Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Para este ano, a expectativa também é grande, já que, somente com a soja, a produção paranaense deve crescer mais de 12,5%, alcançando 19,88 milhões de toneladas. | Pedro Serapio/Gazeta do Povo
Para este ano, a expectativa também é grande, já que, somente com a soja, a produção paranaense deve crescer mais de 12,5%, alcançando 19,88 milhões de toneladas.| Foto: Pedro Serapio/Gazeta do Povo

O agronegócio paranaense cresceu R$ 10 bilhões em faturamento em 2016, um aumento na casa de 13% em relação ao ano anterior. Ao todo, o campo gerou R$ 87,3 bilhões no estado, segundo o secretário de agricultura do Paraná, Norberto Ortigara.

Ortigara apresentou o número em primeira mão à Gazeta do Povo durante o encerramento da 11ª Expedição Safra, nesta sexta-feira (31), durante a 57ª ExpoLondrina. “Isso mesmo em um ano com quebra por causa do clima”, salientou Ortigara.

Para este ano, a expectativa também é grande, já que, somente com a soja, a produção paranaense deve crescer mais de 12,5%, alcançando 19,88 milhões de toneladas, conforme o Indicador Brasil da Expedição Safra. “De fato estamos acabando de colher uma safra exuberante, com excelentes produtividades não só para a soja, mas para outras culturas também, como o milho. Então é um ótimo período, com otimismo não exagerado do campo.”

O governador Beto Richa também participou do encerramento da Expedição. “A agricultura é uma força pujante no Estado, que bate recorde de produção, garante renda aos produtores rurais e gera milhões de empregos e riquezas para todas as regiões do Paraná e para o Brasil”, disse. O governador também ressaltou o apoio do Estado ao setor e mencionou principalmente o Banco Regional de Desenvolvimento Econômico (BRDE). Só em 2016, o volume de financiamento liberado pela agência paranaense do BRDE, ao setor agropecuário, somou R$ 418,7 milhões.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]