Restaurantes

Novidade

Após 10 anos, famosa chocolateria de Curitiba investe em pratos executivos no almoço

Cardápio do chef Augustto Lustosa marca o novo momento da chocolateria no Juvevê

por Simone Mattos, especial para Bom Gourmet Publicado em 21/08/2018 às 08h
Compartilhe

Pratos delicados e artesanais, com ingredientes de época e temperos retirados da própria horta fazem parte agora do cardápio da chocolateria Grué, no Juvevê. Quem assina as criações salgadas é o chef Augustto Lustosa, marido da chocolatier da casa, Polyana Rodrigues.

“Minha marca registrada na cozinha é a equilibrada mistura de doce e salgado, algo que adoro fazer”, conta o chef. Não por acaso, uma das opções de prato executivo do novo cardápio é o tortelini de cacau com recheio de ricota e nozes ao molho bechamel.

Foto: Fernando Zequinão/Gazeta do Povo

Também estão disponíveis como prato executivo nhoques com molhos diversos, que variam diariamente de acordo com a oferta sazonal de ingredientes. Outras opções de salgados são omeletes, sanduíches, quiches e sopas. Qualquer prato pode ser servido no horário de funcionamento da Grué: de segunda a sábado, das 11 às 19h. Os pratos custam de R$ 21 a R$ 26.

“Tudo é feito aqui mesmo, desde as massas, até os pães que são servidos nos sanduíches e junto com as sopas”, conta o chef. Outra prioridade para ele é a utilização de ingredientes brasileiros e a valorização da agricultura regional.

Foto: Fernando Zequinão/Gazeta do Povo

Um detalhe que ajuda a fazer a diferença no quesito sabor é a horta cultivada pelo chef nos fundos do estabelecimento. “Hortelã para a maionese do sanduíche de pernil é colhida aqui atrás, bem como o manjericão que tempera a omelete de tomates”, explica.

A sopa campeã de vendas é a de batata salsa, mas as opções eslava e creme de abóbora com gengibre e leite de coco também são muito procuradas pelos clientes. “Todas as sopas são servidas com um pão da casa e custam R$ 15,00”, conta Lustosa.

Já as omeletes, que podem ser de alho poró, queijos ou tomatinho com manjericão, são sempre servidas acompanhadas por uma salada fresca e custam R$ 12,00. Outra opção são as quiches, como a de alho poró, a de gorgonzola com damasco ou a de linguiça Blumenau, também servidas com uma salada, ao preço unitário de R$ 10,00.

Trajetória

Quando a chef chocolatier Polyana Rodrigues inaugurou há dez anos uma pequena chocolateria de 12 metros quadrados, na divisa entre o Juvevê e o Cabral, na Avenida João Gualberto, não imaginava que um cardápio de pratos salgados estava por vir.

Chef Augustto Lustosa. Foto: Fernando Zequinão/Gazeta do Povo

“Esse processo teve início quando me casei com o Augustto”, conta. O chef Augustto Lustosa é formado pelo Espaço Gourmet e tem uma trajetória que inclui conceituados restaurantes curitibanos, como Armazém Santo Antônio, Ernesto, Vindouro, Mukeka e Bobardí

Ele explica que começou fazendo salgados tradicionais e também abrindo espaço na Grué para a realização de eventos e harmonizações. A aceitação foi boa e o chef passou a investir em sanduíches mais elaborados. Entre eles, o que leva tiras de fraldinha, molho de queijo, cebola e pimentões (R$ 20) e o Croque Monsier, com lombinho, queijo e molho bechamel (R$ 18).

Serviço

LEIA TAMBÉM:

>> Hortas da periferia transformam dia a dia de cozinhas premiadas em Curitiba

>> Mãe e filha abrem doceria especializada em chocolate com azeite de oliva

Compartilhe

8 recomendações para você