PUBLICIDADE
tablets

Samsung vence caso de patente contra Apple por não ser "tão legal"

As duas companhias estão travando batalhas legais em cerca de 10 países, acusando-se mutuamente de infração de patentes

A Samsung Electronics derrotou a Apple, na mais recente disputa da guerra de patentes travada entre as empresas, com a decisão de um juiz britânico determinando que os tablets Galaxy da empresa sul-coreana não infringem os designs da empresa norte-americana para o iPad por não serem "tão legais".

No julgamento de uma alta corte nesta segunda-feira, o juiz Colin Birss disse que os tablets Galaxy pertenciam à mesma família que os da Apple quando vistos de frente, mas que os produtos da Samsung eram "muito finos... com detalhes incomuns na parte de trás".

"Eles não possuem a mesma simplicidade que há no design da Apple. Eles não são tão legais (quanto os da Apple)", disse ele. "A impressão geral obtida é diferente."

A vitória da Samsung acontece dias após uma corte de apelações norte-americana ter liberado um congelamento sobre as vendas dos smartphones Galaxy Nexus, embora tenha mantido uma decisão de um tribunal de instância mais baixa para temporariamente barrar as vendas do tablet Galaxy 10.1.

As duas companhias estão travando batalhas legais em cerca de 10 países, acusando-se mutuamente de infração de patentes à medida que buscam por supremacia no mercado de dispositivos móveis.

A Samsung deu boas-vindas ao julgamento da corte britânica, que, segundo a empresa, afirma seus próprios direitos de propriedade intelectual enquanto respeita os de outras companhias.

"Caso a Apple continue a fazer excessivas alegações legais em outros países baseados em designs tão genéricos, a inovação no setor pode ser prejudicada e a escolha do consumidor, limitada", disse a Samsung.

A Apple informou que não comentará a decisão judicial, mas reiterou sua visão sobre os designs da empresa sul-coreana.

"Não é coincidência de que os mais recentes produtos da Samsung parecem muito com o iPhone e o iPad, desde o formato do hardware até a interface para o usuário e até mesmo a caixa", disse a companhia norte-americana.

"Este tipo de cópia descarada é errado e, como dissemos muitas vezes antes, precisamos proteger as propriedades intelectuais da Apple quando companhias roubam nossas ideias."

PUBLICIDADE
    • SELECIONADO PELO EDITOR
    • NOTÍCIAS MAIS COMENTADAS
    • QUEM MAIS COMENTOU
    Assine a Gazeta do Povo
    • A Cobertura Mais Completa
      Gazeta do Povo

      A Cobertura Mais Completa

      Assine o plano completo da Gazeta do Povo e receba as edições impressas todos os dias da semana + acesso ilimitado no celular, computador e tablet. Tenha a cobertura mais completa do Paraná com a opinião e credibilidade dos melhores colunistas!

      Tudo isso por apenas

      12x de
      R$49,90

      Assine agora!
    • Experimente o Digital de Graça
      Gazeta do Povo

      Experimente o Digital de Graça!

      Assine agora o plano digital e tenha acesso ilimitado da Gazeta do Povo no aplicativo tablet, celular e computador. E mais: o primeiro mês é gratuito sem qualquer compromisso de continuidade!

      Após o período teste,
      você paga apenas

      R$29,90
      por mês!

      Quero Experimentar
    VOLTAR AO TOPO