PUBLICIDADE

Animal

Concurso elege os cachorros mais feios do mundo. Veja as fotos

Uma mastim napolitana chamada Martha foi eleita a cachorra mais feia do mundo na última sexta-feira (23). Com 57 kg, ela derrotou…

Martha, a vencedora do concurso.  Foto: Josh Edelson/AFP.Martha, a vencedora do concurso. Foto: Josh Edelson/AFP.

Uma mastim napolitana chamada Martha foi eleita a cachorra mais feia do mundo na última sexta-feira (23). Com 57 kg, ela derrotou outros 13 concorrentes em concurso realizado em Petaluma, na Califórnia.

Esta foi a 29ª edição da premiação anual. Como se fosse uma verdadeira “miss”, Martha recebeu um total de US$ 1.500, um troféu e uma viagem para Nova York. Os prêmios, no entanto, não fazem jus à história da cachorra que foi resgatada quando já estava quase cega. Sua dona, Shirley Zindler, fez o possível para melhorar as condições de saúde da companheira. O esforço deu resultado e, depois de várias cirurgias, Martha voltou a enxergar.

Moe foi eleito o segundo cão mais feio do mundo em 2017. Foto: Josh Edelson/AFP.

Moe, griffon de Bruxelas, foi eleito o segundo cão mais feio do mundo em 2017. Foto: Josh Edelson/AFP.

O segundo lugar ficou para Moe, um griffon de Bruxelas de 16 anos. Ele não enxerga, nem escuta. Chase, um cão de crista chinês de Neath, no Reino Unido, levou o terceiro lugar. Os cães foram julgados de acordo com critérios como primeira impressão, características peculiares, personalidade e reação da plateia.

concurso cachorro mais feio do mundo em 2017

Chase, crista chinês, foi eleito o terceiro cachorro mais feio do mundo. Foto: Josh Edelson/AFP.

Entre os competidores, muitas histórias de amizade verdadeira. Vários deles foram resgatados e, posteriormente, adotados. A maioria já tem muitos anos de vida e alguns problemas de saúde próprios da idade.

Cachorros mais feios do mundo: veja mais fotos


***

Leia também:

>>> Mariposa ganha nome de Trump; Beyoncé e Pink Floyd também foram homenageados

>>> Cachorros ajudam mulheres a manter a saúde durante a gravidez

>>> Gatos têm uma função “estranhamente relaxante” nas aulas de ioga

PUBLICIDADE
array(6) { [0]=> string(5) "http:" [1]=> string(0) "" [2]=> string(23) "www.gazetadopovo.com.br" [3]=> string(9) "viver-bem" [4]=> string(6) "animal" [5]=> string(40) "cachorros-mais-feios-do-mundo-concurso-2" }