PUBLICIDADE

Turismo

Companhias aéreas vão dar desconto para quem viajar só com mala de mão

Gol começará a vender com desconto em 20 de junho. Latam e Azul oferecerão as tarifas promocionais a partir de 1º de julho

Foto: BigstockFoto: Bigstock

Quem for viajar e não despachar nenhuma mala poderá pagar uma tarifa mais barata. A novidade aparece em meio à série de mudanças nas políticas de cobrança de bagagem pelas companhias aéreas, autorizadas por uma resolução da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Por enquanto Latam, Gol e Azul confirmaram que vão oferecer as tarifas promocionais.

A Gol passa a oferecer a nova tarifa em 20 de junho, enquanto a Latam e Azul iniciam as vendas com desconto a partir de 1º de julho. As datas coincidem com quando cada uma das companhias começa a cobrança por malas despachadas. Ainda não há detalhes sobre os valores dos preços promocionais sem bagagem.

Latam

A Latam informou que os novos perfis de tarifas terão início em 50 dias. Ao todo, serão quatro opções de tarifas ofertadas. As faixas de preço vão variar de acordo com os benefícios escolhidos pelos clientes. A questão de viajar sem bagagem despachada é um dos critérios que pode baratear o valor final da compra.

Para bilhetes emitidos a partir desta quinta-feira (18), já mudam as regras da franquia e o pagamento pelo excesso de bagagem da companhia. Com isso, quem viajar em um voo doméstico da Latam só poderá despachar uma mala de 23 quilos sem pagar nada mais por isso. Embora este já seja o peso permitido, atualmente não há limite de volumes despachados.

Já a franquia para voos internacionais será reduzida de duas malas de 32 quilos para duas malas de 23 quilos. A cobrança pelo excesso de bagagem também terá mudanças, com tarifas fixas por peso e por tamanho das malas.

A partir de 1º de julho, a empresa vai começar a cobrar pelas bagagens em voos domésticos. O preço da primeira mala será de R$ 30 para compras antecipadas. Veja mais detalhes aqui.

Azul

A partir de 1º de julho, os clientes da Azul que optarem pela tarifa mais barata, sem despacho de bagagem, poderão incluir posteriormente o serviço de malas despachadas: uma mala de 23 kg por R$ 30. Os clientes que comprarem a passagem pelo preço normal continuam com a franquia de bagagem de 23 quilos inclusa.

Gol

A Gol também vai oferecer, a partir de 20 de junho, uma tarifa mais barata para quem não precisar despachar bagagens. As tarifas com preço normal vão incluir uma franquia de 23 quilos. Se o cliente que comprou o bilhete da tarifa sem mala e decidir posteriormente despachar a bagagem, poderá pagar à parte. Nos voos nacionais, será cobrado R$ 30 para despachar uma mala de até 23 quilos

Avianca

A Avianca disse que prefere estudar a questão nos próximos meses para criar produtos tarifários customizados para melhor atender às necessidades dos diferentes perfis de clientes.

*Com informações da Agência Brasil

Leia também:

Brasil terá 3 mil voos extras nas férias de julho

Check-in por reconhecimento facial passa a valer a partir de junho

8 aplicativos para baixar imediatamente por quem ama viajar

PUBLICIDADE
array(6) { [0]=> string(5) "http:" [1]=> string(0) "" [2]=> string(23) "www.gazetadopovo.com.br" [3]=> string(9) "viver-bem" [4]=> string(7) "turismo" [5]=> string(58) "aereas-vao-dar-desconto-para-quem-viaja-so-com-mala-de-mao" }