Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Foto: divulgação
Foto: divulgação| Foto:

 

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Renzo Garibaldi (foto) já comandou uma das cevicherias do famoso Gastón Acurio nos Estados Unidos, mas largou tudo para ser um “carnicero”, tornando–se um dos melhores. Transformou sua casa em um açougue temporário, estudou anatomia e foi trabalhar com os mais renomados profissionais do mundo. Voltou para o seu país e montou uma loja de carnes, que abre para banquetes durante três dias por semana, servindo, apenas com reserva, seis pessoas em uma única mesa. Gosta de carne? Então coloque a Carnicería Osso na lista da sua próxima viagem a Lima, estando lá, a visita é obrigatória. Privilegiada, participei de uma degustação improvisada por ele no local. Acredito que isso deu impulso à ideia de abrir também como restaurante especializado em carnes, para poucos.

Onde: Calle Tahiti, 175, La Molina, Lima, Peru. www.facebook.com/pages/OSSOCarnicería-Salumeria
Quanto: 300 soles (cerca de R$ 250). Reservas com 15 dias de antecedência.

* * *

Foto: divulgação
Foto: divulgação

Modelo

Volto a San Sebastián para falar de um dos chefs mais importantes da Espanha: Juan Mari Arzak, responsável pela chamada nova cozinha espanhola. Estranhei o prédio antigo e modesto na beira da estrada, onde está localizado o restaurante, descobri a história das gerações da família dedicadas ao ofício e fui surpreendida pela criatividade e sabores dos pratos. A filha Elena – eleita em 2012 a chef do ano em todo o mundo – é corresponsável pelo sucesso do lugar. A cozinha com personalidade basca e criatividade é muito recomendada para paladares exigentes.

Onde: Av. del Alcalde José Elosegi, 273, Donostia- San Sebastián, Espanha. www.arzak.es
Quanto: 189 euros (R$ 620, em média)
Prêmios: 3 Estrelas Michelin e 8ª posição no World’s 50 Best Restaurants

* * *

Foto: Paolo Terzi/Divulgação
Foto: Paolo Terzi/Divulgação

Osteria Francescana

Massimo Bottura é um artista, seu restaurante, um templo. Elétrico e apaixonado pela cozinha, é capaz de apresentar várias obras-primas em um único menu. Tive a sorte de provar muitas de suas emblemáticas criações numa noite em ótima companhia após ter enfrentado uma forte nevasca. Foi marcante. Só faltou experimentar o famoso croccantino di foie gras con cuore di aceto balsamico. Um bom motivo para voltar à Osteria Francescana, considerada um dos melhores restaurantes na Itália.

Onde: Via Stella, 22 Modena, Itália, www.osteriafrancescana.it
Quanto: De 110 a 180 euros (R$ 360 a R$ 590, em média)
Prêmios: 3 Estrelas Michelin e 3ª posição no World’s 50 Best Restaurants

* * *

Jussara Voss é uma jornalista em busca de sabores originais
jussaravoss@gmail.com

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]