Blog João Frey

Paranaense preside Comissão da Mulher com desafio de superar embates ideológicos

Deputada Luisa Canziani na presidência da Comissão dos Direitos da Mulher (Foto: Will Shutter/Câmara dos Deputados)
Deputada Luisa Canziani na presidência da Comissão dos Direitos da Mulher (Foto: Will Shutter/Câmara dos Deputados)

Prestes a completar 23 anos de idade, Luisa Canziani (PTB), filha do ex-deputado federal Alex Canziani,  é a deputada federal mais jovem do país. Em seu primeiro mandato, a parlamentar assumiu a presidência da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher em um momento em que o colegiado enfrenta o desafio de equilibrar a pauta feminina entre os discursos e reivindicações à esquerda e à direita.

Luísa acredita ser possível superar as tensões ideológicas com uma pauta clara, equilibrada e focada em questões práticas, que mobilizem a ação parlamentar independente da orientação ideológica. Um dos instrumentos para isso foi a confecção de um planejamento estratégico para ação da comissão em 2019. No documento, estão, além da missão, visão e valores, as prioridades do colegiado e o modo como vai agir ao longo do ano.

LEIA MAIS: Deputados paranaenses no epicentro da confusão com Paulo Guedes na CCJ

Os três eixos temáticos de atuação são a educação feminina, o empreendedorismo feminino e a inclusão das mulheres na política.

Entre os objetivos listados em cada eixo estão o estímulo ao interesse de mulheres em áreas do conhecimento como Ciência e Tecnologia, engenharia e matemática; o fomento à independência financeira das mulheres e o fortalecimento de lideranças femininas nos partidos.

Um levantamento feito pelo blog pouco antes das eleições no passado mostrou que 77% dos integrantes de órgãos partidário no Paraná são homens. Nos 34 partidos em funcionamento no estado havia apenas cinco mulheres ocupando o cargo de presidência e sete na tesouraria ou secretaria de finanças.

Além de Luisa Canziani, outros dois paranaenses presidem comissões na Câmara dos deputados. Felipe Francischini (PSL) está à frente da Comissão de Constituição e Justiça e Sergio Souza (MDB) comanda a Comissão de Finanças e Tributação.

Acompanhe o blog no Twitter. 

8 recomendacões para você

 
 

mais comentadas da semana