Quer saber o que o amigo do Facebook andou lendo na Gazeta do Povo? Isso vai ser possível. Uma ferramenta ótima que pode funcionar como recomendação de leituras feita a partir da sua própria rede de amigos.
      GUIA O novo Guia da Gazeta do Povo está construído também em tecnologia de ponta para organizar os eventos, programação cultural, passeios, restaurantes, bares da melhor forma. E sempre indicando o Melhor do Clube Gazeta.

  • Quais as principais mudanças editoriais?
    • A equipe editorial trabalhará para EXPLICAR conceitos, impactos dos agentes e movimentos políticos, econômicos e sociais na vida das pessoas; PROVOCAR o debate inteligente; INSPIRAR o leitor a ser uma pessoa melhor para si mesmo, para sua família e para a sociedade; FACILITAR a tomada de decisões práticas; e INFORMAR sobre aquilo que tem impacto imediato no cotidiano. Para o leitor da web, deixam de aparecer editoriais com nomes conceituais, tais como Vida e Cidadania, Vida Pública e Caderno G, para que os conteúdos fiquem agrupados sobre grandes temas, como #Política, #Economia, #Cultura etc, facilitando a navegação e a localização das matérias. Permanecem em evidência as marcas do núcleo Estilo de Vida – Bom Gourmet, Haus e Viver Bem - Saúde e Animal.

  • A Gazeta perderá a identidade Paranaense visto que tem metade do seu público de fora do Paraná?
    • Não. A Gazeta continuará fiel à sua missão de contribuir para o desenvolvimento da nossa terra e da nossa gente. Está inclusive ampliando sua cobertura da política estadual e das discussões de caminhos que levem ao crescimento do estado. Teremos uma repórter em Brasília totalmente dedicada aos assuntos do Paraná no Congresso e captação de investimentos para o estado. A cobertura de Agronegócios, setor fundamental da economia estadual, também permanece forte, com uma equipe totalmente dedicada a ela. Localmente, em Curitiba, também haverá um avanço na cobertura dos assuntos da cidade, sobre tudo aquilo que impacta a vida do morador da capital, além de muito serviço para que os leitores possam aproveitá-la ao máximo na cultura, na gastronomia, nos passeios e nos grandes eventos.

  • O que esperar da Gazeta do Povo?
    • A Gazeta do Povo concentra seus esforços para ser um produtor de conteúdo com foco em análise, notícia, serviço e entretenimento. Um veículo com uma visão própria de mundo: Capaz de ocupar o espaço para um veículo com visão própria; que fortaleça a nossa terra e nossa gente; que cumpra a missão de contribuir para uma sociedade melhor; que aborde temas e valores universais; que seja jovem, moderno e conectado com a evolução do mundo.

  • Haverá alguma mudança no formato da edição impressa semanal?
    • Ela terá mais páginas de conteúdo, será impressa em papel de qualidade superior, com páginas grampeadas e será recheada de conteúdos locais, nacionais e globais tratados de forma aprofundada e com muita análise e opinião.

  • O jornal impresso vai acabar?
    • Não. Ele continua existindo na edição especial de fim de semana e nas revistas Bom Gourmet, Haus, Viver Bem Saúde e Viver Bem Animal.

  • O conteúdo semanal não ficará antigo?
    • O conteúdo produzido para a edição impressa do fim de semana terá um caráter especial, totalmente exclusivo, com muita análise e opinião sobre os grandes temas do momento, histórias inspiradoras e sugestões de programação para o leitor. Esse conteúdo será pensado e produzido especialmente para a edição semanal, portanto não ficará preso àquilo que aconteceu, mas sim lançará luz sobre o que vai acontecer. Ele virá acompanhado das revistas produzidas por nosso núcleo de Estilo de Vida: Bom Gourmet, com o melhor da gastronomia, Haus, com arquitetura, decoração e soluções urbanas, além da Viver Bem Saúde e Viver Bem Animal.

  • Não gosto da edição de final de semana.
    • A nova edição semanal não será a mesma edição de final de semana de hoje. Além de aumentar o número de páginas, mudar o formato e a qualidade do papel, ela terá conteúdo com muita análise, opinião, e aprofundamento dos temas da semana. Não terá a proposta de trazer ao leitor o que aconteceu, mas o que vai acontecer nos próximos dias, além de reportagens especialmente produzidas para a edição.

