Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Enkontra.com
PUBLICIDADE

turismo

Agência de turismo oferece tour da Lava Jato em Curitiba; conheça o itinerário

Passeio, que custa de R$ 150 a R$ 340 por pessoa, passa pela Procuradoria da República e pelo Complexo Médico-Penal, em Pinhais

  • Angela Corrêa, especial para a Gazeta do Povo
Justiça Federal,  de  onde despacha o juiz Sergio Moro, é um dos pontos visitados durante o tour | Daniel Castellano/Gazeta do Povo
Justiça Federal, de onde despacha o juiz Sergio Moro, é um dos pontos visitados durante o tour Daniel Castellano/Gazeta do Povo
 
0 0 COMENTE! [0]
TOPO

Os guias da Special Paraná Turismo & Eventos passaram a ouvir o mesmo pedido dos clientes nos últimos meses: “Podemos ir ao local onde trabalha o juiz Sergio Moro?”.

Para aproveitar essa demanda específica e não interferir na programação de quem só está mesmo interessado em conhecer a Ópera de Arame e o Jardim Botânico, a proprietária da agência, Bibiana Antoniacomi, decidiu oferecer um serviço exclusivo aos curiosos sobre o berço da Lava Jato e seus personagens.

ITINERÁRIO: Confira a rota da Lava Jato em Curitiba

O tour privativo foi disponibilizado no site da empresa na semana passada e tinha, até esta segunda-feira (9), apenas uma reserva, de um visitante de Brasília que estará na cidade em junho.

O passeio temático pode durar até quatro horas e tem preço que varia, por pessoa, de R$ 150 (grupos de até dez turistas) a R$ 340 (individual). Por questão de segurança, o tour não permite o acesso aos prédios públicos. O serviço inclui transporte e guia, que apresentará, em frente aos locais, gráficos e curiosidades pesquisados nas últimas semanas sobre a operação de investigação contra corrupção baseada em Curitiba.

Desde que divulgou o serviço, a proprietária da agência viu sua caixa de e-mails ficar “polarizada”, bem ao gosto do humor do brasileiro no momento. “Houve quem respondesse elogiando a ideia, mas algumas pessoas também me xingaram. Eu estava preparada para isso porque sei que é um tema polêmico. Mas não vamos nos posicionar politicamente, estamos apenas reagindo a uma demanda”, pondera Bibiana.

Locais

O passeio parte do centro da cidade. O primeiro ponto é a Procuradoria da República, onde se concentra a força-tarefa. Depois, passam pela Universidade Federal do Paraná, onde Moro leciona. A terceira parada é outro endereço comercial do juiz, a Justiça Federal, seguida da sede da Polícia Federal, onde ficam os investigadores e a carceragem provisória. O passeio termina no Complexo Médico-Penal, em Pinhais, onde estão presos os investigados e já julgados da operação.

Como bônus, dependendo do interesse do visitante, o tour pode passar também pelo Museu Oscar Niemeyer, onde estão 26 obras apreendidas durante a operação.

Itinerário da Lava Jato em Curitiba

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Vida Pública

PUBLICIDADE