Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Enkontra.com
PUBLICIDADE

especial

Lavabos: muito charme em poucos metros

Extensão da área social, o lavabo merece ser decorado com capricho e personalidade. Um projeto bem elaborado ajuda a aproveitar o espaço restrito

  • Daliane Nogueira
 |
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Lavabos: muito charme em poucos metros

Que os brasileiros são hospitaleiros todo mundo sabe. Parte dessa marca se deve, principalmente, pela forma como recebemos as pessoas em casa. E um dos cômodos que mais reflete essa preocupação é o lavabo, um toalete quase exclusivo para as visitas.

O ambiente é, geralmente, o me­­nor da residência, tendo em média dois a cinco metros quadrados. Mas não é por isso que a decoração do local pode ficar relegada ao improviso. Pelo contrário, os profissionais de decoração afirmam que este é um dos ambientes onde a ousadia tem espaço garantido.

“Lavabo é um pequeno ambiente de passagem para as visitas, então, os toques inusitados impressionam e não cansam o olhar”, diz o arquiteto Edgard Corsi, que, junto da sócia Ana Boscardin, assina um espaço em que a simetria está em evidência e o toque a mais fica por conta da cuba e da bancada, feitas em Silestone azul bic.

Os dois defendem que exageros, no entanto, devem ser evitados. “Optamos por manter todo o restante do ambiente branco, inclusive as flores”, acrescenta.

Para o designer de interiores Roberto Amaral da Cunha, o mais importante na hora de decorar um lavabo é valorizar o espaço disponível, trabalhando com poucos móveis, de preferência sob medida, e com elementos pontuais de decoração. “O lavabo é um importante espaço social da casa, onde os convidados precisam encontrar conforto, garantido pelos detalhes de decoração”, diz o profissional, que é responsável por um projeto com pegada moderna, onde o grande destaque é o papel de parede com estampa no clima dos anos 1970.

Os arquitetos e decoradores consultados pela reportagem elegeram revestimentos, bancada e cuba, torneira, espelho e iluminação como os pontos fortes desse ambiente. E não há limite para a criação. “Como não há vapor d’água co­­mo nos banheiros, os revestimentos de parede e piso podem ir além da cerâmica e das pastilhas, trabalhando com materiais como papel, tecido, pedra e até mesmo madeira”, explica a arquiteta Clau­­dia Vialle Caramori.

Nas bancadas, a pedra continua sendo bastante usada, mas a madeira e o vidro aparecem como alternativas, especialmente em projetos com inspiração natural. As pias de louça são as mais co­­muns, mas aparecem em inúmeros tamanhos e formatos, assim como os metais sanitários. “A torneira ou misturador do lavabo precisa ter um apelo decorativo sem perder a praticidade”, lembra Cunha.

A sensação de amplitude será garantida se a dupla espelhos e iluminação for bem pensada. Espelhos que ocupam toda a parede onde fica a bancada e a pia são ótimas soluções. É possível ainda incluir espelho em outros pontos do projeto, como nas paredes laterais. A iluminação pode ser mais intimista e cênica, com luz indireta colocada atrás do espelho, por exemplo. Arandelas instaladas em cima da bancada e pontos de luz embutidos no teto, completam bem um projeto.

Para finalizar a decoração, o melhor é não exagerar nos objetos. Como o ambiente é uma extensão da área social, o melhor é incluir jogos de bancada elaborados, vasos de flores ou folhagens – é preciso escolher espécies que se adaptem à sombra – e até mesmo pequenos quadros nas paredes.

Lavabos

Serviço (Curitiba):

• Fernanda Bertoli e Carlos Eduardo Stival, fone (41) 3336-0591 e www.facearquitetura.arq.br. • Ana Boscardin e Edgard Corsi, Studio Boscardin, fone (41) 3342-2236 e www.studioboscardincorsi.com.br. • Fabianne Domingos, fone (41) 3114-0600 e www.fabiannedomingos.com.br. • Andrea L. Barbon, Arq. Reforma, fone (41) 3029 2442 e www.arqreforma.com.br. • Marcelo Vacção, fone (41) 3016-5789. • Roberto Amaral da Cunha, fone (41) 9677-0077 e www.robertoamaral.com.br. • Taicy Pires, fone (41) 9976-7562. • Claudia Vialle Caramori, fone (49) 9981-0101.

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Vida e Cidadania

PUBLICIDADE