PUBLICIDADE

Turismo

O magnetismo dos mercados de pulgas

Eles são um programa obrigatório em qualquer viagem a Londres, Paris, Berlim ou Bangcoc. Conheça alguns dos mercados de rua mais famosos do mundo, onde é possível fazer as compras mais absurdas. Em alguns, inclusive, é preciso ficar atento à carteira



Long Beach Antique Flea Market, em Long Beach, próximo a Los Angeles.


Todo o colorido do mercado de Chatuchak, em Bangcoc


Os típicos macarrons podem ser saboreados no mercado de Clignancourt, em Paris


Os hoje raros telefones de discagem, em Porta Portese, em Roma


Os curiosos frequentadores de Portobello Road, em Londres


O Brooklyn Flea também ocorre embaixo da famosa ponte deste bairro de Nova Iorque


Barraca com calçados reciclados, no Brooklyn Flea, em Nova Iorque


Berlin Kunst & Nostalgie Markt ocorre próximo ao Pergamon e ao Bode Museum (foto), em Berlim


Atenas


Porto Alegre – Brick da Redenção


Montevidéu


Confira mais sobre as feiras ao ar livre


Próximo à feira de San Telmo, há uma estátua da impagável personagem argentina de tirinhas Mafalda


Madri


Paris


Roma


Buenos Aires


Bangcoc


São Paulo


Londres


Berlim
Nova York (Foto acima)

A Big Apple tem três locais imperdíveis quando o assunto é feira de bric-a-brac (bugigangas).

O Brooklyn Flea (pulga, em inglês) tem dois endereços: aos sábados, a feira ocorre no pátio do colégio Bishop Loughlin Memorial; e, aos domingos, embaixo da Ponte do Brooklyn. É possível garimpar roupas, acessórios e objetos antigos, bem como saborear waffles belgas, sanduíches de churrasco de carne de porco e até queijo ricota fresco. Já o The Antiques Garage, considerado o melhor mercado de pulgas pelo The New York Times, é o lugar para quem aprecia antiguidades e roupas vintage.

Serviço

Brooklyn Flea. Onde: Avenida Lafayette (entre as avenidas Clermont e Vanderbilt )e embaixo da Ponte do Brooklyn. Quando: sábados, das 10 às 17 horas, na Avenida Lafayette; e domingos, embaixo da Ponte do Brooklyn. Como chegar: na Av. Lafayette, metrôs B, Q, R, 2 e 3 (Atlantic Avenue); e na feira sob a ponta, metrôs A e C (High Street/Brooklyn Brigde).

The Antiques Garage. 112 West 25th Street entre Sixth e Seventh Avenues, em Chelsea. Quando: das 6h30 de sábado às 17 horas de domingo. Como chegar: metrôs F ou V (23th Street).

Berlim (Foto 1)

Na capital alemã, o que não faltam são mercados de pulga. Aos domingos, no Mauer Park (Parque do Muro), ocorre o mais concorrido. Para quem gosta de roupas e acessórios antigos é o paraíso. Já o Kunst & Nostalgie Markt, em frente ao Museu Pergamon, reúne, nos fins de semana, vendedores de livros, gravuras e milhões de badulaques, como uniformes militares da antiga União Soviética. Mas o maior mercado de pulgas de Berlim ocorre na Strasse des 17 Juni, no Tiergarten, também aos sábados e domingos.

Serviço

Mercado de pulgas de MauerPark. Onde fica: Bernauer strasse 63-64, em Mitte. Quando: domingos, das 9 às 18h30. Como chegar: Metro U2 (Rosa Luxemburg Platz). Kunst & Nostalgie Markt. Na Ilha dos Museus, em Mitte. Quando: sábados e domingos, das 9 às 19 horas. Como chegar: metrôs S5, S7 e S9 (Hackescher Markt). Mercado de pulgas da Strasse des 17 Juni. Onde: 108 Strasse des 17, em Tiergarten. Juni. Quando: sábados e domingos, das 9 às 18h30. Como chegar: metrô U2 (Ernst Reuter Platz).

Londres (Foto 2)

Ela ficou ainda mais famosa depois do filme Notting Hill, com Julia Roberts e Hugh Grant. Mas a feira de antiguidades de Portobello Road sempre foi um passeio obrigatório para quem visita a capital inglesa. Sábado é o dia mais concorrido nesse mercado a céu aberto, que vende roupas usadas, acessórios, brinquedos, antiguidades e móveis. Se a fome bater, pode-se optar por bons restau­­rantes e pubs instalados nos coloridos prédios ao redor da feira. Um alerta: Londres é uma cidade segura para o turismo, mas atenção a batedores de carteira – não há muitos em Portobello, mas há!

