Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
 | Arte: Guilherme Valadares/ Fotos: Divulgação
| Foto: Arte: Guilherme Valadares/ Fotos: Divulgação

A Renault lança oficialmente a picape Duster Oroch, que estará nas lojas a partir da semana que vem para test drive e pré-venda - a comercialização só em 1.º de novembro.

O modelo estreia um novo segmento, o de picape compacta-média, que a Fiat tratou de batizar de Sport Utility Pick-up (SUP), ou ‘picape utilitária esportiva’, ao confirmar o nome Toro para o seu representante no setor, previsto para estrear em fevereiro de 2016.

Saída da fábrica de São José dos Pinhais, na Grande Curitiba, sempre com cabine dupla e 4 portas, ela tem um pacote de atributos para conquistar seu espaço e tirar o dos rivais. O conforto, estabilidade, manobrabilidade, desempenho e consumo de um carro de passeio com a versatilidade, capacidade de carga e quase a robustez de um utilitário. Além de oferecer um bom nível de equipamentos de série e de espaço.

A Oroch mira, principalmente, o consumidor de picapinha cabine dupla que procura melhor custo-benefício e o de picapes médias usadas ou em suas versões de entrada. No ano que vem, a batalha fica mais acirrada com a chegada da Toro, que tem os mesmo predicados do Oroch, porém, de porte mais avantajado e a opção do motor turbodiesel.

Para amenizar o efeito que o modelo da Fiat poderá trazer, a Renault adianta que lançará a opção de câmbio automático também no ano que vem, com a tração 4x4 também está nos planos.

Hoje, os utilitário com caçamba respondem por 80% das vendas no segmento de veículos comerciais leves - ou 13% do total de automóveis emplacados no Brasil --, com 300 mil unidades ao ano, em média. As configurações com cabine dupla são as mais procuradas, superando os 50% no mix de vendas dos modelos.

Renault Duster Oroch

Pedro Bicudo/Divulgação
Rodolfo Buhrer/Renault
O extensor de caçamba serve também de rampa para colocar a moto na caçamba. Rodolfo Buhrer / La Imagem/Renault
Rodolfo Buhrer / La Imagem/Renault
Pedro Bicudo/Renault
  • A FAVOR

  • Quatro portas para acesso à cabine. Mais espaçoso que as picapes compactas e mais fácil de se dirigir e manobrar que as rivais médias.
  • Carroceria firme e estável ao passar por irregularidades no piso e curvas acentuadas.
  • Feita em monobloco, não possui o sacolejar típico das picapes montadas sobre chassis.
  • A revisão de marchas do câmbio manual deixou a relação mais curta e acertada do que no SUV Duster.
  • NEM TANTO


  • Feito para o uso urbano, não traz a força dos modelos médios para encarar terrenos mais hostis. A 4x4 chega só em 2016.
  • Botão que ajusta os retrovisores elétricos fica embaixo do freio de mão.
  • Tela do multimídia posicionada na parte intermediária do painel central dificulta a leitura e desvia a atenção do motorista para o trânsito à frente.
  • Tampa do porta-malas basculante não traz amortecimento na abertura.

O que ela traz?

A 1.6 Expression (R$ 62.290) oferece sistema de som com MP3/ USB/Bluetooth e comando de áudio e de celular no volante, barras no teto, santantônio, protetor de caçamba e rodas de liga leve aro 16. A partir da Dynamique 1.6 (R$ 66.790), que segundo a Renault responderá pela maior parte das vendas do modelo, agrega sistema Media NAV Evolution, faróis de neblina, piloto automático, retrovisores elétricos, sensor de estacionamento, acabamento em couro no volante, computador de bordo e vidro do motorista com comando de 1 toque. O único opcional é o banco em couro. São acessórios capota marítima, extensor de caçamba (que serve de rampa), DVD, câmera de ré, entre outros.

Ficha técnica

Motor 1.6 e 2.0 Flex
Potência e torque Bloco 1.6: 110/ 115 cv e
15,1/ 15,9 kgfm (g/e)
Bloco 2.0:
143/ 148 cv e
20,2/ 20,9 kgfm (g/e)
Câmbio Manual de 5 marchas (1.6) e manual de 6 marchas (2.0)
0 a 100 km/h Bloco 1.6: 13,2/ 14,3 s (e/ g)
Bloco 2.0:
9,7/ 10,6 s (e/g)
Velocidade máxima Bloco 1.6: 160/ 164 km/h (g/e)
Bloco 2.0:
178 / 186 km/h (g/e)
Dimensões 4,69 m (C), 2,82 m (EE), 1,82 (L) e 1,69 (A)
Caçamba/ carga útil 683 l/ 650 kg
Consumo motor 1.6 Cidade: 6,6/ 9,6 km/l (e/g)
Estrada: 7,5/ 10,9 km/l (e/g)
Consumo motor 2.0 Cidade: 6,4/ 9,2 km/l (e/g).
Estrada 7,3/ 10,8 km/l (e/g)
Peso 1.292 kg (1.6) e 1.346 kg (2.0)
Preços 1.6 Expression: R$ 62.290
1.6 Dynamique: R$ 66.790
2.0 Dynamique: R$ 70.790
(g/e): gasolina e etanol. (C): comprimento.
(EE): entre-eixos. (L): largura. (A): altura.

