Eventos

Mercado

Maior salão de gastronomia do mundo chega ao Brasil

O Sirha Rio reúne seletivas dos prestigiados concursos Bocuse d’Or e Coupe du Monde de la Pâtisserie. Chefs de todo o mundo participam do evento que vai desta quarta-feira (14) até sexta-feira (16)

por Priscila Bueno, especial para a Gazeta do Povo Publicado em 14/10/2015 às 18h
Compartilhe
O concurso Bocuse D'Or reúne milhares de chefs profissionais do mundo inteiro. Foto: Divulgação.

O concurso Bocuse D’Or reúne milhares de chefs profissionais do mundo inteiro. Foto: Divulgação.

Profissionais de hotelaria e gastronomia de todo o mundo estão reunidos no Rio de Janeiro a partir desta quarta-feira (14) para o Sirha Rio, o maior salão de gastronomia do mundo. O evento é realizado pela primeira vez no Brasil. São várias atividades paralelas que reúnem chefs internacionais. Entre as atrações dessa edição estão duas seletivas brasileiras dos concursos Bocuse d’Or e Coupe du Monde de la Pâtisserie. Paralelamente será realizado ainda o Dîner des Grands Chefs, do qual participam os chefs que atuam em Curitiba Manu Buffara, Ivo Lopes e Celso Freire.

O jantar, que é realizado nesta quarta-feira (14) no hotel mais emblemático do país, é comandando por Olivier Ginon, presidente da GL events (organizadora da feira) no mundo; Marie-Odile Fondeur, pela diretora do Sirha Mundo e Sirha Rio; e por Jérôme Bocuse, filho de Paul Bocuse. Além dos grandes nomes, dezesseis jovens chefs foram escolhidos para cozinhar para os chefs convidados, entre eles Alex Atala, Claude Troisgros, Emmanuel Bassoleil, Laurent Suaudeau, e Roberta Sudbrack. Quem rege esta sinfonia de mestres são os franceses Roland Villard (Le Pré Catelan) e Pierre-Olivier Petit (Copacabana Palace).

Cinco regiões brasileiras são representadas no menu e chefs de cada uma delas criaram juntos receitas inéditas. A região Sul será responsável por servir a entrada à base de crustáceos. Manu, Celso e Ivo servirão vieiras frescas de Santa Catarina seladas em chapa de ferro, servidas sobre gaspacho verde com cachaça e gengibre.

Seletivas

Bastidores do Bocuse D´Or que ocorreu em Lyon, em janeiro desse ano. Foto: divulgação

Bastidores do Bocuse D´Or que ocorreu em Lyon, em janeiro desse ano. Foto: divulgação

O Bocuse d`Or é considerado o mais prestigiado concurso de culinária no mundo e no Brasil são oito finalistas – de São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro e Alagoas (a única mulher). O vencedor representará o Brasil na competição Latino Americana do Bocuse d`Or 2016, no México. A final mundial ocorre em 2017, em Lyon (França). Quem preside o júri da seletiva é ninguém menos do que o chef Alex Atala. Entre alguns dos jurados, estão Tsuyoshi Murakami (do Kinoshita), Roberta Sudbrack e Emmanuel Bassoleil.

Criado em 1987 por Paul Bocuse, o Bocuse D’Or reúne a cada dois anos, em Lyon na França, 24 jovens chefs dos cinco continentes. Os finalistas são determinados após 18 meses de etapas seletivas, em 63 países.

A área da confeitaria também estará representada na seletiva da Coupe du Monde de la Pâtisserie/Brasil. A presidente de honra no Brasil é a chef Flávia Quaresma. Entre os jurados, os chefs Flávio Federico e Renata Arassiro.

Alex Atala é o presidente da seletiva do Bocuse D´Or. Foto: divulgação

Alex Atala é o presidente da seletiva do Bocuse D´Or. Foto: divulgação

***

Serviço Sirha Rio. Somente para profissionais e estudantes dos setores de gastronomia e hotelaria. Entrada gratuita mediante credenciamento . De 14 a 16 de outubro de 2015, das 10h às 19h. Centro de Convenções SulAmérica (Av. Paulo de Frontin, 1 – Cidade Nova, Rio de Janeiro).

Compartilhe

8 recomendações para você