Bebidas

Coquetelaria

Bartender curitibano conquista o 3º lugar em concurso nacional da Jack Daniel’s

Lutti Andrighetto, do Gran Torino, apresentou coquetel com uísque, vinho do porto, maracujá e tônica

por Bom Gourmet Publicado em 25/07/2018 às 15h
Compartilhe

O curitibano Lutti Andrighetto durante a competição Tennesse Calling, que aconteceu no último dia 23, em São Paulo. Foto: Juan Azevedo/Divulgação.

O bartender curitibano Lutti Andrighetto, de 32 anos, do Gran Torino Bar, que fica dentro do espaço Street 444, ficou em 3º lugar na primeira edição da competição de coquetelaria Tennessee Calling, que aconteceu na última segunda-feira (23), em São Paulo. O concurso, que foi promovido pela marca de uísques Jack Daniel’s, selecionou 18 bartenders de todo o país. Os competidores tiveram o prazo de um mês para criar quatro drinques com as bebidas: Daniel’s Honey ou Jack Daniel’s Fire, Gentleman Jack, Daniel’s Single Barrel ou Jack Daniel’s Tennessee Whiskey.

<< Em alta na comida e na coquetelaria, cachaça mineira vive fase de expansão

Quem conquistou o primeiro lugar foi o paulista Ricardo Bassetto, do D.O.T. , de São Paulo; em segundo ficou Vinicius Gomes, do High Line, também de São Paulo. Os três finalistas ganharam uma viagem ao Tennessee, onde fica a destilaria Mr. Jack. Outro curitibano também participou da disputa: Cristian Almorin, do Punch Drink & Co, ficou na 6ª colocação.

Coquetéis da competição estarão disponíveis

A competição teve quatro etapas e durou cerca de sete horas. Lutti desenvolveu quatro coquetéis: Jasper (Jack Daniel’s, cupuaçu, mix de cítricos); Íris (Single Barrel, suco de tangerinas frescas, xarope demerara); Appalachian (Gentleman Jack, suco de pera e espuma de cerveja Porter com cereja) e o que garantiu a terceira colocação ao curitibano: Daniel’s Safe (Jack Daniel’s N°7, maracujá, vinho do porto e água tônica). “Criei o Daniel’s Safe pensando em um drinque mais democrático, que pode ser replicado facilmente e poderia estar na linha de coquetelaria de qualquer bar. Em breve, esse e os outros coquetéis que criei para a competição, estarão na carta do bar Gran Torino”, antecipa Lutti Andrighetto.

Os bastidores da profissão de bartender e como se tornar um

Essa foi a primeira competição do bartender, que trabalha há oito anos na área e passou por bares como Dobruck Pub, Vox e Tiger Cocktails, onde trabalhou com o premiado mixologista Igor Bispo. Além disso, assinou a carta de drinks do bar Paradero e do La Santa.

Em 2017 abriu seu primeiro Bar, o Gran Torino, que fica dentro do Street 444. O bar traz uma carta que segue uma linha de bebidas clássicas e releituras. São mais de 30 opções, com preços entre R$ 20 e R$ 30, entre eles o Ginger Rogers (gin, limão siciliano, xarope de gengibre e refrigerante de gengibre, R$ 28).

LEIA TAMBÉM:

A história do escravo negro que ensinou Jack Daniel a fazer uísque

Compartilhe

8 recomendações para você