Restaurantes

Guia

7 restaurantes que merecem visita na Espanha

Conheça casas que se destacam no país. Há opções com refeição a partir de 7 euros (R$ 22)

por Estadão Conteúdo Publicado em 07/11/2014 às 00h
Compartilhe

Fazendo eco à pluralidade da gastronomia espanhola, a seleção abaixo mescla restaurantes premiados; recém-inaugurados, mas muito promissores; e de ótimo custo-benefício:

DiverXo (diverxo.com)

Se há um restaurante na moda em Madri hoje é o DiverXo. Único chef três-estrelas da capital (obtidas no Guia Michelin 2014), David Muñoz apresenta uma cozinha marcada por sensações intensas e criatividade. Nem tudo o que vem no prato é o que parece: um bife pode ser um pedaço de atum, uma beterraba pode ser um peixe. O ambiente tem decoração sinistra e os dois menus, El Xow e El Glotón Xow (145/200 euros — cerca de R$ 460 a R$ 630), oferecem uma experiência gastronômica radical. Prepare-se para surpresas: além de garfos e facas, há “ferramentas” próprias para cada prato, e, algumas vezes, o garçom pode servi-lo diretamente na boca. Faça reserva — em novembro, há a possibilidade de ficar na lista de espera, ou garantir sua mesa apenas para janeiro de 2015.

StreetXo

Na Praça de Callao, 2, 9º andar do El Corte Inglés.  O restaurante também nasceu da cabeça de David Muñoz, mas ali a refeição pode custar cinco ou seis vezes menos do que no DiverXo. No balcão (não há mesas), degustam-se pratos que fundem a culinária espanhola com forte influência asiática. O aspecto despretensioso do lugar, que tem por objetivo dar um upgrade à comida de rua de várias partes do mundo, se contrapõe aos deliciosos sabores que saem da cozinha. O menu é restrito e o prato mais caro custa 20 euros. Aproveite para conhecer o terraço do novo espaço gastronômico da loja de departamentos El Corte Inglés — no fim da tarde, a vista é espetacular.

TriCiclo (eltriciclo.es)

Com um cardápio novo a cada trimestre, abriu em 2013 e acumula elogios efusivos. Tem porções inteiras, meias e de 1/3. Os pratos fazem releitura de clássicos espanhóis. “O desapego aos cânones não faz nenhuma falta — nos faz redescobrir sabores que estavam maltratados em restaurantes tradicionais por décadas de repetição da mesma fórmula”, diz o brasileiro Eduardo Lorea, que vive em Madri e é um entusiasta da busca de novos restaurantes. Suas dicas: steak tartar renovado, camarão galego e tentáculos de polvo. Pratos entre 15 e 22 euros (R$ 47 a R$ 70).

Sala de Despiece (saladedespiece.com)

No diminuto ambiente, clientes provam tapas de carnes e pescados em cadeiras altas ou em pé. O criador do lugar, Javier Bonet, anuncia uma cozinha propositalmente simples, embora as tapas ganhem apresentações e temperos bastante específicos. Não estranhe ao ver um garçom enrolando uma chuleta bovina cortada fina como presunto, depois de lambuzá-la em creme de trufas e tomates no azeite.

 Ten con Ten (restaurantetenconten.com)

Um adjetivo espanhol inevitável para lugares como o Ten con Ten é pijo — ou grã-fino. Simpáticos e antipáticos à atmosfera tendem, no entanto, a concordar que trata-se de uma opção notável de alta cozinha a preços possíveis (na faixa de 50 euros — R$ 159) e um ambiente com mais animação que narizes empinados. Tanto o menu como a carta de vinho são amplos e cuidadosos. Destaque para o atum rojo e o bacalhau negro, herança de outro restaurante do mesmo dono, o El Paraguas (elparaguas.com).

La Maruca (restaurantelamaruca.com)

Reservar é fundamental. Para uma experiência local, escolha uma sexta-feira à tarde: os madrilenhos enchem a casa lá pelas 15 horas para espichar ainda mais seus já prolongados almoços, bebendo e conversando em pé ou ao redor de mesas altas. Do menu saem clássicos espanhóis bem executados, com ares contemporâneos — como batatas bravas, anchovas e polvo. Espere gastar cerca de 30 euros (cerca de R$ 95) numa refeição.

Lateral (lateral.com)

Essa cadeia de restaurantes (são seis no centro da cidade) oferece um bom custo-benefício. É especializado em petiscos elaborados, mas também oferece café da manhã e um amplo menu de coquetéis. Os pratos custam, em média, 7 euros (cerca de R$ 22).

Compartilhe

8 recomendações para você