  • Que horas chegará a edição semanal?
    • Até as 8:00hrs das manhãs de sábado.

  • Sou assinante, recebo a edição impressa e gostaria de entender como ficará meu plano de assinatura com essas mudanças?
    • Estamos entrando em contato com todos os assinantes para explicar individualmente as mudanças e adequações que serão feitas no plano da assinatura. Mas caso ainda não tenha recebido nossa chamada, talvez por alguma dificuldade com os telefones do cadastro ou desencontro de horário, você pode informar o telefone e o melhor horário para que possamos contatá-lo aqui!

  • Sou assinante, mas não consigo ler na Internet, sou barrado. Por quê?
    • Todo assinante tem acesso digital ilimitado em todas as plataformas da Gazeta do Povo. Para isso, basta ter o usuário digital cadastrado e vinculado a sua assinatura. Esse processo é simples e rápido de fazer. Para liberar seu acesso agora, basta clicar aqui.

  • Como incluo dependentes para acessar a Gazeta do Povo?
    • Assinantes podem incluir até mais 2 familiares para terem os mesmos benefícios da assinatura, ou seja, navegar sem bloqueios na Gazeta do Povo online e utilizar todas as vantagens do Clube Gazeta do Povo. Para incluir seus dependentes, para clicar aqui.

  • Como ficam os assinantes que não gostam ou não tem aptidão para o formato digital?
    • Não é uma mudança somente da Gazeta, o mundo está mudando. Estamos nos adequando as novas demandas dos nossos leitores. Mas trazemos uma experiência digital que se assemelha a edição impressa é o RESUMO DO DIA, onde a Gazeta do Povo oferecerá aos leitores três resumos diários, que são edições com o que há de mais importante em três faixas de horário: pela manhã, no início da tarde e no início da noite.
      Cada resumo diário terá um perfil diferente.
      - O Bom Dia vai trazer aquilo que você precisa saber para começar o dia, a charge do dia e conteúdos com opinião.
      - O Boa Tarde compila as principais notícias que surgiram até o meio-dia; e
      - o Boa Noite, aquilo que foi mais quente no dia, já com uma boa dose de análise.
      - Nos domingos, um outro resumo vai buscar o principal da semana e um mix de notícias mais leves com conteúdos mais densos, em que o leitor possa mergulhar.
      Além disso, a edição semanal continuará circulando em Curitiba, Região Metropolitana e Litoral Paranaense. Todos os assinantes destas localidades que queiram recebe-la, basta informar a nossa equipe.

  • Sou assinante e me sinto lesado pois assinava 7 jornais e agora receberei 1. Ganharei desconto?
    • Haverá uma adequação no seu plano de assinatura. Para explicar os detalhes do seu plano, estamos entrando em contato com todos os assinantes. Se você ainda não foi contatado, clique em solicitar contatato no topo da página e envie uma mensagem informando telefone atualizado e retornaremos para você.

  • Sou assinante e ninguém entrou em contato comigo. O que fazer?
    • Além do envio de cartas e e-mail marketing para comunicar as mudanças, estamos entrando em contato com todos os assinantes para explicar individualmente as mudanças e adequações que serão feitas no plano da assinatura. Mas caso ainda não tenha recebido nossa chamada, talvez por alguma dificuldade com os telefones do cadastro ou desencontro de horário, você pode informar o telefone e o melhor horário para que possamos contatá-lo clicando em solicitar contato no topo da página!

  • Por que somente plano mensal?
    • Em um mundo prático, queremos tornar as coisas mais simples para você. A assinatura da Gazeta do Povo é um serviço contínuo, então tem um valor mensal. Para você não ter que inserir seus dados novamente todos os meses, os pagamentos estão configurados para serem processados automaticamente.

  • Aplicativo Gazeta do Povo
    • Você sabia que com o aplicativo da Gazeta do Povo no seu celular, você receberá notificações dos principais fatos que acontecem ao longo do dia? Baixe agora mesmo aqui.

  • E o Flip, continua?
    • Sim, para a edição semanal que circulará aos sábados, ou seja, 1 edição por semana. Estará disponível tanto na web flip.gazetadopovo.com.br e no aplicativo ‘impresso’ para Android e IOS.

Topo