Restaurantes

Segue aberto

Beto Batata Barigui anuncia planos para 2015

Ao contrário da Aldeia do Beto, no Alto da XV, loja do ParkShoppingBarigüi segue em funcionamento

por Sandro Moser Publicado em 05/12/2014 às 08h
Compartilhe
Os irmãos Leonardo e Lourenço Guimarães, proprietários do restaurante Beto Batata do ParkShoppingBarigüi pretendem reformar a casa em 2015. Foto: Hugo Harada/Gazeta do Povo

Os irmãos Leonardo e Lourenço Guimarães, proprietários do restaurante Beto Batata do ParkShoppingBarigüi, pretendem reformar a casa em 2015. Foto: Hugo Harada/Gazeta do Povo

 

A grande repercussão do anúncio do fechamento, no ano que vem, da Aldeia do Beto causou certa confusão a respeito do presente e do futuro do restaurante Beto Batata, no ParkShoppingBarigüi. Os irmãos Lourenço e Leonardo Munhoz da Rocha Guimarães, sócios da casa, avisam que, ao contrário do estabelecimento no Alto da XV, o espaço em funcionamento no centro de compras há onze anos segue na ativa e com projetos para 2015.

“Não só não vamos fechar, como programamos novos investimentos para o ano que vem. Neste tempo em que a casa está aberta conquistamos o respeito e a fidelidade de um grande número de clientes e vamos seguir trabalhando para manter nosso padrão de qualidade”, avisa Lourenço. “Muita gente nos procurou, até a gerente do meu banco me ligou assustada. Tive que explicar que nós seguimos firmes e fortes”, brinca Leonardo.

A confusão entre os espaços, não é de hoje, e talvez, nunca tenha sido muito bem explicada para quem não é do círculo mais próximo dos personagens envolvidos. A história começa no final do ano 1999, quando quatro sócios fundaram a Beto Batata LTDA: o restaurateur Robert Amorim (o Beto Batata), que abrira a loja do Alto da XV alguns meses antes, os irmãos Lourenço e Leonardo Guimarães e o fotógrafo Gilson Camargo.

Diante do sucesso inicial do restaurante e espaço cultural, a ideia do quarteto era expandir o negócio, inclusive com a possível criação de uma franquia nacional da marca. Os novos sócios fizeram um aporte no capital inicial da empresa e uma central de delivery e de produção dos recheios foi criada na Rua Schiller, no Hugo Lange. Logo surgiu a oportunidade de abrir uma segunda loja no recém-aberto ParkShoppingBarigüi.

A partir da abertura desta loja, a sociedade começou a se desfazer por algumas “divergências no projeto”. Os irmãos Guimarães ficaram então responsáveis pela loja recém-criada e Beto, pela do Alto da XV. Anos depois, os Guimarães compraram a parte de Amorim e em 2011 um acordo judicial foi assinado pelas partes definindo que o direito ao uso da marca “Beto Batata” pertencia à loja do Barigui. O restaurante do Alto da XV passou então a se chamar “Aldeia do Beto”.

“Há versões enganosas que correm à boca miúda na cidade, de que teríamos de alguma forma tirado vantagem indevida de Robert na sociedade que tivemos, mas como isso não é verdade nunca demos bola”, explica Leonardo. “A nossa sociedade não deu certo, como ocorre em diversas empresas.  Eu, no entanto, reconheço o grande mérito do Robert como produtor cultural, um grande talento que ele tem”, observa Leonardo, que atualmente deixou a atuação direta no restaurante para se dedicar a uma empresa de geração de bioenergia.

“Para nós o mais importante é que fique bem claro que nós somos fundadores da marca e da ideia, tanto quanto os demais sócios. Eu me formei em Psicologia, mas continuei trabalhando no restaurante que ajudei a criar. É a minha história de vida e por ela eu tenho grande apego e respeito”, conta Lourenço. “Aqui fizemos também mais de um milhão de batatas, investimos muito em cultura e em atender bem os nossos clientes e vamos continuar fazendo”, assegura.

O Beto Batata serve no almoço, durante a semana, pratos executivos com massa caseira. Aos sábados, oferece barreado e, aos domingos, feijoada completa. Entre as batatas, destaque para a “Beco”, uma receita criada por Roberto Guimarães (pai dos irmãos Lourenço e Leonardo) que leva carne seca desfiada, cebola, tomate seco, mussarela de búfala e um toque de erva-doce.

* * *

Serviço

Beto Batata. No Park Shopping Barigui (R. Professor Pedro Viriato Parigot de Souza, 600, Ecoville) — (41) 3317-6969. Abre todos os dias: 11 às 23 horas.

 

Compartilhe

8 recomendações para você