Restaurantes

bateu na trave

Após Oscar, Guia Michelin entrega prêmio para restaurante errado

O respeitado guia francês da gastronomia queria conceder o prêmio a outro restaurante sofisticado que tem o mesmo nome e fica em um endereço muito parecido

por Gazeta do Povo Publicado em 03/03/2017 às 19h
Compartilhe

Na sequência dos erros nas cerimônias de premiação – como esquecer da coroa retirada da cabeça de Miss Universo ou da cena parecida que se repetiu na semana passada na entrega do Oscar de Melhor Filme – agora foi a vez do respeitado Guia Michelin cometer uma gafe mundial. O roteiro francês, que desde 1900 elege os melhores restaurantes, concedeu por engano uma estrela Michelin a um simplório bar do interior da França.

bouche a loreille lanchonete frança premiada com estrela michelin

Salão da lanchonete premiada por engano. Foto: Reprodução Facebook.

bouche a loreille restaurante frança estrela michelin por engano

Fachada do Le Bouche à L´Oreille que recebeu a estrela Michelin por engano. Foto: reprodução Facebook.

Da noite para o dia, o Le Bouche à Oreille, lanchonete localizada na cidade de Bourges especializada na comida caseira e que serve menu executivo a 12,50 euros – com buffet à vontade, queijo, prato principal e sobremesa -, começou a receber um vaivém de gourmands e apreciadores da boa comida interessados em conhecer a “estrelada” gastronomia local. Infelizmente para o estabelecimento, tudo isso não passou de um erro grosseiro do Guia Michelin.

le bouche a loreielle estrela michelin 2017

O Le Bouche à L’Oreille que foi realmente premiado pelo Guia Michelin. Foto: Divulgação.

O bar tem o mesmo nome do bem mais sofisticado Bouche à Oreille, restaurante em Boutervilliers que já tem uma estrela Michelin desde 2015 e que serve iguarias como flan de lagosta e cabeça de bezerro. Os pratos custam de 28 a 52 euros. Para aumentar a confusão, o endereço também é parecido. A lanchonete do interior fica na Route de la Chapelle, enquanto o premiado restaurante na Rue de la Chapelle.

O erro contudo foi publicado só na versão online do Guia Michelin – o guia impresso e o aplicativo para smartphone reportaram a informação correta – e foi corrigido dois dias depois. Mas o tempo foi suficiente para despertar a curiosidade dos bons de garfo da região. “Vieram jornalistas… O tempo todo clientes regulares e amigos me telefonavam e perguntavam porque não havíamos contado que havíamos ganhado uma estrela Michelin”, contou a proprietária do café, Véronique Jacquet, ao jornal britânico The Telegraph.

salão le bouche a loreille

Salão do estrelado restaurante Michelin. Foto: Divulgação.

Após corrigir a informação no site, o Guia Michelin pediu desculpas. “Errar é humano. A coisa mais importante para nós é que nenhum dos restaurantes foi afetado negativamente”, disse à revista norte-americana Times, um porta-voz da Michelin.

homard breton

Prato à base de lagosta do Le Bouche à L’Oreille premiado no Guia Michelin. Foto: Divulgação.

Compartilhe

8 recomendações para você