Produtos & Ingredientes

Cultura

Chorar as pitangas, plantar batatas: veja ditados populares que têm origem na comida

Saiba o significado de expressões conhecidas que envolvem alimentos e algumas receitinhas com os ingredientes citados

por Katia Michelle Publicado em 03/01/2019 às 12h
Compartilhe

Nada de chorar as pitangas! Evite o pão que o diabo amassou e coloque literalmente a mão na massa para fazer o seu próprio alimento. E se alguém não gostar do resultado, não tenha receio de mandar o sujeito plantar batatas.

“Comendo o pão que o diabo amassou”

Pão caseiro para aliviar as angústias. Foto: Fernando Zequinão.

Pão caseiro para aliviar as angústias. Foto: Fernando Zequinão.

Essa conhecida expressão popular tem origem bíblica e é citada quando alguém está passando por um sofrimento muito grande. Mas não esmoreça, há receitas ótimas de pães que podem aliviar, ou pelo menos amenizar, muitas agruras. Você pode até fazer do pão, uma rabanada.

***

“Chorar as pitangas”

Foto: Bigstock.

Foto: Bigstock.

Como uma frutinha tão gostosa, com gosto de infância, pode ser atribuída ao drama? Pois “chorar as pitangas” nada mais é do que chorar em excesso. A explicação é simples: o nome da fruta deriva da palavra pyrang, que em tupi-guarani quer dizer vermelho. E quando se chora muito, os olhos, de tão vermelhos, parecem duas pitangas, não é mesmo? Veja essa receita de camarão com molho de pitanga, do chef Flávio Frenkel, e sorria.

***

“Vá plantar batatas!”

batata

O mais versátil dos alimentos. Foto: Bigstock

As batatas são tão versáteis que até quando se quer dizer para alguém manter distância podem ser utilizadas. A expressão teve origem com a Revolução Industrial, quando o trabalho nas fábricas era mais valorizado que o trabalho no campo. Por isso, as pessoas passaram a usar o termo como uma forma de desqualificar e ofender alguém.

***

“De pequenino é que se torce o pepino”

Dica importante para pepinos e crianças: cuide desde pequeninos. Foto: Jonathan Campos.

Dica importante para pepinos e crianças: cuide desde pequeninos. Foto: Jonathan Campos.

Se você tem filhos, sobrinhos, netos ou enteados pequenos em casa, prepare-se para educá-los muito bem, pois é de “pequenino que se torce o pepino”. A expressão, que significa que é preciso apostar na educação desde criancinha, é utilizada porque para que os pepinos se desenvolvam bem, é preciso fazer uma poda especial quando eles ainda são bem pequenos. Caso contrário, o sabor e a forma podem ser prejudicados. Quando colhidos, porém os pepinos são ótimas opções para saladas e aperitivos, além de ser utilizados para máscaras faciais e até suco.

Dica:
Faça um suco de pepino utilizando meio litro de água bem gelada, 1 limão com casca e um pepino médio com casca. Bata no liquidificador e adoce se preferir.

Confira a receita de um delicioso coquetel de pepino:

VEJA TAMBÉM:

>> Aprenda a fazer 3 versões de pipoca doce com caramelo

>> As diferenças entre os bolos de cenoura americano e brasileiro

 


Compartilhe

8 recomendações para você