Vida Pública

Fechar
PUBLICIDADE

Entrevista

Presidente do PSDB reage e acusa Lula de autoritarismo e arrogância

O ex-presidente afirmou que enfrentaria novamente uma disputa presidencial para impedir a volta de um tucano ao comando do país

 
0 0 COMENTE! [0]
TOPO

O presidente nacional do PSDB, deputado Sérgio Guerra (PE), classificou, nesta sexta-feira (1º), como uma demonstração de autoritarismo e extrema arrogância a declaração do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em entrevista em um programa de televisão. Lula afirmou que enfrentaria novamente uma disputa presidencial para impedir a volta de um tucano ao comando do país. Segundo Guerra, não é o ex-presidente que permite ou não que um tucano ou um político de qualquer partido seja eleito presidente da República, mas o povo brasileiro.

"É um sinal grave de desequilíbrio do mesmo ex-presidente que procura ministro do Supremo para evitar o julgamento do mensalão. Não é um presidente que permite que um tucano ou um político de qualquer outro partido governo o país. Quem resolve isso é a população, de acordo com as leis vigentes", disse Guerra, acrescentando: "São gestos que apontam na direção do autoritarismo e uma atuação que não honra o passado de um ex-presidente. Uma demonstração de extrema arrogância."

Siga a Gazeta do Povo e acompanhe mais novidades

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Vida Pública

PUBLICIDADE
Acompanhe a Gazeta do Povo nas redes sociais