Bebidas

Filme

Documentário feito por cafeteria do PR será lançado em evento mundial em Berlim

Com imersão na cultura cafeeira, produção fala dos encontros, trocas e experiências que a bebida proporciona

por Eloá Cruz, especial para a Gazeta do Povo Publicado em 25/04/2019 às 10h
Compartilhe

Pré-lançado neste mês no Cine Passeio, em Curitiba, o documentário “Café não é só café”, da Tomate Maravilha Filmes e Supernova Coffee Roastersreúne histórias de produtores brasileiros, do processo do fruto à bebida e também dos encontros, trocas e experiências que o café proporciona.

A ideia dos produtores agora é que o filme seja lançado oficialmente em Berlim, na feira World of Coffee, que será realizada no início de junho, para depois ser exibido novamente em Curitiba e São Paulo no próximo semestre. Os detalhes das exibições ainda serão divulgados.

Gravado em 2017, o documentário reúne histórias de produtores e personagens das cidades mineiras São Gonçalo do Sapucaí, Belo Horizonte, Itajubá, Varginha, além de São Paulo e Curitiba. Em cada relato, a paixão de quem colhe e planta manualmente o grão é destacada. O caminho da lavoura até a xícara de café envolve muitas histórias, conversas que explicam pouco a pouco a razão do café ser exemplo de cultura alimentar, ser muito mais que uma bebida matinal.

documentario-explora-cultura-do-cafe

Documentário explora cultura do café. Foto: Divulgação

>>> Quarta onda do café: especialistas explicam se estamos surfando nela

O documentário começa com a história da revitalização da casa do produtor Augusto Borges, em São Gonçalo do Sapucaí, no sul de Minas Gerais. O imóvel revitalizado é hoje utilizado para receber produtores, entusiastas e profissionais ligados ao café. A casa conta a história da produção em Minas e também de produtores e pessoas ligadas ao café pelo Brasil.

A conversa segue entre baristas, provadores e consumidores do café. O documentário mostra que o movimento de cafés especiais causa uma série de efeitos para os consumidores. Saber quem é o produtor, de onde veio o grão, quem são as pessoas por traz dessa produção, faz parte dessa nova cultura de consumo que vem sendo construída com a popularização dos cafés especiais.

cafe-nao-e-so-cafe

Documentário explora cultura do café. Foto: Divulgação

O caminho percorrido da semente à xícara inclui o trabalho de tantas pessoas que, na maioria das vezes, nem se conhecem – mas têm muita coisa em comum. E a parte mais bonita disso tudo é poder unir histórias, sonhos e ideais tão diferentes e, ao mesmo tempo, tão próximos.

>>> Cafeterias, baristas e produtores se unem para deixar o café brasileiro ainda mais gostoso

Compartilhe

8 recomendações para você