Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Enkontra.com
PUBLICIDADE

redes sociais

Alvaro Dias sobe para 3.º no Ranking dos Influenciadores com crítica à absolvição de Temer no TSE

Senador paranaense, que deve trocar o PV pelo novato Podemos, teve um engajamento total de 372 mil curtidas, compartilhamentos e comentários na última semana, atrás apenas de Bolsonaro e Doria

  • Sergio Luis de Deus
 | Geraldo Magela/Agência Senado
Geraldo Magela/Agência Senado
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Com quase 372 mil interações na semana entre 9 e 15 de junho, o senador paranaense Alvaro Dias (PV) subiu para o terceiro lugar no Ranking dos Influenciadores Políticos, elaborado pela Gazeta do Povo com base no engajamento conquistado por pessoas públicas nas redes sociais. O parlamentar tem quase 1 milhão de seguidores no Facebook e pouco mais de 330 mil no Twitter – é o 13.º colocado nesse quesito.

Alvaro teve um engajamento total de 371.957 em 80 postagens em sua página no Facebook, sendo 214 mil reações (86% delas curtidas), 134 mil compartilhamentos e 23,7 mil comentários. Isso gerou um engajamento médio de 4.649 interações por postagem.

Seis vídeos foram postados por Alvaro no período, com 424 mil visualizações. Na live mais acessada, o parlamentar diz que a “corrupção derrotou a Justiça” ao analisar a absolvição da chapa Dilma-Temer no julgamento por abuso de poder político e econômico no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). “Foi um julgamento contaminado por interesses políticos escusos e, claro, consagrou uma jurisprudência. Fica esse precedente tremendamente perigoso, nocivo, nefasto mesmo, que poderá ser utilizado sem dúvida em outros julgamentos, envolvendo outros criminosos”, disse.

O senador paranaense ficou atrás no ranking apenas do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) e do prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), com 593.881 interações e 486.181, respectivamente, mas a frente de Luiz Inácio Lula da Silva, por exemplo, que teve 244.925 reações.

Filiação ao Podemos

Pré-candidato ao Palácio do Planalto em 2018, Alvaro está de saída do Partido Verde. Vai se juntar ao Podemos e é pelo novo partido que pretende ser candidato à Presidência. Em entrevista exclusiva ao blog Caixa Zero em maio, o senador disse que o partido será inspirado no En Marche, que elegeu Emmanuel Macron presidente da França, e em outras iniciativas europeias, como o Podemos, da Espanha, e o Cinco Estrelas, da Itália.

Assista ao vídeo de Alvaro Dias sobre o resultado do julgamento no TSE:

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Política

PUBLICIDADE