Produtos & Ingredientes

Notas báquicas

Os 10 melhores tintos da Toscana até R$ 250 escolhidos em degustação às cegas

Veja o resultado da prova conduzida pelo colunista do Bom Gourmet, Guilherme Rodrigues, e saiba mais sobre uma das regiões produtoras mais famosas do mundo

por Guilherme Rodrigues, colunista do Notas Báquicas Publicado em 22/07/2017 às 17h
Compartilhe

A famosa região da Toscana, na Itália, era mundialmente conhecida pelos vinhos Chianti e Brunello di Montalcino. A história começou a mudar na década de 1960, quando um tinto de Bolgheri, sub região fora do Chianti e, pasme-se, na Maremma, junto ao mar, fez um tremendo sucesso planetário. Como se não bastasse, o Sassicaia – este o nome do vinho – tinha zero de Sangiovese, a casta icônica da região.

Fruto de corte da Cabernet Sauvignon com a Cabernet Franc, tornou-se um dos mais caros vinhos de toda Itália, de renome espetacular. Não tardaram seguidores. No início, Antinori, do Chianti, respondeu com o Tignanello e o Solaia, carregados com as duas cabernets francesas e mais um corte de Sangiovese. Também o Ornelaia, de Bolgheri, apenas com castas bordalesas.

Estes grandes vinhos romperam com as regras tradicionais da de nominação de origem regional. Criaram uma liga própria, a dos supertoscanos. Muitos outros produtores seguiram a receita. A gama expandiu-se enormemente. Não só entre os ícones de altíssima qualidade e preços, como em todas as faixas.

O corte de varietais franceses com a Sangiovese mostrou-se extremamente benéfico para a região. Consolidaram-se como Toscana IGT (Indicazione Geografica Tipica). Ao lado de outras especialidades de sub-regiões, formam um mundo que atualmente goza de prestígio semelhante ao das duas denominações locais mais tradicionais. São esses vinhos, em uma faixa de consumo acessível, que destacamos nesta edição do Bom Gourmet.

Reunimos 11 dos mais expressivos rótulos disponíveis no mercado local, até o limite de R$ 250 a garrafa. Para o leitor ter ideia, uma boa garrafa de Sassicaia não sai por menos de R$ 2 mil.

A prova foi às cegas, em amostras numeradas sem conhecimento prévio dos rótulos. Ocorreu no restaurante Terrazza 40, com o serviço competente do sommelier Alessandro Augusto Xavier. Apenas uma amostra estava fora de padrão, defeito de garrafa. Também participaram da prova o experiente degustador Juliano Zanoni e Andrea Torrente, do Bom Gourmet.

Após os trabalhos, foram servidas as iguarias da cozinha do restaurante, com a estupenda vista de Curitiba, que se descortina da cobertura do prédio.

LEIA TAMBÉM

Veja a entrevista com Guilherme Rodrigues sobre os vinhos da Toscana

Restaurantes de Curitiba que não cobram rolha no jantar

Vídeo: conheça os vinhos tintos da região francesa de Bordeaux

 

Veja os 10 melhores tintos da Toscana até R$ 250

Silicum Toscana IGT Rosso 2009

Poderi del Paradiso – San Gimignano – Toscana IGT – Itália.

Nota 92

Pode ser encontrado na Porto a Porto - (41) 3018-7393 por R$ 249,30. Foto: Hugo Harada/Gazeta do Povo

Pode ser encontrado na Porto a Porto – (41) 3018-7393 por R$ 249,30. Foto: Hugo Harada/Gazeta do Povo

Tinto adorável e apetitoso, com frutado maduro e sedoso em vagas. Muito bem integrado por um belo tostado e abaunilhado, aportado pelo uso equilibrado de carvalho novo francês. Corte muito bem sucedido de Sangiovese, Merlot e Syrah, de um vinhedo de 30 ha. Cor rubi escura, cheio e intenso em boca. Limpo, bem focado, um toque diferencia do ao sadio terroso característico da região, com nuances vivazes a cítrico (tangy). Um vinho diferenciado, de ótimo pedigree.

* * *

Lucilla Toscana IGT 2012

Castello di Farnetella – Toscana IGT -Itália.

Nota 90

legenda

Pode ser encontrado no site da Mistral por US$ 37,90. Foto: Hugo Harada/Gazeta do Povo

Aromas encantadores e bem arrumados fazem ótima apresentação do vinho aos sentidos. Em boca, exibe-se com ótimo equilíbrio e muito bem acabado. Intenso, com bom volume de prova do começo ao final, quando se despede deixando um retrogosto prolongado e delicioso a fruta madura. Sápido, elegante, nuances minerais, fruta vermelha madura, como cerejas e cassis, algo a caça e balsâmico, belo frescor e jovialidade.

* * *

La Mora Morellino Di Scansano 2013

Luigi Cecchi – Morellino di Scansano DOC – Maremma – Toscana – Itália.