Fiat Strada Cabine Dupla

Adeildo Silva/Fiat
Studio Cerri/Fiat
Adeildo Silva/Fiat
Adeildo Silva/Fiat
Adeildo Silva/Fiat
  • A FAVOR

  • A terceira porta facilita o acesso traseiro.
  • Sistema de bloqueio de diferencial Locker distribui a força do motor para as rodas tracionadas quando há perda de aderência.
  • Boa capacidade da caçamba para um comercial leve: 580 litros para bagagem e 650 kg para o transporte de carga.
  • Tem a opção do extensor de caçamba distribuído pela Mopar, a divisão de acessórios da Fiat Chrysler. O custo é de R$ 1,7 mil

  • NEM TANTO

  • Câmbio com relações longas tira a agilidade das manobras.
  • Suspensão é macia demais, fazendo a carroceria chacoalhar ao passar por pisos irregulares e nas curvas.
  • Design do interior um pouco envelhecido.
  • Garantia de 1 ano, enquanto as concorrentes oferecem três anos.

O que ela traz?

A Strada Cabine Dupla começa com a Working 1.4 (82 cv/ R$ 52.210), mas é a partir da 1.6 Trekking (R$ 59,4 mil) que a picapinha se aproxima da Oroch. Nesta versão, ela vem com ar-condicionado, volante com ajuste de altura, travas e vidros elétricos, computador de bordo, rodas de liga leve aro 14 e faróis de neblina. Cobra mais R$ 2,7 mil por som com MP3/ Bluetooth, retrovisor elétrico e volante em couro com comandos de áudio. O sensor de estacionamento, também é opcional e custa R$ 861. Completa, a versão chega a R$ 62,9 mil.

A 1.8 Adventure agrega retrovisores elétricos, sistema de som, bússola e inclinômetro, sensor de estacionamento, faróis de neblina, distribuição eletrônica de frenagem (EBD), janela traseira corrediça, sensor de estacionamento, rodas aro 16 e capota marítima.

Ficha Técnica

Motor 1.6 e 1.8 Flex
Potência e torque Bloco 1.6: 115/ 117 cv e
16,2/ 16,8 kgfm (g/e)
Bloco 1.8: 130/ 132 cv e
18,4/ 18,9 kgfm (g/e)
Câmbio Manual de 5 marchas e
automatizado de 5 marchas (Dualogic)
0 a 100 km/h Bloco: 1.6: 9,7/ 9,9 s (e/g)
Bloco 1.8: 10,3/ 10,6 s (e/g)
Velocidade máxima Bloco 1.6: 176 / 178 km/h (g/e)
Bloco 1.8: 178/ 179 km/h (g/e)
Dimensões 4,47 m (C), 2,75 m (EE), 1,63 m (A) e 1,75 m (L)
Caçamba/ carga útil 580 l/ 650 kg
Consumo motor 1.6 Cidade: 7,3/ 10,3 km/l (e/g).
Estrada: 8,0/ 11,5 km/l (e/g)
Consumo motor 1.8 Cidade: 6,7/ 9,8 km/l (e/g)
Estrada: 7,5/ 11,1 km/l (e/g)
Peso 1.176/ 1.203 kg (1.6/ 1.8)
Preços 1.6 Trekking: R$ 59.410
1.8 Adventure: R$ 67.110
(g/e): gasolina e etanol. (C): comprimento.
(EE): entre-eixos. (L): largura. (A): altura.

Volkswagen Saveiro Cabine Dupla

Volkswagen
Studio Malagrine/Volkswagen
  • A FAVOR

  • O comportamento da suspensão está mais para o de um carro de passeio do que para o de um utilitário.
  • Câmbio de cinco marchas tem engates precisos e bem acertados.
  • A versão Cross vem recheada de itens de série.
  • Há janelas laterais basculantes para dar uma arejada aos ocupantes detrás.
  • A tampa do porta-malas tem molas a gás que permitem uma movimentação progressiva e o fácil manuseio.

