Você já ouviu falar da região de Marche na Itália? - Palpite de Alice
Caro usuário, por favor clique aqui e refaça seu login para aproveitar uma navegação ainda melhor em nosso portal. FECHAR
Blog Palpite de Alice

Você já ouviu falar da região de Marche na Itália?

Talvez uma das mais desconhecidas regiões da Italia, em termos turísticos. Marche fica na costa do Mar Adriático, ao centro da “bota” e faz fronteira ao norte com as regiões de Emilia Romagna e  República de San Marino. A Noroeste com  Toscana, oeste com a Úmbria, sudoeste com Lazio, e ao sul com Abruzzo.

Como a própria Itália, Marche é dividida em províncias: Pesaro-Urbino, ao norte, Ancona e Macerata, ao centro, e Ascoli-Piceno, ao sul.

Os Apeninos, é a cordilheira que divide a Itália em duas. A região de Marche, é naturalmente protegida pelas montanhas de um lado e pelo mar de outro, possui uma paisagem bucólica que mistura o frescor das montanhas com o ar do mar Adriático. São paisagens constantes de Marche, verdes e férteis vales e o belo litoral adriático com grandes faixas de areia.

A história da região de Marche é muito antiga, anterior até mesmo aos etruscos e foi domínio do Império Romano e até de Napoleão. As incontáveis cidades muradas e castelos são datados da Idade Média, quando os camponenses, para se defenderem, construíram comunas nos cumes das montanhas. Assim é a paisagem das Marche que pode ser apreciada até hoje.

Vários são os pontos turísticos da região: desde seu extenso litoral (balneários de Senigallia e toda a Riveira do Conero) ;Grotte di Frassassi (um conjunto de cavernas que se estendem por 13 km por debaixo das Cordilheiras dos Apeninos) é uma das mais famosas do mundo; o Santuário de Nossa Senhora do Loreto, local de grande peregrinação católica. Em toda região de Marche, há inúmeras vilas medievais, castelos, fortalezas, cidades muradas.

A gastronomia de Marche é muito vasta. Come-se muito peixe e o vinho tradicional da região é o Verdicchio. Um pouco amargo e suavemente perfumado, e que muitos consideram o mais apropriado para acompanhar o peixe.

Verdicchio Classico Terre Cortesi

Visual Hunt

 

A cidade principal da região é Ancona, com mais de 100.000 habitantes é o maior porto do Adriático central, com rotas para Croacia, Grécia, Turquia, Israel e Egito. Ancona foi fundada por colonos gregos cerca de 387 aC, que deu o seu nome: Ancona deriva da palavra grega Αγκων, que significa “cotovelo” devido a sua forma geográfica.

Nós moramos por quase 2 anos em Jesi, pertinho de Ancona e Senigallia. Para mais informações sobre nossa experiência lá, visite:

https://www.gazetadopovo.com.br/blogs/palpite-de- alice/quando-moramos- na-italia/

Para mais informações: www.blogdeportasabertas.wordpress.com

Fontes:

http://viagem.esobre.com/regio-de- marche-na- italia

http://parlandoditalia.blogspot.com.br/2011/02/regiao-de- marche.html

https://pt.wikipedia.org/wiki/Marcas

http://www.le-marche.com/Marche/html/essential.htm

www.portalitalia.com.br

http://www.santuarioloreto.it

http://www.frasassi.com

https://it.wikipedia.org/wiki/Riviera_del_Conero

Por Mariane Werneck Botelho