Nota 90

Você pode encontrar no site do La Pastina por R$ 99.

Pode ser encontrado no site do La Pastina por R$ 99. Foto: Hugo Harada/Gazeta do Povo

Cresceu bem com arejamento em copo. Depois de 15 minutos exibiu seu apogeu, com um frutado a ameixas e amoras azuis maduro e fresco. Deliciosas notas sofisticadas a caça e balsâmico enfeitam o belo conjunto. Cor rubi para o escuro. Um tinto casual e ao mesmo tempo sofisticado, muito atraente.

* * *

Governo Di Castellare Toscana IGT 2014

Castellare di Castellina – Toscana IGT – Itália.

Nota 89

Pode ser encontrado no site da Vinci por US$ 42,79.

Pode ser encontrado no site da Vinci por US$ 42,79. Foto: Hugo Harada/Gazeta do Povo

Um dos melhores produtores da região, elaborou este estimulante vinho com o método chamado de “governo”, semelhante ao ripasso. A Sangiovese dá o tom, com belo frutado a cerejas, cerejas negras, amoras e morango. Vivaz, bonito, um belo toque a ervas finas, harmonioso e com bom final de prova.

* * *

Nº 10 Fonterutoli Toscana IGT 2014

Mazzei – Toscana IGT – Italia.

Nota 89

Pode ser encontrado no Grand Cru por R$ 134.

Pode ser encontrado no Grand Cru por R$ 134. Foto: Hugo Harada/Gazeta do Povo

De cor rubi para o escuro, um corte muito bem-sucedido com 90% Merlot e 10% de Sangiovese. Mostra as melhores qualidades em boca, com frutado cremoso a morangos, quase confeitados, como sopa de morangos. Deliciosas notas levemente apimentadas, a pimenta branca, cassis, toques abaunilhados, cresceu com tempo em copo.

* * *

Morellino Di Scansano Val Delle Rose 2013

Cantina Cecchi & Figli – Morellino di Scansano DOC – Maremma – Toscana – Itália.

Nota 88

Pode ser encontrado na Porto a Porto por R$ 122,90.

Pode ser encontrado na Porto a Porto – (41) 3018-7393 por R$ 122,90. Foto: Hugo Harada/Gazeta do Povo

De cor rubi, puxando para o mais escuro, um tinto bem vivaz, com as notas típicas a frutos vermelhos maduros bem integrados por um sadio terroso e mineral. Nuances a ameixas, boa acidez, perfeito e muito indicado para acompanhar refeições, bem gastronômico.

* * *

Morellino Di Scansano Elisabetta Geppetta 2013

Le Pupille – Morellino di Scansano DOC – Maremma – Toscana.

Nota 89

Pode ser

Pode ser encontrado no site da Vinci por US$ 48,29. Foto: Hugo Harada/Gazeta do Povo

Começa lindamente e mostra seu melhor nos primeiros quinze a vinte minutos em copo, depois cai um tanto. No seu melhor, adoráveis matizes de fruta vermelha madura, algo suave a goiabada, sápido, boa acidez e vivacidade, fluído, quase cremoso, um toque bonito a pitanga, hortelã, leve terroso. Decorrido o tempo ótimo, cai um pouco, querendo desequilibrar e com certa austeridade que aparece ao fundo.

* * *

Rigoleto Montecucco Rosso 2014

Colle Massare – Montecucco DOC – Maremma – Toscana – Itália.

Nota 87

Você

Pode ser encontrado no site da Mistral por US$ 37,50. Foto: Hugo Harada/Gazeta do Povo

Logo no início alguns aromas a sulfuroso, mas que se dissipam logo no copo, revelando um vinho bem casual, dominado pela fruta vermelha madura, fresca e bem focada. Um suave terroso dá o tom regional, redondo. Corte de Sangiovese (80%), Cilegiolo (10%), Cabernet Sauvignon (10%).

* * *

Cecchi Sangiovese 2013

Luigi Cecchi – Toscana IGT – Itália.

Nota 87

Pode

Pode ser encontrado no site do La Pastina por R$ 69. Foto: Hugo Harada/Gazeta do Povo

Bem perfumado, bouquet a frutos maduros e algo floral. A Sangiovese impera com 90%, completada por outros varietais. Sápido, bem casual, redondo, leve, fruto vermelho maduro dá o tom, leves notas cítricas com o toque terroso regional. Bem resolvido e casual.

* * *

Mediterra Toscana IGT 2012

Poggio al Tesoro – Toscana IGT – Itália.

Nota 86

Pode ser encontrado

Pode ser encontrado no site do Vinhoteca por R$ 181,90. Foto: Divulgação

De cor rubi escura, os aromas revelam logo nuances empireumáticas sobre frutado maduro e cheio a ameixas. Confirma em boca, com textura untuosa, um toque fumé e acidez firme.

Compartilhe

8 recomendações para você