  • NEM TANTO

  • Não conta com bancos dianteiros deslizantes e tampouco uma terceira porta como a rival Fiat Strada, o que dificulta o acesso.
  • O espaço traseiro para as pernas é muito pequeno, principalmente se motorista e passageiro da frente têm cerca de 1,80 m.
  • O assento central traseiro tem apenas cinto abdominal.

O que ela traz?

A versão Trendline (R$ 54 mil) traz protetor de caçamba, santantônio e vidros elétricos . Sistema de som, computador de bordo, retrovisores elétricos e rodas de liga só a partir da Highline (R$ 60 mil). A Rock in Rio (R$ 61,9 mil) é bem completa, com sensor de estacionamento, EBD, capota marítima, retrovisor elétrico, farol de neblina, rodas aro 15, santantônio e som com Bluetooth. A topo de linha Cross (R$ 68,3 mil) vem com volante multifuncional, controles de estabilidade e de tração, assistente de partida em rampas, ABS off-road, sensores de chuva e de luz e controle de cruzeiro.

Ficha técnica

Motor 1.6 8V e
1.6 16V (Cross) Flex
Potência e torque 101/ 104 cv e
15,4 e 15,6 kgfm (e/g)
Cross: 110/ 120 cv e
15,8/ 16,8 kgfm (e/g)
Câmbio Manual de 5 marchas
0 a 100 km/h 10,9/ 11,2 s (e/g)
Cross: 10,1/ 10,6 s (e/g)
Velocidade máxima 169/ 171 km/h (g/e)
Cross: 174/ 177 km/h (g/e)
Dimensões 4,49 m (C), 2,75 m (EE), 1,71 (L) e 1,50 (A)
Caçamba/ carga útil 580 l/ 607 (Cross)/ 667 kg
Consumo
Cidade: 7,3/ 10,9 km/l (e/g)
Estrada: 8,2/ 11,4 km/l (e/g)
Consumo Cross Cidade: 7,5/ 10,7 km/l (e/g)
Estrada: 7,8/ 10,9 km/l (e/g)
Peso 1.073/ 1.133 kg (Cross)
Preços 1.6 Trendline: R$ 53.990
1.6 Highline: R$ 59.990
1.6 Rock in Rio: 61.900
1.6 Cross: R$ 68.290
(g/e): gasolina e etanol. (C): comprimento. (EE): entre-eixos. (L): largura. (A): altura.

Chevrolet S10 Advantage

Fotos: Chevrolet/Divulgação
  • A FAVOR

  • O porte avantajado em relação às rivais seduz o consumidor que busca segurança na trânsito.
  • Caçamba de 1.061 l serve bem as necessidades de uma viagem e o transporte de carga.
  • Há muitos porta-objetos na cabine para facilitar a vida a bordo. O longo entre-eixos cria espaço de sobra para transporta cinco pessoas adultas. As detrás, porém não tem muito espaço para as pernas.
  • A tomada elétrica para os passageiros do banco traseiro facilitam o uso de eletrônicos e a recarga do celular.

  • NEM TANTO

  • O motor é o ‘veterano’ 2.4 flex, de até 147 cv , associado a um câmbio manual de cinco marchas.
  • A carroceria sobre chassi com duas longarinas não transmite o mesmo conforto do que uma picape feita em monobloco. Em pisos irregulares, há oscilações e trepidações na cabine.
  • Consumo mais elevado devido ao peso e tamanho.

O que ela traz?

A versão Advantage traz sistema multimídia MyLink (sem GPS e câmera de ré), banco do condutor e volante com regulagem de altura, retrovisores e vidros elétricos em todas as portas, faróis de neblina, computador de bordo, ar-condicionado, tomada com entrada auxiliar e inclui conexão USB, piloto automático, faróis de neblina, trio elétrico, rodas aro 16 e chave do tipo canivete.

Ficha técnica

Motor 2.4 Flex
Potência e torque 141/ 147 cv e
22,3/ 24,1 kgfm (g/e)
Câmbio Manual de 5 marchas
0 a 100 km/h 11,9/ 12,7 s (e/g)
Velocidade máxima 163/ 167 km/h (g/e)
Dimensões 5,34 m (C), 3,09 m (EE), 1,88 m (L) e 1,79 m (A)
Caçamba/ Carga útil 1.061 l/ 982 kg
Consumo Cidade: 5,1/ 6,3 km/l (e/g)
Estrada: 7,3/ 9,5 km/l (e/g)
Peso 1.768 kg
Preço R$ 81,9 mil
g/e): gasolina e etanol. (C): comprimento. (EE): entre-eixos. (L): largura.
(A): altura.
Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]