Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Paleta de cordeiro com legumes assados, que será ensinada pela chef  Vânia Krekniski, de Curitiba.
Paleta de cordeiro com legumes assados, que será ensinada pela chef Vânia Krekniski, de Curitiba.| Foto: Guto Souza/Divulgação Sebrae/PR

A mistura de paisagens e climas do Paraná resultam em qualidade e diversidade de produtos de origem natural. Não à toa, oito deles já receberam a certificação de Indicação Geográfica (IG), como é o caso do melado de Capanema e o mel do Oeste do Paraná.

Para tornar os ingredientes do Paraná ainda mais conhecidos e valorizar os produtores de todo o estado, o Sebrae/PR criou o projeto Nossa Casa Viva. A partir deste sábado (12), nove chefs de oito cidades do Paraná vão participar de lives conduzidas pelo cronista de gastronomia André Bezerra, com receitas regionais de família que têm como grande estrela um dos produtos autenticamente paranaenses.

A estreia é com os chefs Giovanna Salvatti Rafagnin e Fabio Del Antonio, que vão ensinar, a partir das 11h, a receita do Vori Vori, um ensopado de inspiração paraguaia muito popular na região fronteiriça que será feito com milho paranaense e queijo da Colônia Witmarsum (IG), e do pudim de leite com pipoca caramelizada com mel do Oeste do Paraná. Para participar, basta se inscrever diretamente no site Nossa Casa Viva.

Os alimentos utilizados nas receitas fazem parte de programas como o Origens do Paraná, que reúne produtores na valorização de produtos regionais na busca pelo registro de Indicação Geográfica (IG), concedido a produtos ou serviços que são característicos do seu local de origem, com valor intrínseco e identidade própria.

Também estão incluídos no projeto Nossa Casa Viva ingredientes que têm o Selo Alimentos do Paraná, uma certificação de gestão e qualidade para alimentos e bebidas de empresas paranaenses disponibilizado por um grupo de entidades.

De acordo com a coordenadora estadual de agronegócios do Sebrae/PR, Maria Isabel Guimarães, o objetivo do Nossa Casa Viva é valorizar a gastronomia, o agronegócio e o turismo do Paraná, reforçando o sentimento de segurança da comida feita com carinho. "Queremos que o público conheça e consuma os produtos típicos da sua região e assim contribua para o desenvolvimento local de produtores e empresas", explica. Além das lives, os chefs vão indicar pontos de venda dos produtos.

Caldeirada de frutos do mar da chef Silvana Gnata, de Morretes. Foto: Guto Souza/Divulgação Sebrae/PR
Caldeirada de frutos do mar da chef Silvana Gnata, de Morretes. Foto: Guto Souza/Divulgação Sebrae/PR| Guto Souza

Confira a programação completa:

12/09 - 11h -Vori Vori e Pudim de leite com pipoca caramelizada com mel do Oeste do Paraná - Giovanna Salvatti Rafagnin e Fabio Del Antonio (Foz do Iguaçu)
19/09 - 19h - Ossobuco com risoto de pinhão - Vinicius Fabretti (Cascavel)
26/09 - 11h - Pão no bafo com porco Moura - Rosane Radecki (Palmeira)
03/10 - 11h - Caldeirada com frutos do mar - Silvana Gnata (Morretes)
10/10 - 11h - Sukiyaki e tempurá de legumes - Polyana Cristina De Souza (Londrina)
17/10 - 11h - Costelinha suína assada com melado de Capanema e mostarda picante em crosta de erva-mate de São Mateus do Sul - Guilherme Biesek (Itapejara D’Oeste) 
24/10 –  11h -Angu de milho com porco na lata - Ana Paula Segatto (Maringá)
31/10 - 11h - Paleta de cordeiro e legumes assados - Vania Krekniski (Curitiba)

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]