Plantão

risco à saúde

Gelo do Starbucks tem bactérias fecais, diz BBC

Programa da BBC que vai ao ar esta quarta (28) vai mostrar presença das bactérias em níveis diferentes em amostras das redes

por Bom Gourmet Publicado em 28/06/2017 às 14h
Compartilhe

O programa “Watchdog”, do canal de televisão britânico BBC, realizou uma investigação que identificou a presença de bactérias fecais em níveis “preocupantes” em bebidas das redes de cafeteria Starbucks, Caffe Nero e Costa Coffee, no Reino Unido. O programa, cujo nome em inglês significa “cão de guarda” (em tradução livre), atua em defesa dos consumidores. O episódio com a reportagem vai ao ar na noite desta quarta-feira (28).

Segundo o especialista consultado pelo programa, Tony Lewis, essas bactérias não deveriam aparecer nas bebidas em “nenhum nível” por serem “possíveis patógenos e fonte de doenças para o homem”. Em cada uma das redes foram encontrados níveis diferentes de bactérias.

O programa avaliou também a limpeza de mesas, bandejas e cadeiras em 30 unidades das redes. Das dez amostras coletadas na Costa Coffee, sete apresentavam bactérias fecais. No Starbucks e na Caffe Nero, três das dez amostras tinham bactérias fecais coliformes.

A rede Starbucks disse que está conduzindo uma investigação interna sobre as denúncias. A Costa Coffe informou que já atualizou os procedimentos para a manipulação do gelo e que está introduzindo novos equipamentos de armazenamento. A Caffe Nero disse que está realizando uma investigação profunda e que está tomando as devidas providências.

LEIA TAMBÉM

Associação Proteste encontra bactérias no sashimi em 10 restaurantes de SP

Confira a lista de azeites aprovados e reprovados pelo Ministério da Agricultura

Teste de qualidade reprova 8 marcas de azeites vendidas no Brasil

Compartilhe

8 recomendações para você