Plantão

Reality

MasterChef: profissionais enfrentam dificuldade de executar menu vegetariano

Programa desta terça-feira (12) teve a primeira "caixa misteriosa" e prova eliminatória com frango

por Bom Gourmet Publicado em 13/09/2017 às 11h
Compartilhe

No primeiro episódio com a prova da “caixa misteriosa”, os competidores do MasterChef Brasil “suaram” as domas para executar pratos de alta gastronomia com ingredientes 100% vegetarianos, selecionados pela produção. O menu sem proteína animal antecedeu a prova final, cujo o tema foi frango, e acabou eliminando a chef Berta Schneider nesta terça-feira (12). A cozinheira preparou uma ave amarga e com excesso de temperos.

Masterchef Profissionais

Primeira prova da “caixa misteriosa” teve ingredientes 100% vegetarianos. (Foto: Carlos Reinis/Band)

Na primeira prova, os jurados afirmaram que queriam pratos vegetarianos de alta gastronomia, bem executados com técnicas contemporâneas. “Uns vegetais salteados não é o que estamos esperando”, destacou Paola Carosella. O objetivo seria fazer um cardápio capaz de levar “os jurados a sonharem”. Passados 15 minutos, ainda havia muitos competidores que não sabiam ainda o que iriam apresentar.

Embora tenha cometido uma gafe e confundido lentilha com ervilha, a pernambucana Mirna Gomes executou o melhor prato: uma combinação de grãos salteados com espuma de cogumelo, tomate confit, picles de erva-doce e rabanete. Além dela, o mineiro Clécio e Monique também se salvaram da prova de eliminação.

Eliminação

Na última prova da noite, os competidores tiveram que cortar e separar as partes de um frango. O número de peças cortadas corretamente seria o que definiria o número de ingredientes que cada um deles poderia pegar no mercado. Alguns, como Francisco, executaram o corte com perfeição e puderam escolher 10 ingredientes. Outros não mostraram tanta habilidade, como a eliminada Berta, que contou com apenas 4 ingredientes para executar a sua receita.

Curiosamente, dois dos três melhores pratos foram executados por participantes que tinham menos ingredientes disponíveis – Lubyanka e Raissa -, mas foi Irina que acabou levando o melhor prato, com uma coxa recheada com farofa de castanha e velouté nordestino.

O curitibano Ravi Leite apostou no clássico francês: velouté de frango, com foie gras, cogumelo paris e chips de batata. Apesar de ter sido elogiado pelos jurados, o prato foi considerado mediano. O principal defeito apontado foi que o sabor o foie gras se sobressaiu sobre o frango, que deveria ser a estrela da prova.

Berta foi eliminada. “O teu prato era uma explosão de muita coisa, desde a apresentação até o excesso de temperos em vários lugares. O seu purê não era um purê, era uma sopa e estava carregado. E o seu frango estava amargo e feio”, criticou Paola Carosella.

LEIA TAMBÉM

Restaurantes do Eataly recriam pratos famosos de suas unidades italianas

5 motivos legítimos para devolver um prato no restaurante

Você sabe como ter certeza de que seu copo de cerveja está limpo?

Compartilhe

8 recomendações para você