Serviço

Feira de Portobello Road. Onde: Portobello Road W11, Notting Hill. Quando: De segunda-feira a sábado das 8h às 18h30 (às quintas-feiras, até as 13 horas). Como chegar: Estação Notting Hill Gate do metrô (linhas vermelha, verde ou amarela).

São Paulo (Foto 3)

A feira da Praça Benedito Calixto costuma atrair um público jovem e descolado. A maioria das bancas expõe antiguidades, numa variedade quase infinita de colherinhas, relógios, pires, mobílias, roupas e bijuterias. Ainda tem artesanato e comida. Ao redor também surgiram lojas de decoração, antiguidades, bares, restaurantes e até feiras “paralelas” instaladas em estacionamentos e prédios existentes ao redor da praça.

Serviço

Feira da Praça Benedito Calixto. Onde: Praça Benedito Calixto, 112, em Pinheiros. Horário: Sábados, das 9 às 19 horas. Com chegar: de táxi.

Bangcoc (Foto 4)

O Mercado Chatuchak é o maior da capital da Tailândia e funciona sábado e domingo (por isso, inclusive, também é chamado Weekend Market). Gigantesca, a feira conta com cerca de cinco mil barraquinhas, que vendem das tradicionais roupas de seda a móveis, cerâmica e antiguidades. Recente­­mente, mapas foram disponibilizados, o que facilita a locomoção do visitante.

Serviço

Mercado Chatuchak. Onde: Chatuchak Park. Quando: sábados e domingos, das 7 às 18 horas. Como chegar: desça na estação de metrô Kamphaengphet (linha azul).

Buenos Aires (Foto 5, 9 e 10)

Bijuterias, quadros, cristais, brinquedos, antiguidades, discos, livros, roupas e bordados. Tudo isso e muito mais, o turista vai encontrar na feira de San Telmo, em Buenos Aires. E o melhor: em peso (que está bem desvalorizado em relação ao real). Por estar num bairro boêmio, a feira também oferece boas opções para quem deseja fazer um almoço saboroso ou apenas curtir os ares portenhos assistindo às apresentações de artistas.

Serviço

Feira de San Telmo. Onde: Plaza Dorrego, em San Telmo. Quanto: domingo, das 10 às 17 horas. Como chegar: De táxi ou com os ônibus 2, 3, 10, 17, 22 e 24.

Roma (Foto 6)

A Feira de Porta Portese, no bairro do Trastevere, é o maior mercado de pulgas de Roma. Vende de roupas que sobraram das liquidações a utensílios de segunda mão, antiguidades, acessórios falsificados de grandes estilistas, CDs e discos de vinil. Cuidado com a carteira: os batedores não perdoam os distraídos.

Serviço

Feira de Porta Portese. Onde: Via Portuense, da Porta Portese até a via Ettore Rolli, Trastevere. Quando: aos domingos, das 5 às 14 horas. Como chegar: ônibus 23 e 44/bonde para Trastevere.

Paris (Foto 7)

No mercado de pulgas de Clignancourt, pode-se achar de tudo, desde que o visitante tenha fôlego para explorar cada pedacinho da feira, que é a maior da Europa. O que é possível achar numa andança por lá? Roupas e acessórios vintage, máquinas de café, peças decorativas, discos, móveis e até as charmosas placas de rua da capital francesa. Para recuperar o fôlego, a dica é sentar em um dos cafés que se espalham pela avenida onde ocorre a feira.

Serviço

Mercado de pulgas de Clignancourt (Le Marché aux Puces de Saint-Ouen). Onde: Avenue de la Porte de Clignancourt, 18º arrondissement. Quando: às segundas e domingos, das 9 às 18h30. Como chegar: metrô Porte de Clignancourt (linha 4).

Madri (Foto 8)

Nova York

Há mais de cinco séculos, a feira El Rastro existe, cativa e se transforma para oferecer ao público uma infinidade de objetos. Hoje são cerca de 3.500 barracas, com antiguidades, artigos de segunda mão, artesanatos, flores, roupas e muito mais. Duas dicas para quem vai visitar o local: tome cuidado com os seus pertences e termine o passeio como todos – comendo tapas em alguma das barraquinhas.

Serviço

El Rastro. Onde: a partir da Plaza Cascorro. Horário: Domingos e feriados, das 9 às 15 horas. Como chegar: metrô Latina y Puerta de Toledo (linha 5) e Tirso de Molina (linha 1).

* * * * * * * *

Interatividade

Casais dançando tango são uma marca registrada do mercado de San Telmo

Dê sua dica de mercado de pulgas em outros destinos do mundo. Ajude a fazer um Caderno de Turismo cada vez melhor.

Escreva para turismo@gazetadopovo.com.br

PUBLICIDADE