PUBLICIDADE

Turismo

Bosque com trilha de aventura para crianças é reaberto em Curitiba

Bosque Reinhard Maack, no Hauer, estava fechado para reformas. Além dos brinquedos, espaço tem lugar para soltar pipa

Bosque Reinhard MaackAo todo são 16 brinquedos na trilha de aventura do parque. (Isabella Mayer/SMCS)

Após passar por reformas, o Bosque Reinhard Maack, no Hauer, foi novamente reaberto ao público no último sábado (4). O local é uma opção diferente para os curitibanos em comparação aos outros parques de Curitiba, já que possui uma trilha de aventura com 16 brinquedos para crianças, entre escalada com gongo, pesca, equilíbrio, tirolesa e bola ao alvo. O bosque também é propício para empinar pipas.

Durante a semana, o Bosque Reinhard Maack fica fechado para o público geral, mas recebe crianças de escolas do município para atividades especiais – como visitas guiadas, brincadeiras e contato com a natureza. “Ele é o único na cidade com este foco, mais voltado para a preservação e educação ambiental”, destacou Jean Brasil, diretor de parques e praças da secretaria municipal do Meio Ambiente, durante a reabertura. Apenas aos fins de semana a população pode aproveitar as atividades do parque.

Todos os 16 brinquedos da trilha da aventura foram restaurados pela prefeitura de Curitiba, incluindo três que estavam sem condições de uso há cerca de quatro anos. Além disso, banheiros, o anfiteatro e as trilhas também receberam melhorias, assim como a ciclovia com uma nova camada de pavimento e meios-fios.

Bosque Reinhard Maack

Parque fica aberto somente aos fins de semana. (Foto: Isabella Mayer/SMCS)

O bosque foi inaugurado em 1989 e tem área de 78 mil metros quadrados, coberta de “capões” com vegetação original de Curitiba, como araucárias, aroeiras, bracatingas e outras espécies vegetais. Ele também conta com um pavilhão de educação ambiental e grupo de escoteiros.

Pertencente à família Hauer por mais de cem anos, a área foi doada por Alfredo Hauer. Reinhard Maack, que dá nome ao bosque, foi um alemão que veio para o Brasil em 1923 para trabalhar na Companhia de Mineração e Colonização do Paraná. Era cartógrafo, geógrafo, paleontólogo, engenheiro de minas, geólogo e professor da UFPR. Foi primeiro a medir o Pico do Paraná.

SERVIÇO
Bosque Reinhard Maack
Aberto aos sábados, domingos e feriados, das 8h às 16h30. O acesso é gratuito.
Rua Raggi Izzar com a Rua Waldemar Kost, Hauer.
Agendamento para visitas de estudantes nos dias de semana pode ser feito pelo telefone (41) 3350-9891.

LEIA TAMBÉM

>> 5 lugares perto de Curitiba que vão fazer você se sentir na fazenda

>> Cidade a 150 km de Curitiba promove roteiro turístico para os amantes de chimarrão

>> Um dos únicos borboletários do Paraná fica pertinho de Curitiba; conheça

PUBLICIDADE