Prêmio Bom Gourmet 2018

Sabor Especial

Drink

Conheça o melhor drink de Curitiba eleito pelo Prêmio Bom Gourmet 2018

por
Compartilhe

vencedores_22

GIM-TÔNICA DA CASA
Ginger Bar

Foto: divulgação

Foto: divulgação

O drink vencedor é um clássico personalizado com receita da casa. No Ginger, todos os preparos de gim-tônica são aromatizados de forma diferente, dependendo da escolha do rótulo pelo cliente. No caso desta bebida, o gim usado é o Gordon’s, de estilo London Dry. Para completar, água tônica e dois ingredientes de harmonização que dão o toque final à bebida: pimenta rosa e anis estrelado. Preço: R$ 15.

Voto: Estrela Ruiz Leminski.

Desempate
Com três indicações para o Ginger Bar, a equipe do Prêmio Bom Gourmet ficou com a tarefa de escolher qual dos três drinks era o melhor. A escolha teve como base o sabor, o drinkability e a apresentação, e neste caso o clássico Gim-Tônica levou a melhor.

>> VEJA TODOS OS VENCEDORES DO PRÊMIO BOM GOURMET 2018

Indicados

Foto: divulgação

Foto: divulgação

VESPER
GINGER BAR

Originalmente feito de gim, vodka e Kina Lillet, a bebida foi inventada pelo famoso personagem James Bond no livro Casino Royale, de Ian Fleming. Como o vermute original do coquetel não é importado para o Brasil, o Ginger Bar infusiona seu próprio vermute e depois mistura os ingredientes em uma coqueteleira com gelo. O coquetel é servido na taça coupe, a taça de champagne clássica. Preço: R$ 23.

Voto: André Mendes. 

Confira o serviço completo.

Foto: divulgação

Foto: divulgação

DRY MARTINI
GINGER BAR

O cliente pode escolher entre uma imensa variedade de gins para personalizar o clássico Dry Martini: são 45 opções. O drink ainda leva Vermute Extra Dry e azeitonas. A bebida então é mexida no mixing glass previamente gelado, enquanto a taça Martini também é resfriada. Tudo para que a bebida, quando servida, esteja na temperatura perfeita. Preço: R$ 19.

Voto: Priscilla Muller.

Confira o serviço completo.

Foto: divulgação

Foto: divulgação

BASTARD BUCK
WE ARE BASTARDS PUB

Assinado por Jhony Narita, o drink é uma desconstrução do tradicional Moscow Mule. Tem como base uma dose de vodka Absolut, limão taiti, maracujá, cerveja, malte e a espuma de gengibre. O diferencial fica por conta da cerveja artesanal utilizada, a Ginger Ale Bastards, feita na própria casa, além do toque de pólen e do malte que finalizam a preparação. Preço: R$ 24.

Voto: Zé Rodrigo.

Confira o serviço completo.

Foto: divulgação

Foto: divulgação

MOSCOW MULE
OFFICINA RESTÔ BAR

Clássico dos anos 50, a receita original leva somente vodka, ginger beer e limão. A famosa espuma de gengibre, popularmente conhecida no Brasil, foi invenção do premiado mixologista brasileiro Marcelo Serrano, devido a falta de ginger beer no país. Serrano prestou curadoria ao Officina no ano de sua abertura e presenteou o bar com a receita original de sua invenção: vodka, limão, angostura, xarope de açúcar e espuma de gengibre. Preço: R$ 27.

Voto: Cesar Roberto Franco.

Confira o serviço completo.

Foto: divulgação

Foto: divulgação

AMARETTO SOUER
LA CHAMPAGNERIA

A releitura do Amaretto Sour tradicional é um dos cocktails mais solicitados da casa. A receita leva bourbon, amaretto, limão siciliano, marshmallow tostado e clara de ovo. O sabor final tem notas amadeiradas, por conta do bourbon; de amêndoas, por conta do Amaretto, além do toque cítrico do limão. Com uma proporção maior de bourbon, o drink é mais equilibrado e levemente mais alcoólico do que o original. Preço: R$ 32.

Voto: Ricardo Mercer.

Confira o serviço completo.

