Blog André Pugliesi
0

Coritiba oferece oficialmente Couto Pereira para final da Libertadores

O Coritiba ofereceu formalmente o Couto Pereira à Conmebol para realizar a final da Libertadores da América, entre Boca Juniors e River Plate. O presidente Samir Namur assinou ofício do clube encaminhado à entidade na terça-feira (27).

No documento, Namur faz lobby pela casa coritibana, destacando que o estádio tem capacidade para 40 mil pessoas e tem recebido shows de grande porte, como de Roger Waters e Maronn 5, recentemente. A apresentação do ex-beatle Paul McCartney também está agendada para o Alto da Glória.

“O Couto Pereira figura como um dos principais locais para receber a partida, tendo em vista sua capacidade, a logística envolvendo as equipes e também a infraestrutura de Curitiba para sediar o evento esportivo mais importante da América do Sul”, diz o ofício.

Arquivo Gazeta do Povo

A apresentação coritibana faz parte de um projeto do clube de ampliar as possibilidades de utilização do Couto Pereira, como uma arena multiuso. A casa do Alviverde seria o palco da final da Sul-Americana de 2016, cancelada após a tragédia com a Chapecoense.

LEIA MAIS: Atlético tem melhor arena multiuso, mas é o Coritiba quem fatura

Entretanto, as chances de o Coxa ser escolhido como anfitrião do clássico argentino são pequenas. A Conmebol já recebeu ofertas de Miami, Doha e Assunção, cidades que estão na briga e prometem, além de disponibilizar uma praça esportiva, bancar parte do evento.

Além disso, ainda há a possibilidade de o jogo ser disputado no Monumental de Nuñez, a casa do River, mesmo com os problemas de segurança antes do segundo duelo, no sábado (24), que impediram a realização da partida. Boca e River travam uma guerra de bastidores pela definição do palco.

Veja o ofício do Coritiba

8 recomendacões para você