Foto: divulgação

Foto: divulgação

BALACOBACO
ANANÃ COQUETÉIS

Coquetel de textura cremosa, doçura equilibrada e final herbal. Sua composição leva duas cachaças: uma envelhecida em barril de carvalho de vinho jerez, o que garante as notas tânicas da bebida, e outra envelhecida em barril de amburana, o que garante o dulçor. O coquetel leva ainda creme de coco produzido na casa, açúcar orgânico, água, suco de limão e um toque de absinto. Preço: R$ 16.

Voto: Paola Orlowski.

Confira o serviço completo.

Foto: divulgação

Foto: divulgação

PICKLERICK
COSMOS G/ASTROBAR

A mistura de steinhäger, licor de maçã, tônica orgânica e pepino japonês cria um drink refrescante e frutado. A ideia é reintroduzir o steinhäeger, uma bebida alemã com base em zimbro e cereais, apelidada de “german gin”, aos curitibanos. O destilado é bastante conhecido nos bares e famílias de imigração alemã, mas pouco utilizado nos menus de cocktail bar, o que torna interessante a proposta deste drink. Preço: R$ 18.

Voto: Bic Müller. 

Confira o serviço completo.

Foto: Kelly Knevels

Foto: Kelly Knevels

G & TEA
+55 BAR

Para começar, o cliente escolhe entre três sabores de chá Moncloa, com opções florais, herbais, frutadas, cítricas e botânicas. O bartender então faz a infusão a frio no gim, respeitando o tempo específico de cada tipo de chá. Para finalizar, são adicionados o limão siciliano e a água tônica. A cada noite, três opções diferentes de chá são oferecidas, totalizando 12 sabores. Preço: R$ 25.

Voto: Cristiane Canet Mocellin. 

Confira o serviço completo.

vencedores_50

Priscilla Muller
Arquiteta e urbanista, pós graduada, mestre na Espanha e amante da gastronomia. A cozinha sempre foi o palco principal de suas relações familiares e encontros: sua casa é sempre uma festa.
Estrela Ruiz Leminski
É escritora, produtora, compositora e DJ. Tem dois livros de poesia, três CDs autorais além de um disco como intérprete das canções de seu pai, Paulo Leminski. Não gosta de cerveja, mas adora vinhos e drinks.
Zé Rodrigo
É músico. Em 2013, recebeu o título de Embaixador da Boa Vontade pela World Sports Alliance por serviços prestados à cultura brasileira. Com mais de 20 anos de carreira, garante que já provou todos os melhores drinks de Curitiba.
Paola Orlowski
É publicitária e designer. Morou nos Estados Unidos, Espanha, Inglaterra e Argentina, onde buscou conhecer a gastronomia local. Curte muito a vida noturna e adora conhecer novos bares.
Bic Müller
Blogueira e consultora de estratégias em Mídias Sociais. Trabalhou como roteirista durante quatro anos e atualmente produz conteúdo com foco em gastronomia e estilo de vida em Curitiba.
André Mendes
Artista plástico, vive e trabalha em Curitiba. Acredita que um bom drink vai além da fusão de bons ingredientes. A música, a atmosfera e a boa companhia são fundamentais para que tudo esteja em harmonia.
Cesar Franco
Relações Públicas, especialista em Gestão de Crise e apaixonado por gastronomia. A profissão o faz circular muito e frequentar vários restaurantes, bares e cafés.
Ricardo Mercer
Publicitário e sócio da Candy Shop, agência de publicidade e design. Se considera um “foodie”, pois é apaixonado por bares e restaurantes e está sempre em busca de novos sabores e experiências gastronômicas.
Cristiane Canet Mocellin
É corretora de valores e commodities, consultora financeira e industrial do setor de bebidas. Adora esportes, artes e é colecionadora de gim.

LEIA MAIS:

>> VEJA TODOS OS VENCEDORES DO PRÊMIO BOM GOURMET 2018

Compartilhe

8 recomendações para você

CADASTRE-SE NA GAZETA DO POVO E TENHA ACESSO ILIMITADO GRÁTIS AOS CONTEÚDOS EXCLUSIVOS DO BOM GOURMET ATÉ O DIA 31 DE OUTUBRO.